Atraso na quitação de empréstimos deixou 35% dos consumidores negativados

O empréstimo é uma prática recorrente para o pagamento de dívidas, situações de imprevistos financeiros ou mesmo para quem precisa reformar a casa ou trocar de carro. No entanto, o acúmulo de dívidas vem se tornando um problema para muitos brasileiros que não conseguem honrar seus compromissos. Uma pesquisa conduzida pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) aponta que mais de um terço dos entrevistados que contrataram empréstimos no último ano (35%) ficaram com nome sujo por atrasar as prestações. Desse total, 20% já regularizaram a situação, enquanto 15% permanecem negativados.

De acordo com o levantamento, dois em cada dez brasileiros (23%) contrataram algum tipo de empréstimo nos últimos doze meses, sendo que 12% buscaram empréstimo pessoal em bancos e 7% em financeiras. Além disso, 14% optaram por empréstimo consignado em banco, principalmente entre o público com mais de 55 anos (27%), e 6% em financeiras, modalidade em que se desconta as parcelas diretamente do salário ou da aposentadoria. “A capacidade de pagamento das pessoas tem sido afetada pelo alto nível de desemprego. A renda das famílias continua achatada, levando muitos brasileiros a fazer empréstimos para pagar contas ou mesmo quitar dívidas”, destaca a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti.

Hoje, cada entrevistado possui, em média, dois empréstimos. A maior parte do dinheiro obtido com o empréstimo pessoal é destinada ao pagamento de dívidas (24%), como outros empréstimos, fatura do cartão de crédito e prestações em atraso. Outros 19% utilizam o dinheiro para reformar a casa ou apartamento, 15% para abrir um negócio e 15% para viajar. Entre os que adotaram a modalidade de consignado, as principais finalidades apontadas são: pagar dívidas de outros empréstimos, cartão de crédito e contas em geral (30%), reformar a casa ou apartamento (20%), pagar contas de água, luz, telefone, aluguel, condomínio e escola (16%), comprar mantimentos para casa (14%) e comprar ou trocar de carro (13%).

/**/

Venda de imóveis no Brasil cresce 17,3% no segundo trimestre

Agência Brasil

A venda de imóveis no país aumentou 17,3% no segundo trimestre deste ano, na comparação com o trimestre anterior. Em relação ao mesmo trimestre de 2017, houve alta de 32,1%.

Os dados – divulgados hoje (20) pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em São Paulo – consideram 21 cidades e regiões metropolitanas.

Brasília - Superquadra 305, na Asa Sul (Wilson Dias/Agência Brasil)
  (Wilson Dias/Agência Brasil)

Por regiões, o Norte se destaca com aumento de 40,7% nas vendas, seguido pelo Nordeste (34,7%). O Sudeste teve alta de 16,4% e o Centro-Oeste, de 6,7%. O Sul foi o único a apresentar queda: 1,1%.

Os lançamentos de imóveis tiveram alta de 119,7% no segundo trimestre em relação ao primeiro trimestre do ano.

Na comparação com o mesmo trimestre do ano passado, houve elevação de 19,9%. A região Centro-Oeste acusou aumento de 697,7% nos lançamentos, o Sul apresentou alta de 234,1%, o Sudeste registrou aumento de 144%, o Nordeste teve queda de 4,7% e o Norte não anotou variação.

Redução de Estoques

Um resultado positivo para o setor foi a redução nos estoques nos últimos três anos. Em dezembro de 2016, considerado o “fundo do poço” para a comercialização de imóveis, o estoque era de 21 meses. Um ano depois, caiu para 17 meses. Neste levantamento, de junho de 2018, os estoques recuaram para 12 meses.

“As vendas estão maiores que os lançamentos, que subiram bastante, mas não são suficientes para repor o que está sendo vendido”, disse o presidente da CBIC, José Carlos Martins.

“Os estoques estão bem equilibrados, o que falta não é nem produto, nem demanda. Faltam mais confiança do empresário e crédito”, avalia Celso Petrucci, presidente da Comissão da Indústria Imobiliária da CBIC.

FGTS

O uso de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) preocupa, segundo José Carlos Martins.

Para ele, houve uma “sangria grande de recursos nos últimos anos” com os saques de contas inativas e a reforma trabalhista, que permitiu a demissão por acordo.

Minha Casa, Minha Vida

No primeiro semestre, 40% das vendas na cidade de São Paulo foram de imóveis do Programa Minha Casa, Minha Vida.

Petrucci destacou a alta demanda habitacional para a primeira moradia no Brasil e disse que não acredita numa alteração ou suspensão do programa pelos candidatos à Presidência da República. “O programa é uma política de estado, não vejo condição de nenhum eleito propor redução”, disse.

“É muito difícil ouvir falar, desde 2009, de um empreendimento [do Minha Casa, Minha Vida] que não tenha dado certo”, afirmou. “Isso reforça a importância do programa, é importante que não sofra descontinuidade”, completou.

A projeção da CBIC para o acumulado até o final do ano, em relação a 2017, é crescimento de 5% a 10% nos lançamentos e alta de 10% a 20% nas vendas.

Pólio e sarampo: Pernambuco já vacinou 60% do público

Até a manhã desta segunda-feira (20.08), 327.121 crianças (60,11%) foram imunizadas contra o sarampo e 326.562 contra a poliomielite (60,01%) em Pernambuco, dentro da campanha nacional que segue até o próximo dia 31 de agosto. A expectativa é imunizar, no mínimo, 95% do público total, formado por 544.180 meninos e meninas pernambucanos entre 1 e menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias). Até o momento, o município de Terezinha já superou a meta mínima (98,62% para poliomielite e 99,31% para sarampo).

“Estamos muito felizes com a mobilização dos municípios para vacinar nossas crianças contra a poliomielite e o sarampo. Já há cidade que atingiu a meta e outras estão bem próximas. Então precisamos continuar nosso trabalho para imunizar o máximo possível de meninos e meninas entre 1 ano e menores de 5 anos. Só com altas coberturas vacinais conseguimos manter o público protegido contra essas doenças”, afirma a coordenadora do Programa Estadual de Imunização, Ana Catarina de Melo.

Durante a campanha, estão sendo aplicadas a vacina inativada da poliomielite (VIP – injetável) e a vacina oral da poliomielite (VOP). A injetável deve ser feita em criança sem histórico vacinal. Com uma ou mais doses de qualquer tipo de vacina contra poliomielite, deve ser feita a dose oral. “É importante levar a caderneta de vacinação para avaliação pelo profissional de saúde e registro da nova dose”, frisa a coordenadora do Programa Estadual de Imunização.

No caso do sarampo, o imunizante é a vacina tríplice viral, que também protege contra caxumba e rubéola. “A tríplice deve ser aplicada em todas as crianças com ou sem histórico vacinal, exceto se a última dose tenha sido há menos de 30 dias”, pontua Ana Catarina. Se a criança tomou a tríplice viral recentemente, a dose da campanha só deve ser feita 30 dias após esta aplicação. No momento da campanha, de acordo com as informações contidas nas cadernetas de vacinação, o profissional do serviço de saúde informará aos pais ou responsáveis da necessidade de reforço dessa vacina.

Cessionários do Cemitério Dom Bosco devem realizar o recadastramento obrigatório

A Secretaria de Serviços Públicos, através da Gerência de Necrópole, solicita que os cessionários de túmulos do Cemitério Dom Bosco compareçam ao escritório, no próprio cemitério, para realizarem o recadastramento. A atualização das informações é uma exigência do Ministério Público e é obrigatória.

Os documentos exigidos para o recadastramento são cópias do documento do túmulo (caso possuam), RG, CPF e comprovante de residência do titular e de seus responsáveis. Se o titular for falecido, o responsável deve levar também a cópia da certidão de óbito.

O atendimento está sendo realizado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 16h30. O Cemitério Dom Bosco fica na avenida Dom Bosco, S/N, bairro Maurício de Nassau. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone: 3701-1383.

Armando defende valorização da cultura popular

As queixas dos artistas pernambucanos sobre o tratamento dado a eles pelo Governo do Estado se renovam a cada ano. Protestos, declarações em redes sociais e recentemente um manifesto, criado pelo Coletivo Pernambuco, contra o atraso no pagamento dos cachês do Carnaval, chamam a atenção para a necessidade de mudança neste cenário. Para o candidato a governador da Coligação Pernambuco Vai mudar, Armando Monteiro (PTB), a postura do atual governo revela um “grande desrespeito aos artistas locais e desvalorização da cultura pernambucana”.

O ex-prefeito de Nazaré da Mata, Nado Coutinho, levantou a situação dos artistas locais em encontro com Armando. Ele relata que desde a gestão do ex-governador Eduardo Campos os atrasos nos pagamentos dos cachês já existiam, mas que a situação se agravou nos últimos anos. “É inadmissível que depois de uma apresentação o governo demore oito, nove, dez meses e até um ano para pagar os artistas locais. Isso é falta de respeito. Não é o mesmo tratamento que vemos sendo dado aos artistas que vêm de fora”, reclamou Nado. Ele salienta que os artistas locais, de uma maneira geral, se sacrificam para estar nos palcos e manter a cultura pernambucana viva, diferente de alguns artistas mais famosos que “só sobem no palco se o cachê já estiver na conta.”

Nesta segunda-feira, foi a vez de o consagrado Petrúcio Armorim cobrar literalmente ao governador, na sua conta no Twitter: “Se o governador Paulo Câmara pagasse o São João da gente antes do final das eleições, ia ser arretado!!!”. No sábado, Armando ouviu a mesma coisa do ativista cultural Carlos Brasil, na feira livre de Bonança: “Artistas como Lia de Itamaracá e Ivanildo Vila Nova não podem ficar anos para receber seus merecidos cachês”, disse Brasil.

A sugestão do ex-prefeito de Nazaré da Mata é que se crie um calendário de pagamento e que realmente se cumpra. Após ouvir o relato de Nado Coutinho, Armando se comprometeu a mudar esse quadro. A valorização da cultura popular e sua difusão em todo o Estado estão contempladas nas diretrizes do seu programa de governo. “Obviamente não é possível valorizar a cultura sem valorizar o artista. É importante que os artistas locais tenham prioridade nas contratações e que o pagamento de seu cachê seja garantido. É preciso tratar com isonomia os nossos artistas e os artistas nacionais”, afirmou.

Brechó de Blogueiras ganha nova edição em Caruaru

Economia criativa, engajamento digital e solidariedade estarão mais uma vez em destaque na edição 2018 do Brechó de Blogueiras. O time deste ano reúne 10 influenciadoras digitais de diversos estilos e segmentos diferentes, oferecendo uma variedade de roupas femininas, incluindo moda praia, fitness, infantil, plusize, artigos de decoração, calçados e acessórios. O evento será realizado no dia 1º de setembro, das 13h às 17h, na Doce Casa (Av. Marcionilo Francisco, 322 – Maurício de Nassau, Caruaru).

Todos os anos, o Brechó tem escolhido uma instituição para contribuir com os donativos arrecadados. Desta vez, o ICIA – Instituto do Câncer Infantil do Agreste será o beneficiado. Quem for até o evento poderá fazer doações como alimentos, itens de higiene, brinquedos, além de roupas, acessórios e calçados. Em parceria com algumas marcas, o Brechó também promoverá sorteios para quem estiver presente.

Para a idealizadora do Brechó e influenciadora digital, Hevelly Cavalcante, o evento possibilita a aproximação com o público de cada blogueira participante, além do caráter solidário. “É um projeto consolidado no calendário de eventos de Caruaru, onde nós temos a oportunidade de estar mais próximo dos nossos seguidores, praticando sustentabilidade. Uma iniciativa muito importante, já que a indústria da moda é uma das mais poluentes do mundo, além de estar ajudando ao próximo divulgando causas importantes como a do ICIA”, frisou.

Sucesso na edição passada e expectativa

Em 2017, mais de 500 produtos foram arrecadados e doados à Casa dos Pobres São Francisco de Assis. A expectativa deste ano é ultrapassar esse número de doações para contribuir com o ICIA. Para o presidente do Instituto, Antônio Romão, a parceria é de extrema importância. “Todas as fontes que pudermos ter no aspecto de divulgação da marca ICIA são válidas, principalmente por pessoas que tenham acesso a um público amplo, como é o caso das blogueiras. Desde já, agradecemos imensamente”, afirmou.

Conselho de Igualdade Étnico-Racial de Caruaru abre inscrições para membros

Iniciaram nesta segunda-feira (20) as inscrições para a eleição dos membros do recém-criado Conselho de Políticas de Promoção da Igualdade Étnico-Racial (COPPIR) de Caruaru, que será realizada no dia 21 de setembro deste ano. As inscrições seguem até o dia 30 deste mês e são destinadas às entidades da sociedade civil que tenham o interesse em disputar as oito vagas de conselheiros, que deverão, por sua vez, indicar os seus respectivos suplentes. A oportunidade é também para as entidades se cadastrarem como votantes.

Para participar dos dois processos, as entidades precisam comprovar que fazem parte dos movimentos comprometidos com a luta contra o racismo, assim como as que são representantes de religiões de matriz africana, das minorias étnicas e dos remanescentes quilombolas. Para se inscrever é necessário fornecer a documentação exigida no edital publicado no Diário Oficial de Caruaru, nº 608, de 16.08.2018.

Para ter acesso ao processo eleitoral, tanto como votantes, quanto como candidatos, as entidades devem apresentar cópia do estatuto, ou do comprovante de funcionamento, endereço, RG’s e CPF’S (dos representantes – diretoria ou coordenação), carta de indicação e/ou termo de anuência, que devem ser entregues, das 08h às 13h, junto com a ficha de inscrição na sede da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SDSDH) de Caruaru, localizada na Rua Armando da Fonte, nº 197, bairro Maurício de Nassau.

Lula lidera com 37% das intenções de votos, segundo nova pesquisa CNT/MDA

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera a disputa à Presidência da República, com 37,3% das intenções de voto, de acordo com a nova pesquisa CNT/MDA divulgada nesta segunda-feira (20). Na sequência aparecem Jair Bolsonaro (PSL) com 18,3%, Marina Silva (Rede) com 5,6%, Geraldo Alckmin (PSDB), com 4,9%, Ciro Gomes (PDT), com 4,1% e Alvaro Dias (Podemos), com 2,7%. Os demais candidatos não alcançaram 1% das intenções de voto.

No cenário de voto espontâneo – sem apresentar opções aos entrevistados – Lula também aparece na liderança com 20,7%, seguido por Jair Bolsonaro com 15,1%. Geraldo Alckmin, Ciro Gomes, Álvaro Dias e Marina Silva não atingem nem 2%. Neste recorte, o número de indecisos é de 39% e o de branco/nulo fica em 18,1%.

Diario de Pernambuco

Ex-prefeito de Custódia Luiz declara apoio à coligação Pernambuco Que Você Quer

Em evento na cidade de Custódia, neste sábado (18), o ex-prefeito Luiz Carlos (PT) declarou apoio à chapa majoritária da coligação Pernambuco Que Você Quer, formada pelo candidato ao governo Maurício Rands (Pros), vice Isabela de Roldão (PDT), e pelos candidatos ao Senado Federal, Lidia Brunes (Pros) e Silvio Costa (Avante).

Junto a lideranças locais, o petista reafirmou a importância de votar e eleger a chapa, para que Pernambuco tenha um verdadeiro líder à frente do Palácio do Campo das Princesas e representatividade no Congresso Nacional.

“Estamos declarando apoio irrestrito a essa chapa, porque precisamos que nos representem de forma ética, leal e com políticas públicas de inclusão social voltadas para o povo de Custódia e da Região do Sertão do Moxotó”, afirma Luiz Carlos.

O evento também reuniu os agentes de saúde da região, que aderiram à campanha da coligação Pernambuco Que Você Quer. O candidato ao governo Maurício Rands, inclusive, foi o autor da emenda que regulamentou a profissão dos agentes de saúde. Ele se transformou no representante dessa categoria, composta por mais de 20 mil servidores no Estado.

“Luiz Carlos foi, sem dívida, o melhor prefeito da história de Custódia, homem sério e com compromisso com as políticas públicas de inclusão social. É uma honra receber o seu apoio”, ressalta o candidato a senador Silvio Costa.

Feira de Noivas do Agreste chega à 14ª edição

O Caruaru Shopping será palco, a partir da próxima quinta-feira (23) até o domingo (26), de mais uma Feira de Noivas do Agreste. Sob a coordenação da promoter Cleide Santos, esta será a 14ª edição do evento, que promete vir recheado de surpresas.

A Feira de Noivas do Agreste acontecerá no Pavilhão de Eventos do centro de compras e convivência, numa área de mais de 10.000 m², e já está consolidada como a maior do segmento no estado de Pernambuco. Serão mais de 200 expositores especializados para tornar o sonho do casamento em realidade. “Por lá, as noivas e noivos irão encontrar tudo o que precisam para montar a sua festa, com uma grande variedade de prestadores de serviços”, disse Cleide Santos.

Estarão em exposição, entre outros, stands de confecção de convites, aluguel de roupas, decoração, fotos, filmagens, bolos, doces, buffet, dia da noiva e noivo, cabelo, maquiagem, tratamentos estéticos, lua de mel, atrações musicais, bem como aluguel de carros para transporte da noiva e serviços para os noivos. “Entre as novidades estarão uma Limousine e uma Kombi, que se transforma em cabine fotográfica”, adiantou Cleide.

A Feira de Noivas tem ainda uma vasta programação, com desfiles de vestidos de noivas, madrinhas e de dama de honra, bem como com ternos de noivos e pajens, além de apresentações musicais com orquestras, bandas e cantores, todos os dias. “O evento oferece uma grande facilidade de encontrar tudo relacionado a casamento em um só lugar, em um ambiente totalmente climatizado”, afirmou Walace Carvalho, gerente de Marketing do Caruaru Shopping.