Projeto “Maria da Penha vai à Escola” intensifica ações em Garanhuns‏

A Secretaria Municipal da Mulher (Secmul) segue intensificando as ações do projeto “Maria da Penha vai à Escola”, em Garanhuns. Ao todo, quatro escolas devem ser visitadas até a próxima sexta-feira (20), recebendo discussões temáticas que englobam o universo da mulher na sociedade. O projeto, que conta com o apoio da Secretaria de Educação e Esportes (Seduce), visa levar o debate até as salas de aula, promovendo uma reflexão entre alunos e funcionários das instituições.

Nesta segunda-feira (16), o projeto aconteceu nas dependências do Centro Social Monsenhor Callou, no bairro Magano. O momento contou com a participação de toda comunidade escolar. Na quarta-feira (18) será a vez da Escola Virgília Garcia Bessa, na comunidade Castainho; a partir das 9h30 funcionárias da secretaria estarão promovendo as atividades na localidade.

Na quinta-feira (19) a ação acontece na Escola Amélia Maria, a partir das 19h, em Heliópolis; a participação será do grupo de Ensino para Jovens e Adultos (EJA). Encerrando as atividades da semana, na sexta-feira (20), o projeto estará com alunos e equipe pedagógica da escola Julião Capitó, no distrito de Iratama, às 14h, tendo entre as ações uma roda de conversa e apresentação de vídeos educativos.

A secretária da mulher de Garanhuns, Eliane Simões ratificou a importância de fortalecer as atividades. “Nós conseguimos neste semestre abranger o número de escolas em que estamos trabalhando, com 20 escolas em que as ações estão sendo intensificadas. Já que a nossa intenção é que toda a Rede Municipal de Educação esteja envolvida pelo Maria da Penha vai à Escola, que é um projeto preventivo. E é uma das ações mais importantes que temos na secretaria, porque paralelamente precisamos fazer um trabalho com a sociedade para que haja uma mudança de vários traços culturais em relação a mulher”, pontuou.

Natural do Rio de Janeiro, é jornalista formado pela Favip. Desde 1990 é repórter do Jornal VANGUARDA, onde atua na editoria de política. Já foi correspondente do Jornal do Commercio, Jornal do Brasil, Folha de S. Paulo e Portal Terra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.