Interdições de trânsito no Relógio de Flores passam a valer neste sábado

A Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT) informa que, a partir deste fim de semana – dias 26 e 27 –, todos os sábados e domingos dos meses de novembro e dezembro, em decorrência da realização do Natal Luz 2016, dois trechos do entorno do Relógio de Flores, na avenida Rui Barbosa, serão interditados para garantir a segurança dos pedestres que circulam entre o atrativo turístico e a Feira de Artesanato, instalada no antigo prédio da Rádio Jornal. As interdições acontecerão sempre das 19h às 00h.

Entenda as alterações de trânsito 

Os condutores que estiveram no sentido centro-relógio, irão ter que entrar ao lado do Banco Bradesco, pois a subida não será permitida. Já os motoristas que estiverem vindo da avenida Duque de Caxias, passando pela rua Emília Valença, para descer pela parte alta da avenida, também não poderão cruzar o trecho em frente ao Chalé II – nesse caso, a orientação é, ao invés de descer, subir a avenida em direção ao Batalhão da Polícia Militar e buscar vias alternativas, como a avenida Júlio Brasileiro. Já quem estiver chegando à cidade pela entrada principal, ou estiver no sentido subúrbio-centro, poderá descer normalmente pela avenida Rui Barbosa. Agentes de trânsito da AMSTT estarão nas vias orientando o fluxo.

Grande movimentação de pedestres

Chegando ao terceiro fim de semana de programações, o Natal Luz 2016 tem registrado grande público, principalmente nas praças decoradas – Fonte Luminosa e Relógio de Flores. O número de moradores e turistas circulando pelas vias, em famílias inteiras, aumenta nos finais de semana. A proposta da estratégia de trânsito é dar maior mobilidade aos pedestres e, consequentemente, a segurança nos percursos.

Natural do Rio de Janeiro, é jornalista formado pela Favip. Desde 1990 é repórter do Jornal VANGUARDA, onde atua na editoria de política. Já foi correspondente do Jornal do Commercio, Jornal do Brasil, Folha de S. Paulo e Portal Terra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.