Duas mulheres são presas ao tentarem dar golpe no INSS

Duas mulheres foram presas ao tentarem reativar um benefício previdenciário de amparo ao idoso cancelado por fraude no último dia 12 de março. A aposentada Judith Maria Batista de Lima, 66 anos, e a agricultora Josefa de Fátima Barros, 33, foram flagradas na agência do INSS de Escada.

A idosa usou documentos falsos para desbloquear a aposentadoria, criada de forma fraudulenta possivelmente por uma quadrilha que atua em vários estados. Funcionários da agência já sabiam da irregularidade e ficaram atentos quando a idosa disse que precisava reativar o benefício para receber os valores atrasados de janeiro. Ao ser constatado o golpe, as duas mulheres foram detidas e a Polícia Militar foi acionada.

Encaminhadas para a Polícia Federal, as duas suspeitas foram autuadas por uso de documento falso. As penas variam de dois a seis anos de reclusão, além de multa. No depoimento, a idosa informou que precisava de dinheiro para comprar os remédios de diabetes e por isso aceitou a proposta de um aliciador para que fosse até a agência previdenciária sacar valores de benefícios fraudulentos. Ela receberia R$ 300 por cada benefício sacado.

A mulher disse, ainda, que recebia toda a documentação pronta e que não é a primeira vez que fazia esse tipo de saque ilegal. A segunda suspeita informou que também foi aliciada e que seu papel seria apenas o de acompanhar a idosa, que tem problemas de locomoção, para retirar os valores de seu benefício e para isso receberia R$ 200,00. Na audiência de custódia, a idosa teve a sua prisão preventiva confirmada e foi encaminhada para a Colônia Penal Feminina. A outra mulher foi liberada. Segundo a PF, a quadrilha costuma convocar mulheres e também idosas com problemas financeiros.

Diario de Pernambuco

Pedro Augusto é jornalista e repórter do Jornal VANGUARDA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.