TJPE elege nova mesa diretora nesta terça-feira (‪14‬)

Os desembargadores do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) elegem, nesta terça-feira (14/11), os membros da Mesa diretora para o biênio 2018/2019. A sessão ordinária do Tribunal Pleno acontece às 9h30, na Sala Desembargador Antônio de Brito Alves, no 1º andar do Palácio da Justiça. Os magistrados serão eleitos à Presidência, às 1ª e 2ª Vice-Presidências e à Corregedoria Geral da Justiça do TJPE.

A posse dos novos membros da mesa acontece no mês de fevereiro de 2018. Na pauta da reunião, também estão programadas as eleições dos membros, e seus respectivos suplentes, para compor o Conselho da Magistratura, como também os membros e suplentes da Comissão de Organização Judiciária e Regimento Interno, da Sistematização e Publicação de Precedentes Judiciais; de Acesso à Justiça e Cidadania; e da Comissão de Direitos Humanos.

Ainda de acordo com o Ato 1201/2017, publicado em 01 de novembro no Diário de Justiça eletrônico (DJe), haverá a homologação pelo Tribunal Pleno da prorrogação do funcionamento das 1ª e 2ª Câmara Extraordinárias Criminais, da 2ª Câmara Extraordinária de Direito Público, e da 2ª Câmara Extraordinária Cível.

Franquias de comunicação, informática e eletrônicos cresce no 3º trimestre de 2017

A ABF – Associação Brasileira de Franchising -, divulgou o balanço do faturamento do setor no terceiro trimestre de 2017. De acordo com a entidade, as franquias faturaram mais de R$ 41 bilhões, um crescimento de 7,8% se comparado ao mesmo período do ano passado.

Dentro do setor, o segmento de comunicação, informática e eletrônicos se destacou, seu crescimento foi o segundo maior no trimestre, com 12,7%, ficando atrás apenas de entretenimento e lazer.

A KingCase, por exemplo, é uma franquia especializada em cases personalizadas para celular, além de outros acessórios para celular e informática. A rede aparece como uma boa opção para investir, já que os equipamentos eletrônicos estão cada vez mais em evidência e, mais ainda, são frequentemente trocados pelos usuários. Com investimento inicial a partir de R$ 50 mil, a KingCase oferece um faturamento médio mensal de R$ 40 mil.

A marca se destaca no ramo, já que oferece não apenas cases convencionais e prontas, mas as personalizadas, com fotos e imagens escolhidas pelo dono do celular, tornando o produto muito mais personalizado. Essas cases são trocadas com frequência, não apenas para diversificar, mas quando há a necessidade de trocar de aparelho, por exemplo.

Outro motivo para investir em uma franquia com alta rentabilidade são os outros acessórios, como carregadores portáteis, quem nunca ficou sem bateria e não tinha uma tomada para carregar? Ou os famosos fones de ouvido que acabam por enroscar ou funcionar apenas um lado.

Confiança do Agronegócio sobe 6,7 pontos no 3º trimestre, para 99,1 pontos

O Índice de Confiança do Agronegócio (IC Agro), medido pela Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) e pelo Departamento do Agronegócio (Deagro) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), subiu 6,7 pontos no 3º trimestre deste ano em relação ao 2º trimestre, ficando em 99,1 pontos, indicando uma melhora significativa das expectativas, embora o entusiasmo ainda não tenha retornado aos níveis de 2016, quando no mesmo período registrou 106,3 pontos. De acordo com a metodologia do estudo, uma pontuação acima de 100 pontos corresponde a otimismo e abaixo disso indica baixo grau de confiança.

A recuperação do indicador foi percebida em todos os segmentos pesquisados. A indústria antes da porteira (insumos agropecuários) somou 104,8 pontos, alta de 11 pontos ante o trimestre imediatamente anterior. “Algumas incertezas que pairavam sobre o setor ao longo do ano foram amenizadas. Até a pesquisa atual as vendas de defensivos e fertilizantes avançaram pouco, uma vez que muitos produtores mantiveram uma postura mais cautelosa, adiando as aquisições dos insumos, diante dos baixos preços das principais commodities agrícolas, como a soja e o milho. À medida em que o plantio da safra de verão se aproximou, porém, as negociações voltaram a ocorrer, o que justifica a melhora da percepção das indústrias de insumos”, aponta Antonio Carlos Costa, gerente do Deagro da Fiesp.

Para a indústria depois da porteira (como as de alimentos e tradings), houve avanço de 5,8 pontos, para 102,7 pontos, ante o último levantamento. O resultado mostra que essas empresas retornaram a um patamar de otimismo moderado, muito próximo ao registrado em 2016. “A análise do resultado mostra que, embora as condições do mercado brasileiro ainda não sejam ideais, a continuidade do processo de ajuste econômico segue inspirando confiança, lembrando que este setor é um dos mais diretamente beneficiados em um cenário de aceleração da recuperação do poder de compra do consumidor, como é esperado para 2018”, avalia Costa.

Já para o produtor agropecuário, o avanço foi de 5,9 pontos em relação ao trimestre anterior, para 93,2 pontos. Ainda que pelo terceiro levantamento consecutivo o indicador permaneça abaixo dos 100 pontos, a recuperação não deixa de ser uma boa notícia. “Os resultados mostram que a confiança aumentou mais entre os pecuaristas do que entre os produtores agrícolas, depois de atingir o menor nível da série histórica”, diz Márcio Lopes de Freitas, presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).

Em comum, o crédito foi um dos aspectos que contribuiu para melhorar os ânimos nos dois grupos. Segundo Márcio Freitas, “isso é consistente com um ritmo mais adequado de liberação dos recursos disponíveis para os produtores, que ocorre atualmente com mais facilidade do que na safra passada. Contribuiu também a resolução das pendências do crédito dirigido às cooperativas, a partir da publicação da Resolução nº 4.597, de 28 de agosto de 2017”.

O avanço do indicador apresentou uma alta mais moderada para o produtor agrícola dentre todas as categorias pesquisadas, ao alcançar 92,9 pontos, aumento de 3,1 pontos. No trimestre, os ânimos melhoraram em outro aspecto relevante: os preços agrícolas de commodities importantes como a soja e o milho se recuperaram um pouco em relação ao 2º trimestre, com a abertura de algumas janelas de comercialização.
No entanto esse movimento foi ofuscado pelo menor entusiasmo em relação à produtividade. “Isso era previsto, já que não se espera que as lavouras de grãos repitam os resultados recordes obtidos na safra passada”, observa Freitas.

Por fim, os pecuaristas formam o grupo que mais ganhou confiança no trimestre. Seu indicador subiu 14 pontos, chegando a 94,2 pontos. Depois de registrar no 2º trimestre o patamar mais baixo da série histórica (80,2 pontos), o indicador mostrou recuperação, embora esteja ainda abaixo dos 100 pontos.

“Vale destacar que no trimestre passado, os horizontes no mercado de carnes eram muito incertos: o setor ainda sofria as consequências da Operação Carne Fraca e pairavam muitas dúvidas após a delação da JBS, em maio desse ano. A melhora nos preços do boi ajudou a melhorar o ânimo dos pecuaristas”, completa Costa, da Fiesp.

Cerimônia reconhece exemplos do empreendedorismo feminino no país

Mais de 3,5 mil empreendedoras de todo o país se inscreveram na 13ª edição do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, que será entregue nesta segunda-feira (13), em Brasília (DF). Com a finalidade de estimular e fortalecer o empreendedorismo feminino, a premiação reconhece, desde 2004, histórias de sucesso de empresárias brasileiras, e é dividida nas categorias Microempreendedora Individual (MEI), Produtora Rural e Pequenos Negócios. A ideia do Prêmio é dar mais visibilidade e novas oportunidades para as participantes, sensibilizando outras mulheres a compartilhar experiências.

As finalistas são selecionadas em duas etapas consecutivas: estadual e nacional. A banca de juízes da etapa nacional faz a análise e avaliação das candidatas vencedoras da Etapa Estadual, das melhores práticas de gestão e empreendedorismo. No ciclo de 2017, as regiões Norte e Sudeste registraram o maior volume de inscritas. Já na contabilidade por setor, as empresas de pequeno porte de Comércio e Serviços contabilizaram mais inscrições. Empreendedoras com idade entre 35 e 54 anos representaram quase 60% do total de inscritas na premiação.

Segundo a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), divulgada no Brasil pelo Sebrae, 31% das empresas no Brasil são geridas por mulheres. Atualmente, elas têm uma taxa de empreendedorismo superior a dos homens: 15,4% contra 12,6%. Para o presidente da instituição, Guilherme Afif Domingos, isso pode sinalizar um movimento mais forte de entrada de mulheres na atividade empreendedora. “Muitas mulheres abrem mão da profissão porque, em determinado momento, a carreira atinge um ponto em que é preciso fazer uma escolha entre a vida doméstica e o trabalho. É nos pequenos negócios que as duas coisas se conciliam, e a mulher pode cumprir as duas funções”, frisa.

O Prêmio Sebrae Mulher de Negócios é realizado em parceria com a Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), do Governo Federal; e a BPW Brasil – Federação das Associações de Mulheres de Negócios e Profissionais, com apoio técnico da Fundação Nacional de Qualidade (FNQ).

Programação

Semana Global
O Prêmio Sebrae Mulher de Negócios faz parte da programação da Semana Global do Empreendedorismo (SGE) 2017 será celebrada em todo o mundo na semana de 13 a 19 de novembro. A SGE é um movimento global que acredita na causa do empreendedorismo como motor para o desenvolvimento econômico social, e que busca promover melhorias no ambiente empreendedor brasileiro. Participam do movimento mais de 160 países, milhares de organizações e milhões de pessoas. Nos últimos 3 anos, a SGE mobilizou no Brasil mais de 2,5 milhão de pessoas, com cerca de 10.000 atividades – o que faz da Semana brasileira a maior do mundo, com sete premiações internacionais. No dia 13 de novembro estão previstas diversas atividades no Hotel San Marco, em Brasília. Depois da abertura do evento de premiação, às 9h, o Sebrae deve assinar um acordo de cooperação técnica com a BPW. Às 9h45, será realizado um talk show Mulheres que Inspiram, com vencedoras de edições anteriores do prêmio. Às 11h20 serão conhecidas as campeãs deste ano da premiação.

Reforma Trabalhista reforça a importância da tecnologia para o RH

A Reforma Trabalhista sancionada pelo presidente Michel Temer, em 13 de julho de 2017, propõe mais de 100 alterações na CLT, que está em vigor há 74 anos. O governo deseja modernizar e flexibilizar as relações de trabalho, abrindo espaço para negociações independentes entre empregado e empregador. Oficialmente, as novidades começaram a valer agora em novembro e traz mudanças na jornada, nas férias e até mesmo no trabalho intermitente.

Do ponto de vista tecnológico, é inviável se adequar à Reforma sem o apoio de um software atualizado, que garanta o cumprimento das novas regras em processos automatizados. Ciente disso, a TOTVS já fez os ajustes necessários nas suas plataformas de RH – que são flexíveis e já estavam com nível de aderência bastante adequado – porque acredita que soluções simples e fáceis de usar serão um diferencial na rotina das empresas durante esse processo de adequação.

Uma das principais alterações interfere na jornada de trabalho que, hoje, é de oito horas por dia, e permite até duas horas extras, totalizando 44 horas semanais. Com a mudança, a carga pode ter até 12 horas diárias, com 36 horas de descanso, mas mantendo o limite de 44 horas por semana. Já nas férias, o que muda é que na regra atual, o período de 30 dias poderia ser dividido em dois. Após a Reforma, elas poderão ser fracionadas em até três momentos, desde que um deles seja superior a 14 dias corridos e os demais a cinco dias corridos, cada um.

O trabalho remoto, o famoso home-office, que antes não era contemplado pela legislação, passou ser aceito e tudo o que o colaborador utilizar em casa para desempenhar as suas atividades – como os gastos com internet, energia e equipamentos – deverá ser formalizado com a empresa por meio de um contrato.

Outro ponto relevante diz respeito ao expediente intermitente, que não era contemplado na CLT, agora, o colaborador poderá ser pago por período e receberá pelas horas trabalhadas, mas terá todos os direitos assegurados como férias remuneradas, contribuição para a previdência, pagamento de 13º salário proporcional e FGTS. Essa forma de contratação também deverá ser registrada em contrato e o salário não poderá ser inferior ao salário mínimo por hora ou ao dos demais funcionários que exerçam a mesma função na empresa.

Com todas essas mudanças, as empresas precisam ter ferramentas que permitam controlar tudo isso em processos automáticos e que possibilite ao RH mais tempo para pensar na área de maneira estratégica – focando em ações que ajudem direcionar a gestão do capital humano à satisfação dos seus talentos e à produtividade. Sem inovação tecnológica, a área seguirá dedicada as funções operacionais.

A TOTVS está preparada para atender as necessidades da nova legislação, e está avançando no seu projeto de evolução de suas soluções de RH, previsto para ser finalizado em três anos e com um investimento de aproximadamente R$ 20 milhões. Além de seguir acompanhando as mudanças legislativas, a companhia investiu em um manual de orientações para clientes que irá ajudar a entender as mudanças e como os softwares irão ajudar.

“Acreditamos que ter processos automatizados é essencial para evitar multas e diminuir as possibilidades de erros neste momento de adaptação às novas regras. Além dos demais benefícios que a tecnologia traz para o RH, aqui o software atua como um agente facilitador da mudança”, afirma Marcelo Cosentino, vice-presidente de Professional Services da TOTVS.

Sobre a TOTVS

Provedora de soluções de negócios para empresas de todos os portes, atua com softwares de gestão, plataformas de produtividade e colaboração, hardware e consultoria, com liderança absoluta no mercado SMB na América Latina. Com mais de 50% de marketshare no Brasil, ocupa a 20ª posição de marca mais valiosa do país no ranking da Interbrand. A TOTVS está presente em 41 países com uma receita líquida de mais de R$ 2 bilhões. No Brasil, conta com 15 filiais, 52 franquias, 5 mil canais de distribuição e 10 centros de desenvolvimento. No exterior, conta com mais 7 filiais e 5 centros de desenvolvimento (Estados Unidos, México, China e Taiwan). Para mais informações, acesse o website www.totvs.com.

Adesão da Prova Brasil chega a 90% em Caruaru

As escolas da rede municipal de ensino de Caruaru contaram com a participação efetiva de cerca de 90% dos alunos na Prova Brasil que acontece a cada dois anos e tem como objetivo aferir o índice de avanço na educação, a partir de testes padronizados e questionários socioeconômicos.

Durante todo o ano letivo, os estudantes matriculados nas escolas municipais foram trabalhados pela Secretaria de Educação através de ações pedagógicas voltadas a importância do exame que é um indicador para auxiliar o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

Os testes foram aplicados nos quintos e nonos anos do Ensino Fundamental e os discentes responderam questões de Língua Portuguesa, com foco em leitura, e Matemática, na resolução de problemas.

Para Helaine Lima, aluna do 5° Ano, do CAIC, a Prova Brasil é uma referência, inclusive para avaliar o andamento da escola. “O exame veio medir o nosso desenvolvimento dentro da sala de aula e também se os professores estão atendendo as nossas necessidades. No decorrer da preparação, nós tivemos aulões, reforço e contamos com o auxílio dos professores que bateram em cima das nossas dificuldades, ou seja, uma relação de confiança, que com certeza, irá acarretar em boas notas”, garantiu.

A estudante Mariana Costa, matriculada no 9° Ano, da Escola Municipal Laura Florêncio, disse que a Prova Brasil despertou nela, o interesse pelos estudos. “Eu estava sem ânimo para estudar e vinha para o colégio por obrigação. A Prova Brasil me abriu os olhos para o futuro, afinal estou indo para o Ensino Médio e preciso ter, pelo menos, noção do que é mais exigido para obter sucesso no futuro”, explicou.

Professores e gestores das turmas e das escolas avaliadas também responderam a questionários que coletaram dados demográficos, perfil profissional e de condições de trabalho. A coordenadora da Prova Brasil, no município, Rose Carvalho, o exame é mais um aliado para avaliar a qualidade do ensino oferecido pelo sistema educacional. “A prova vai apontar indicadores para o desenvolvimento de políticas publicas, ou seja, a partir do resultado, as políticas públicas são redirecionadas”, ressaltou.

O resultado da Prova Brasil deve ser divulgado, em agosto do próximo ano.

CAAPE promove exames de prevenção do câncer de próstata em Caruaru

O câncer de próstata é o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens brasileiros – fica atrás apenas do câncer de pele não melanoma. Além disso, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), devem ser registrados 61,2 mil novos casos no País somente este ano.

Pensando no bem-estar dos advogados pernambucanos, e na importância da conscientização para prevenir a doença, a CAAPE promove a realização de exames de sangue gratuitos para os profissionais da advocacia para medir a concentração de PSA. A ação faz parte das atividades programadas pela entidade para o Novembro Azul e ocorre no próximo dia 21, das 10h às 13h, no Fórum de Caruaru. O Fórum fica localizado na Rua José Florêncio Filho, no bairro Universitário.

Para realizar o exame, além de apresentar a carteira da OAB, o advogado precisa ainda cumprir alguns pré-requisitos. São eles:

1. Estar em jejum de três horas;
2. Respeitar abstinência sexual de dois dias;
3. Não ter realizado exercício em bicicleta (normal ou ergométrica) por dois dias;
4. Não ter praticado equitação, usado supositório ou se submetido ao toque retal por dois dias;
5. Não ter sido submetido a sondagem uretral há três dias;
6. Não ter realizado ultrassom transretal da próstata há sete dias;
7. Não ter feito colonoscopia ou retosigmoidoscopia nos últimos 15 dias;
8. Não ter realizado estudo urodinâmico há 21 dias;
9. Não ter sido submetido a biópsia de próstata nos últimos 30 dias.

Quatro municípios do Agreste voltam a receber água pela rede de distribuição até dezembro

Obra inversao Adutora de Jucazinho

Os 70 mil moradores de Riacho das Almas, Passira, Cumaru e Salgadinho, na região Agreste, voltarão a ter água nas torneiras até o final deste ano. O retorno do abastecimento nas quatro cidades, que estão sendo atendidas exclusivamente por meio de carros-pipa desde o colapso da Barragem de Jucazinho, consequência de seis anos consecutivos de seca, só foi possível graças à decisão do governador Paulo Câmara quando inaugurou a Sistema Pirangi. Na ocasião, ele determinou que fossem realizadas duas obras importantes que estão sendo executadas, simultaneamente e em ritmo emergencial, com investimentos de R$ 3,4 milhões, por meio da Compesa. O sentido original do Sistema Jucazinho está sendo invertido para levar água do Sistema Prata/Pirangi até essas cidades. Antes, o caminho da água na adutora iniciava em Cumaru e seguia até a Estação de Tratamento de Água (ETA) Salgado, em Caruaru.

E para que essa intervenção tenha sucesso, a Compesa também está aumentando a capacidade de transporte do Sistema Prata/Pirangi com a ampliação das estações elevatórias que bombeiam a água. Haverá um aumento da capacidade de transporte do sistema de 750 litros, por segundo, para 950 L/s, por meio da substituição dos motores e bombas das estações elevatórias. “Estamos com intervenções nas três elevatórias de água bruta do Sistema Prata/Pirangi. Com a instalação de conjuntos motor-bomba mais potentes, atingiremos nosso objetivo”, afirmou o presidente da Compesa, Roberto Tavares. Essa obra é executada com recursos próprios, um investimento de R$ 2,6 milhões.

Para a obra de inversão do fluxo da adutora de Jucazinho é aplicado um valor adicional de R$ 800 mil. “O governador Paulo Câmara nos pediu uma solução para atender esses municípios e caímos em campo. Como Jucazinho continua em colapso e investimos na adutora do Prata/Pirangi, vamos levar essa água para socorrer a população. Estamos exatamente na fase de implantação de tubos para fazer a interligação na adutora de Jucazinho e construindo uma nova estação de bombeamento para permitir que a água chegue até o destino final”, explicou Roberto Tavares. A Barragem de Jucazinho, em colapso desde setembro do ano passado, fica localizada no município de Surubim. O manancial, que tem a capacidade de acumular 327 milhões de metros cúbicos de água, enfrenta o seu pior cenário, desde o início da operação da barragem pela Compesa, no ano de 2000. Em condições normais, a Barragem de Jucazinho atende 15 municípios da região Agreste, uma população de 800 mil pessoas.

/**/

Nutricionista incentiva a vivência da alimentação em família

A presença familiar na vida das pessoas é importante e exerce grande influência também no que diz respeito à nutrição. Os exemplos que os pais precisam dar aos filhos e os cuidados na alimentação da família podem ser fundamentais para uma vida mais saudável das crianças, em especial. Isso é o que afirma o coordenador do curso de Nutrição da Faculdade UNINASSAU Caruaru e Mestre em Educação de Ciências da Saúde, Adriano Oliveira.

Segundo o coordenador, ‘’na alimentação, diversos estudos da área nutricional apontam que as crianças são totalmente influenciadas pelos adultos, inclusive nas questões de paladar. Os nossos hábitos e atitudes vêm desde o berço, assim, as crianças carregam de forma natural uma mensagem de que seus pais sempre estão fazendo o que é de mais correto’’. Adriano ressalta a necessidade de que os pais deem bom exemplo também na alimentação que ingerem no dia a dia.

”A alimentação da criança é reflexo do que os pais comem em casa, não adiantando pedir para o filho não tomar refrigerantes se o pai toma todo dia. Portanto, é necessário, primeiramente, que os pais façam uma reeducação alimentar, quando estiver em casa, criar um hábito de comer produtos mais saudáveis, com menos quantidade de sódio, de açúcar e corantes’’, diz.

Negociar com os filhos também faz parte do processo de educação alimentar. ‘’A conversa é um dos melhores meios educacionais para a relação pais e filhos. Negocie com seu filho e determine um dia da semana para que ele possa comer alguns alimentos fora desse grupo de alimentos que não são recomendados’’, afirma Adriano. O nutricionista ainda dá dicas de quais alimentos precisam ser evitados, como: salgadinhos de pacote, refrigerantes, sucos industrializados, biscoitos recheados, chocolates e doces em geral. ‘’Esses alimentos aumentam o risco de obesidade, diabetes, pressão alta e outros problemas de saúde’’, ressalta o nutricionista.

A Casa dos Pobres São Francisco de Assis disponibiliza serviços médicos para a população de Caruaru e região

A Casa dos Pobres São Francisco de Assis disponibiliza serviços médicos para a população de Caruaru e região. A ideia é atender o sócio que contribui com a Casa no valor a partir de R$ 10,00 mensalmente. Consultas e exame de lâmina são disponibilizados com valor especial para o associado. As especialidades oferecidas pela Casa são as seguintes:

Nutrição

Neurologia

Geriatria

Clinico Geral

Psicologia

Fonoaudiologia

Fisioterapia

Terapia Ocupacional

Exame de lâmina (Citologia)

Ligue e marque sua consulta. O horário de marcação é das 8h às 12h e das 14h as 18h, de segunda a sexta-feira. O endereço da Casa dos Pobres São Francisco de Assis é Av. Lourival José da Silva, 483, bairro Petrópolis. O telefone para contato é o 3721-4325. O critério para ter acesso aos serviços é ser associado. Quem ainda não é associado, mas tem interesse em ser sócio e desfrutar dos serviços oferecidos é só ligar para o Telemarketing 3725-5132.