Humberto: “Campanha de Dilma vai crescer em Pernambuco”

Coordenador da campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT), o senador Humberto Costa (PT), disse que a petista ainda vai crescer mais no Estado. “Temos andado por Pernambuco e o que temos observado é que o desejo da população de ampliar, continuar e melhorar o que vem sendo feito. A gente vê o povo vindo perguntar quem é que está com Dilma, pedindo material, querendo se engajar. E o ritmo segue crescendo”, afirmou o senador.
Humberto acompanhou, ontem, a agenda de campanha da coligação Pernambuco Vai Mais Longe. Junto com o senador licenciado e candidato ao Governo de Pernambuco, Armando Monteiro (PTB), o seu candidato a vice, deputado federal Paulo Rubem (PDT), e o candidato ao Senado,  deputado federal João Paulo (PT), Humberto cumpriu uma maratona de atividades de campanha. Ao todo, eles percorreram cinco cidades do Sertão do Pajeú: Triunfo, Carnaíba, Iguacy, Tabira e Afogados da Ingazeira.
O petista também reforçou a parceria entre as candidaturas de Dilma e Armando. “Pernambuco cresceu muito com Lula e Dilma. E precisa avançar ainda mais. Por isso, temos que reforçar mais a parceria. Precisamos de alguém que pense como Dilma, que seja um líder, que tenha uma história de luta. E a pessoa que preenche esses requisitos é Armando Monteiro.

Humberto também aproveitou para defender o nome de João Paulo como candidato do PT ao Senado. “João Paulo vem de uma origem humilde, tem um trabalho em defesa dos que mais precisam e importantíssimo que a gente eleja ele para estar com ele no Senado conosco para defender Dilma dos ataques infundados que vem recebendo da oposição”, afirmou.

Natural do Rio de Janeiro, é jornalista formado pela Favip. Desde 1990 é repórter do Jornal VANGUARDA, onde atua na editoria de política. Já foi correspondente do Jornal do Commercio, Jornal do Brasil, Folha de S. Paulo e Portal Terra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.