Plano Juntos Pela Segurança da Prefeitura de Caruaru será modelo para SENASP

Na tarde dessa segunda-feira (11), o município de Caruaru, representado pela secretária de Ordem Pública, Karla Vieira, apresentou o plano de segurança municipal “Juntos pela Segurança” a toda a diretoria de ações de prevenção da Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP), que solicitou a disponibilização do material para que sirva também de referência para a construção da política nacional junto aos municípios.

Na audiência, estiveram presentes, e apresentando suas propostas, os gestores da região Nordeste: Manoel Alencar, presidente do Conselho Nacional de Secretários e Gestores de Segurança (CONSEMS) e secretário de Segurança Cidadã e Defesa Civil (SCDC) do município de Paulista; Cel. Pereira Neto, secretário de Segurança Urbana de Olinda; Admilson Silva, fundador do CONSEMS e assessor técnico da SCDC, também em Paulista. Da região Sudeste, participaram Francisco Alves, secretário de Segurança Pública e Defesa Civil da cidade de Limeira (SP); e representando as cidades com até 100 mil habitantes de todo o país, Marcelo Purcelo, secretário Municipal de Segurança, Trânsito e Defesa Civil da cidade de Engenheiro Coelho (SP).

A prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, que não poupou esforços diante de todo o cenário de crise nacional e, na contramão da maioria dos prefeitos, ainda em 2017, criou em sua gestão a Secretaria de Ordem Pública e lançou o pioneiro plano de segurança municipal. A prefeita também lidera, pessoalmente, as reuniões mensais com todos os órgãos que atuam na segurança, controle e prevenção no município junto ao “Comitê Permanente Municipal Juntos Pela Segurança”. “Não foi em vão o conjunto de esforços dos diversos órgãos e entidades para que a redução dos homicídios ao final de 2018 chegasse a 35% em Caruaru, enquanto que Estado como um todo reduziu 23%. Agora, tivemos o reconhecimento desse trabalho”, concluiu a secretária Karla Vieira.

Sobre o Juntos pela Segurança – O trabalho é acompanhado de perto pela população, através dos Conselhos de Segurança Cidadã dos bairros e da zona rural, fórum onde também são apresentadas as demandas que interferem diretamente na prevenção à violência local.

Natural do Rio de Janeiro, é jornalista formado pela Favip. Desde 1990 é repórter do Jornal VANGUARDA, onde atua na editoria de política. Já foi correspondente do Jornal do Commercio, Jornal do Brasil, Folha de S. Paulo e Portal Terra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.