Oposição cobra solução imediata para greve dos professores

A liderança da oposição na Assembleia Legislativa resolveu cobrar do Governo do Estado solução imediata para que a greve dos professores, iniciada na tarde desta sexta-feira (10), seja resolvida e os estudantes não sejam prejudicados. Para a oposição, a greve se deu por inabilidade do governo em negociar com a categoria e pelo não cumprimento da lei do piso salarial do magistério.

“Até agora, o Estado não cumpriu o piso, que era para ter sido feito em janeiro. Esse aumento de 13,01% já foi implementado em mais da metade dos Estados brasileiros. Nós não estamos nem cobrando a promessa de campanha que foi de dobrar o salário dos professores, até porque o governador ainda tem tempo. Queremos que a lei possa ser cumprida. É fundamental que o governo apresente solução o quanto antes para impedir que a greve dos professores se estenda por mais alguns dias”, disse o líder da oposição, deputado Sílvio Costa Filho (PTB), exigindo que o governo abra imediatamente o diálogo com os professores e implante o piso para toda a categoria.

A liderança da oposição ainda se dispôs a ajudar nas negociações entre sindicato dos trabalhadores em educação e Governo do Estado.

Natural do Rio de Janeiro, é jornalista formado pela Favip. Desde 1990 é repórter do Jornal VANGUARDA, onde atua na editoria de política. Já foi correspondente do Jornal do Commercio, Jornal do Brasil, Folha de S. Paulo e Portal Terra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.