Educador Euclides Lima se torna Cidadão de Caruaru

IMG_6101

Wagner Gil

O empresário e professor Euclides Lima, diretor da Universidade Paulista (Unip), recebeu na noite da última segunda-feira (20), o título de Cidadão de Caruaru. A comenda foi uma propositura do vereador Alberes Lopes (PRB). Na ocasião, várias personalidades da sociedade local estiveram presentes na Casa Jornalista José Caros Florêncio, dentre elas, o presidente do poder Legislativo, Lula Torres, a esposa do homenageado Isabel Medeiros além de diversos amigos e o prefeito da cidade de Buenos Aires, José Fábio de Oliveira.

“Nesse momento fazemos uma justa homenagem a uma personalidade de destaque na nossa sociedade e que faz da educação, um grande objeto de transformação na vida das pessoas”, disse Alberes Lopes. “Na educação as raízes são amargas, mas seus frutos são doces”, completou o autor da propositura.

O presidente da Câmara também se pronunciou. ”A educação muda a vida das pessoas e investir nela é investir numa sociedade mais justa. Esse rapaz faz um excelente trabalho à frente da Unip e acaba contribuindo de forma significativa para o desenvolvimento de nossa cidade”, disse Lula Torres.

A esposa Isabel Medeiros, lembrou que há oito anos Euclides Lima chegou a Caruaru com um sonho. “Quando veio para Caruaru, ele acreditava que poderia ajudar muitas pessoas a realizarem seus sonhos. Mudar á vida as pessoas através da educação é fantástico”, disse emocionada, Isabel.

O prefeito de Buenos Aires, José Fábio de Oliveira, disse que Euclides é um grande motivo de orgulho para sua cidade. “Buenos Aires fica localizada na Zona Mata do Estado e tem pouco mais de 20 mil habitantes. Ele é uma pessoa humilde e que saiu de lá com um sonho: ajudar as pessoas através da educação e isso orgulha a todos. Vê-lo recebendo um título numa cidade da importância de Caruaru é motivo de festa para nossa cidade”, disse o prefeito.

Em sua fala, o diretor da Unip ressaltou a importância da instituição que deve passar dos três mil alunos este ano oferecendo vários cursos. Entre eles estão os cursos de Administração, Gestão de Pessoas, Ciências Contábeis, Pedagogia e Serviço Social. “Este ano estamos oferecendo dois novos cursos: Enfermagem e Educação Física”, destacou o novo Cidadão de Caruaru.

“Nós trabalhamos com educação, trabalhamos com sonho. Eu acredito na mudança de vida a partir da educação e como instrumento de mudança social”, finalizou o homenageado. No final, foi oferecido um coquetel para os convidados.

Tricentenário comemora dois anos na gestão do Hospital Mestre Vitalino

IMG_3116

Ontem (20), a Organização Social em Saúde do Hospital Tricentenário completou dois anos na gestão do Hospital Mestre Vitalino (HMV). A unidade 100% SUS é a maior e mais moderna do interior de Pernambuco, com mais de 47 mil metros quadrados. O investimento para construção foi de 102 milhões de reais, com verbas do governo Federal e Estadual.

O Tricenetnário tem muito que comemorar, pois ao longo desse segundo ano de gestão inaugurou o serviço de hemodinâmica, deu início aos atendimentos de gastropediatria para crianças com Síndrome Congênita do Zika/Microcefalia, além das cirurgias cardiológicas e o recente anúncio da assinatura da ordem de serviço para a Oncologia, tudo isso voltado para o atendimento humanizado de mais de um milhão de habitantes que residem nos 53 municípios que compõem a 4ª e 5ª região de Saúde.

Em comemoração a data, a direção do HMV preparou um momento de confraternização para todos os colaboradores da unidade. Na oportunidade o diretor do Hospital, Dr. Marcelo Cavalcanti, agradeceu a equipe pelo trabalho neste período. “Se pudéssemos voltar e ouvir o discurso de um ano atrás perceberíamos que hoje o que vou dizer só vem reforçar a gratidão que sentimos de poder administrar este hospital com pessoas tão competentes e empenhadas. Tenho certeza que não teríamos conseguido levar para a população o SUS que ela merece, se vocês não estivessem conosco lidando diretamente com essa assistência. Então hoje só nos resta agradecer e dizer que queremos estar junto com vocês por muito anos”, pontuou.

Durante o momento, o diretor médico da unidade, Dr. Marco Túlio; a chefe de enfermagem, Renide Melo; e o coordenador administrativo do Hospital do Tricentenário, Murilo Rocha; também externaram seus agradecimentos. Em seguida, todos os colaboradores participaram de um coffee break.

Obra da Adutora do Agreste chega na área urbana de Pesqueira

Adutora do Agreste Pesqueira  3

Mesmo enfrentando dificuldades financeiras, as obras da Adutora do Agreste começam a entrar na área urbana de Pesqueira, região do Agreste Central. As intervenções iniciaram na cidade com uma frente de trabalho para o assentamento de tubulações na Avenida Ézio Araújo, no bairro da Baixa Grande. Ao todo, serão implantados quase três quilômetros de adutora (400 a 500 milímetros de diâmetro) dentro da cidade até janeiro do próximo ano. As escavações seguirão pela Rua Alonso Cavalcanti Maciel e depois pela PE-219, sentido Cimbres. Pesqueira será um dos primeiros municípios do Agreste que receberão água da Transposição do Rio São Francisco graças à Adutora do Moxotó, outra obra estruturadora que está em andamento e vai antecipar a chegada da água do Canal do Eixo Leste da Transposição na Estação de Tratamento de Água, em Arcoverde. Nesta unidade, o sistema será interligado à Adutora do Agreste, e de lá a água será transportada para Pesqueira e outras oito cidades da região.

Dos 70 quilômetros de extensão da Adutora do Moxotó, 55 quilômetros já estão prontos. “Estamos preocupados com o término da Adutora do Moxotó. A água teria condições de chegar em Arcoverde ainda neste ano mas, por falta da liberação de recursos por parte do governo federal, é bem possível que a obra não fique pronta em dezembro, como gostaríamos”, informa o presidente da Compesa, Roberto Tavares, lembrando que esse empreendimento foi a alternativa encontrada pela companhia, a pedido do governador Paulo Câmara, para permitir que a água do São Francisco abasteça Arcoverde, Pesqueira, Alagoinha, Venturosa, Pedra, Sanharó, Belo Jardim, Tacaimbó, São Bento do Una e São Caetano. A Adutora do Moxotó foi projetada para transportar uma vazão de 450 litros de água, por segundo.

Até o momento, já foram construídos 405 quilômetros da Adutora do Agreste e mais de R$ 700 milhões investidos somente na primeira etapa da obra, que iniciou em 2013 e vai beneficiar 23 municípios. A segunda etapa do projeto ainda não foi conveniada e atenderá os outros 45 municípios da região. “Essa obra será a redenção para todo Agreste, região de muitos desafios e com o pior balanço hídrico do país. O Governo Paulo Câmara está preparando uma estrutura hídrica em Pernambuco para que tenhamos resiliência, e possa deixar para o futuro uma estrutura que dependa cada vez menos do regime de chuvas”, explica Roberto Tavares. Hoje, a obra está com 14 frentes de trabalho simultâneas atuando nos sete lotes do empreendimento. A expectativa da Compesa era que o governo federal fizesse o repasse de R$ 360 milhões, neste ano, mas até agora a Adutora do Agreste só recebeu R$ 67,6 milhões, o menor repasse anual desde o início das obras.

Empresa Coletivo recebe ação do ICIA

Nesta quarta-feira (22), a empresa Coletivo irá realizar uma ação de conscientização sobre o câncer de próstata com uma programação especial em alusão ao Novembro Azul, mês de combate e prevenção da doença.

O evento conta com uma programação especial para os colaboradores da empresa que receberão cuidados estéticos e orientações sobre a prevenção do câncer de próstata. Dentro da grade da programação será realizada uma palestra oferecida pelo Intitulo do Câncer Infantil do Agreste (ICIA), que tem como objetivo principal alertar e orientar a população sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil e os primeiros sintomas da doença.

A data oficial do Dia Nacional de Combate ao Câncer Infanto-Juvenil é 23 de novembro, conforme lei sancionada, sob nº 11.650 de 4 de abril de 2008, para que todas as instituições do Brasil, com trabalho voltado às crianças e adolescentes com câncer, realizem em seus Estados práticas públicas de conscientização.

De acordo com os dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) estima-se a ocorrência de 12.600 novos casos de câncer na faixa etária de zero a 19 anos em 2017. Entre os tipos de câncer mais comuns entre crianças e adolescentes estão as leucemias, que representam o maior percentual de incidência (26%) nessa faixa etária, seguida dos linfomas (14%) e tumores do sistema nervoso central (SNC) (13%).

SERVIÇO:

Palestra do ICIA sobre o DNCCI

Local: Garagem da Empresa Coletivo

Data: 22/11/17

Hora: 10 h

Asces-Unita lança pós-graduação em Educação Física Escolar

educação fisica

O Centro Universitário Tabosa de Almeida (Asces-Unita) lança pós-graduação em Educação Física Escolar, que tem como objetivo o aprofundamento na área de atuação, construindo os conhecimentos úteis e relevantes para a intervenção profissional em instituições públicas e privadas de educação básica.

Com o público-alvo voltado para profissionais de Educação Física e de áreas afins que tenham interesse em ampliar o conhecimento e melhorar o desempenho na profissão, o curso acontecerá aos sábados, das 8h às 17h, com encontros quinzenais na própria instituição. O curso tem duração de 18 meses, com início previsto para maio de 2018.

Com aulas práticas, o corpo docente é composto, na sua maioria, por Mestres e Doutores. É o único curso com aulas presenciais no Agreste de Pernambuco e uma grade curricular abrangendo o universo da educação básica, esporte, saúde e cultura corporal como diferenciais.

Os interessados podem fazer a inscrição através do site http://asces.edu.br/pos/. Informações: 2103 2056.

UNINASSAU Caruaru realizará I Festival de Gastronomia

gastronomia

A Faculdade UNINASSAU Caruaru realizará, nesta sexta-feira (24), das 19h às 22h, no Auditório da Instituição, o seu I Festival de Gastronomia. Voltado sobretudo à Gastronomia Funcional e aberto ao público, o evento reunirá estudantes e profissionais da área. Esta é uma atividade desenvolvida pelos cursos de Nutrição e Tecnólogo em Gastronomia – que passa a ser ofertado na unidade a partir do próximo semestre.

O coordenador do curso de Nutrição da UNINASSAU Caruaru, Adriano Oliveira ressalta que o evento pretende difundir a Gastronomia Funcional como ferramenta de modo de vida saudável. “O Festival surgiu a partir da preocupação que a cada dia as pessoas têm tido com a alimentação saudável, mas sem querer perder o prazer de uma alimentação saborosa e atrativa do ponto de vista gastronômico”, explica.

Na programação, constam as palestras sobre “Gastronomia Funcional” e “Gastronomia Funcional: fundamentos nutricionais”, além de um Festival de Degustação com massas e pizzas light, diet, sem glúten, sem lactose, integrais e vegetarianas, tudo confeccionado pelos estudantes da Instituição. As palestras serão comandadas pelo Mestre, nutricionista e professor da UNINASSAU Caruaru, Wallace Batista, e pela pós-graduada em Cozinha Nordestina e mestranda em Inovação e Desenvolvimento, Adriana Borges.

O I Festival de Gastronomia da UNINASSAU Caruaru oferecerá 200 vagas e será gratuito. Os interessados em participar do evento podem realizar a inscrição neste link, até o dia 23 de novembro.

SERVIÇO:

I Festival de Gastronomia da UNINASSAU Caruaru
Data/hora: 24 de novembro, das 19h30 às 22h
Local: Auditório | Entroncamento da BR 232 com a BR 104, KM 68, 1.215, Caruaru – PE
Inscrições Gratuitas: http://sereduc.com/E2DHfU

Consumidores que irão presentear no Natal devem usar o 13º nas compras

A chegada do 13º salário representa um bom reforço financeiro no bolso dos brasileiros que o recebem, num período em que tradicionalmente os gastos aumentam pelas celebrações de fim de ano. Ao mesmo tempo, serve como estímulo considerável para o comércio, ajudando a alavancar as vendas. Ainda que seja aconselhável analisar as finanças cuidadosamente antes de ir às compras, uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em todas as capitais mostra que cinco em cada dez brasileiros que vão comprar presentes no Natal (49%) pretendem utilizar o 13º nas compras, sendo que 45% pretendem utilizar apenas uma parte e 4% todo o valor.

Há ainda 12% que não pretendem gastar o 13º salário com presentes de Natal. Considerando aqueles que não utilizarão todo o valor do benefício com as compras, 26% têm a intenção de poupá-lo, 25% planejam utilizá-lo para quitar dívidas e organizar a vida financeira e 11% para pagar os impostos de início de ano.

“Para que seja feito um bom uso deste dinheiro extra, recomenda-se planejar o seu destino. O ideal é estabelecer prioridades, sendo que o pagamento de dívidas deve ser a primeira delas”, afirma a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti. “Depois de pagas, uma boa ideia é estimar os gastos que aparecem em todo início de ano, como IPVA e IPTU, matrícula, uniforme e material escolar, dentre outros. A quantia remanescente, por sua vez, pode ter dois fins: constituição de reserva financeira e utilização nas compras de presentes para o Natal e celebrações de fim de ano”, explica.

Para o educador financeiro do SPC Brasil e do portal “Meu Bolso Feliz”, José Vignoli, mesmo quem está com as despesas em dia precisa refletir sobre o melhor uso deste dinheiro extra. “Poupar e aplicar parte dos recursos são hábitos que fazem muita diferença, seja para realizar sonhos ou para uma aposentadoria mais confortável. Quem ainda assim decidir que o melhor é comprar presentes deve tomar algumas precauções, como optar pelo pagamento à vista, pesquisar preços e evitar ao máximo o endividamento.”

41% farão bicos para gerar renda extra e comprar mais presentes

A pesquisa do SPC Brasil também mostra que 41% dos entrevistados pretendem fazer bicos ou outras atividades para a geração de renda extra com o objetivo de comprar mais presentes ou presentes melhores, principalmente quem tem entre 18 e 49 anos e as pessoas das classes C, D e E (45%).

De acordo com Vignoli, além de aumentar o valor disponível para gastar nos presentes e na ceia de Natal, essa estratégia ajuda a fugir do endividamento. “Se o consumidor já comprometeu o recurso com outras finalidades, mais um motivo para tentar ampliar a renda. Assim, evita-se fazer novas dívidas que seriam pagas por vários meses ao longo do próximo ano”.

Metodologia

As entrevistas se dividiram em duas partes. Inicialmente ouviu-se 730 consumidores nas 27 capitais para identificar o percentual de quem pretendia ir às compras no Natal e, depois, a partir de 611 entrevistas, investigou-se em detalhes o comportamento de consumo no Natal. A margem de erro é de no máximo 3,6 e 4,0 pontos percentuais, respectivamente. A uma margem de confiança de 95%.

Praças e áreas verdes de Caruaru seguem sendo contempladas com ações de limpeza e capinação

A Secretaria de Urbanismo e Obras, por meio da Superintendência de Meio Ambiente, segue dando continuidade às ações de limpeza e capinação nas praças e áreas verdes de Caruaru.

As ações são realizadas diariamente, durante todo o mês, seguindo sempre o cronograma de execução semanal. Somente esta semana, a limpeza das áreas contemplará sete bairros da cidade.

As praças ainda não contempladas farão parte dos próximos cronogramas de execuções.

Nessa segunda (20), as equipes executaram os serviços em cinco praças, sendo elas: Praça Sérgio Carvalho, Praça do Convento, Praça Santa Clara, Praça da República e Praça da Boneca, no bairro Universitário e Centro, respectivamente.

Cronograma semanal:

Terça-feira (21)
Praça Coronel Porto – São Francisco
Praça São Mateus – São Francisco
Praça São Francisco – São Francisco
Praça do Sapo – São Francisco

Quarta-feira (22)
Praça das Rendeiras – Rendeiras
Praça da Mocidade – Cidade Jardim
Praça do Cidade Jardim – Cidade Jardim

Quinta-feira (23)
Praça São Roque – Centenário
Canteiro do CRAS do Centenário – Centenário
Praça MRV – Maurício de Nassau

Sexta-feira (24)
Praça Teotônio Vilela – Centro
Praça dos Namorados – Maurício de Nassau
Praça da ASCES – Maurício de Nassau

Secretaria de Educação divulga calendário de matrículas para 2018

A Secretaria de Educação informa que as matrículas para as crianças e jovens que desejam estudar na rede municipal de ensino já podem ser realizadas. Os prazos gerais vão até o dia 24 de janeiro de 2018, mas é bom ficar alerta ao que diz o calendário.

Os alunos que já estudam nas escolas municipais podem renovar a matrícula até esta sexta-feira (24). Os retardatários têm até o dia 30 deste mês.

Os discentes que já estão matriculados na rede municipal, mas desejam mudar de escola, devem procurar a unidade de ensino de sua preferência e efetivar o remanejamento do dia 27/11 até 08/12.

Já as matrículas para os estudantes novatos vão de 13 a 29 de dezembro. Para os que perderem o prazo, os pais e/ou responsáveis ainda têm a chance de procurar o departamento de Organização Escolar, na Secretaria de Educação, no período de 17 a 24 de janeiro de 2018, para verificar a existência de vagas e possível localização.

As crianças que estiverem inscritas nas creches terão vagas garantidas no 1º Ano do Ensino Fundamental, até a próxima sexta-feira (24), mediante o comparecimento do responsável às escolas de destino para confirmação de matrícula.

A matrícula deve ser realizada diretamente na escola de preferência do estudante e os pais ou responsáveis devem estar munidos de RG e CPF, comprovante de residência, além de cópia da certidão de nascimento do discente, dos cartões de vacinação, do SUS e Saúde Bucal, do Bolsa Família, em caso de existir beneficiado, e também duas fotos 3×4 recentes e a transferência da unidade estudantil de origem.

É bom lembrar que, para os interessados em ingressar na Modalidade EJA – Educação de Jovens e Adultos, no Ensino Fundamental, a idade mínima será de 15 anos completos, conforme a Resolução CNE/CEB nº 03, de junho de 2010.

*
Calendário:
*
– Renovação da matrícula: até o dia 24/11
*
– Renovação para retardatários: 27 a 30/11
*
– Remanejamentos dos estudantes da rede municipal: 27/11 a 08/12

– Efetivação de matrículas para alunos novatos: 13 a 29/12

ARTIGO — A bandeira branca da guerra fiscal

Patrícia Tarnoswki

O ICMS –permeia por anos a Guerra Fiscal entre os Estados do Brasil, usufruindo da autonomia e legitimidade que possuem para legislar sobre o tributo, face interesses políticos diferentes, concedem regimes especiais estaduais que, ora atraem investimentos para os Estados e ora buscam uma arrecadação mais célere e garantida.

O Conselho Nacional de Política Fazendária, CONFAZ, foi palco inúmeras vezes de tentativas frustradas de ajustes entre os Estados no que se referia à pauta: incentivos fiscais; A política governamental engessada e fundamentos legais antiquados os quais já não se enquadram com a necessidade atual dos Estados, transformou o que era para ser benéfico e incentivador entre as políticas estatais em um verdadeiro “pandemônio”.

Nesse cenário nos deparamos com três perfis traçados pelos Estados acerca da concessão de incentivos fiscais: a) Os Estados que concedem Incentivos à revelia da Constituição Federal; b) Os Estados que concedem incentivos observando regras legais tributárias; c) e os Estados que não concedem incentivo algum. Na medida em que não há um padrão a ser seguido, a tendência é que cada Estado conceda benefícios como melhor lhe convêm e, assim, está instalada a guerra fiscal!

Após árduos anos de uma guerra acirrada entre os Estados, avistou-se uma “bandeira branca”, que visa padronizar as concessões futuras e adequar as passadas sem consequências drásticas aos contribuintes que, por estímulo de algum benefício, investiram com patrimônio, renda, gerando inúmeros empregos nos âmbitos Estaduais.

A Lei Complementar n. 160, de agosto de 2017, veio fazer esse papel, ajustando as concessões passadas, e assegurando novas concessões.
Com ela, caberá aos Estados cumprirem algumas formalidades junto ao CONFAZ inerentes à formalização de futuros incentivos a serem concedidos. Dentre as exigências, os atos concessórios deverão ser publicados nos diários oficiais de cada Estado, de modo a se fazer público o incentivo ou benefício que estará sendo concedido.

Outra medida trazida pela LC nº 160, que afasta a possibilidade de concessões com vantagens ilegais via incentivos, é a publicação de todos os atos concessórios no Portal Nacional da Transparência Tributária. Assim, outros Estados poderão aderir à incentivos e benefícios similares já aprovados e publicados pelo CONFAZ.

A celeridade com que foi editada a Lei Complementar evita a perda de bilhões em investimentos realizados pelas empresas que aderiram a benefícios inconstitucionais, uma vez que o STF continua a julgar as ADIns – Ações Diretas de Inconstitucionalidade, abrindo a possibilidade de serem proferidos julgamentos que revogariam incentivos concedidos pelos Estados à revelia do CONFAZ.

/**/