PE recebeu meio milhão de visitantes durante o São João

No período junino, Pernambuco recebeu 558.123 visitantes que movimentaram na economia R$249.371.727. Mais de 87% dos visitantes que estiveram em Pernambuco durante o São João 2015 avaliaram como ‘bom e ótimo’ os festejos juninos do Estado. A intenção de retornar a Pernambuco no mesmo período, nos anos seguintes, é de 95%. Para 93% dos visitantes, a festa superou ou correspondeu às expectativas. Sobre os atrativos turísticos, 86% consideraram ‘bom e ótimo’.

Os dados fazem parte da pesquisa realizada pela Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco (Seturel-PE), por meio da (Empetur), entre os dias 21 e 26 de junho, nos municípios com tradição junina e nos principais portões de saída do Estado. Para a pesquisa foram abordadas, aproximadamente, 50 mil pessoas. O levantamento aponta que a maioria dos visitantes avaliou o São João positivamente. Os destaques são hospitalidade do povo pernambucano, com 93%, e serviços de alimentação, com 90%.

Em média, os visitantes permaneceram cinco dias no Estado. Os municípios pernambucanos continuam sendo os principais emissores de turistas para os polos de festejos juninos, seguidos dos estados da Bahia, Paraíba, São Paulo e Alagoas. Automóvel, ônibus e avião foram os meios de transportes mais utilizados pelos visitantes. O gasto médio diário do turista que veio de avião foi de R$ 155. 70% dos visitantes ficaram hospedados em casa de amigos e parentes e 13% nos hotéis do Estado.

Mais de 70% dos que responderam a pesquisa informaram que já conheciam o São João de PE. Dos visitantes entrevistados, 97% revelaram que recomendariam o São João do Estado para outras pessoas. “A aceitação do São João pelo público é reflexo do trabalho que estamos realizando na promoção do destino Pernambuco dentro e fora do Estado, estamos trabalhando para alavancar o turismo interno”, comenta o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras.

HUB

Durante o período junino, os entrevistados também puderam opinar a respeito do melhor local para a instalação do HUB (Centro de Conexões de Voos) da LATAM. Na pesquisa, foram observados os estados de residência permanente dos turistas, excetuando moradores de Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte, estados que estão concorrendo ao HUB. Para 82% dos turistas residentes no Norte, Nordeste, Sudeste, Sul e Centro Oeste, o HUB da Latam deveria ser instalado no Recife.

Pedro Augusto é jornalista e repórter do Jornal VANGUARDA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.