Socioeducandos aprendem a produzir carrancas em miniatura usando sabão

Oito socioeducandos do Centro de Internação Provisória (Cenip) Petrolina, uma das unidades da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase), participaram de duas oficinas educativas de confecção de sabão feito com óleo de cozinha e de produção de peixes e carrancas artesanais em miniatura. A atividade é uma parceira com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE) e com a Casa do Artesão de Petrolina. O objetivo é proporcionar aos adolescentes o cuidado com o meio ambiente e a aplicação de novas técnicas na produção e na confecção dos trabalhos.

As oficinas tiveram a duração de quatro horas cada, divididas entre manhã e tarde. Na primeira, os socioeducandos aprenderam a confeccionar carrancas e peixes em miniatura, por meio de aulas ministradas pela Casa do Artesão. Já na segunda, com o apoio de instrutores do IF Sertão-PE, produziram sabão artesanal utilizando como matéria-prima óleo de cozinha que seria descartado. Os materiais usados são de trabalhos anteriores que o instituto desenvolve a cada 15 dias na unidade.

Para o coordenador técnico do Cenip Petrolina, Amós Lemos, o intuito é que os socioeducandos saiam da unidade com algum aprendizado. “O nosso empenho é que os adolescentes possam ter algo diferente, pois é a partir daí que eles vão passar a ter uma nova visão de mundo. Uma vez que o aprendizado é aplicado, eles podem colocar em prática e ter um retorno financeiro”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.