Requalificação de feira é elogiada por comerciantes

Pedro Augusto

A economia dos bairros Boa Vista I e II, em Caruaru, está prestes a receber um daqueles upgrades (avanços) que costumam ser reverenciados pelos empreendedores de qualquer local por bastante tempo. No início desta semana, a prefeitura anunciou um investimento que, quando materializado, proporcionará uma nova realidade, em termos de estrutura física, à feira livre das duas comunidades – considerada não é de hoje como uma das mais pujantes em relação à movimentação financeira do município. O edital de licitação do projeto de requalificação foi publicado na última segunda-feira (20), no Diário Oficial.

O projeto prevê execuções nos pisos, calçadas, construção de cobertura metálica, quiosques, baterias de banheiro, tratamento paisagístico, além de novas instalações elétricas e de iluminação, compreendendo uma área territorial de 18.350 mil metros quadrados, tendo capacidade para comportar mais de 800 bancos. “Essa nova estrutura visa melhorar o espaço de atendimento dos feirantes, proporcionando mais qualidade para comercialização de seus produtos e relação com os seus compradores, além de revitalizar e ampliar um equipamento público de lazer no coração dos bairros Boa Vista I e II”, destacou o secretário municipal de Obras, Rodrigo Miranda.

De acordo com as informações da Prefeitura de Caruaru, o investimento para execução do projeto será na ordem dos R$ 4.751.679,83, com prazo para finalização da obra de até oito meses, tão logo ela seja iniciada. Comerciante no local, José de Souza Silva encontra-se animado com o anúncio da requalificação. “Já fazia tempo que essa feira da Boa Vista necessitava de uma intervenção maior. Em alguns aspectos como iluminação, banheiro e estacionamento, ela já vinha falhando há anos. Mas, agora, com essas reformas que estão previstas, a expectativa é de que a situação melhore não só para os feirantes e consumidores, mas também para nós comerciantes que trabalhamos no entorno da mesma”, observou.

Além da requalificação na área territorial da feira, a iniciativa da PMC ainda constitui na revitalização de equipamentos de esporte e de lazer nos espaços integrados a esta primeira com a implantação de quiosques, mesas de convivência, renovação do trecho do campo de futebol, com a inserção de novos equipamentos de ginástica, sem falar na ampliação da pista de cooper, que envolve todo o perímetro da feira. De acordo ainda com a prefeitura, a abertura do processo licitatório da obra está prevista para acontecer no próximo dia 14.

Com atuação também como empreendedor nos bairros da Boa Vista I e II, o autônomo Paulo Santos chamou a atenção para a valorização do comércio local após as conclusões das melhorias. “Acredito que vai ganhar todo mundo da nossa comunidade, ou seja, do comerciante até o morador, porque o investimento proposto irá modificar, para melhor, as condições de toda esta área. Quanto mais estrutura a feira tiver, mais ela atrairá clientes para os bairros da Boa Vista, o que será excelente para todo o comércio. Quanto aos moradores, e eu ainda me incluo nesta situação, eles passarão a contar com novos equipamentos para a prática do esporte e do lazer, o que também será muito importante, afinal aqui é bastante tradicional no que se refere à realização de jogos de futebol, caminhadas, dentre outras atividades”, afirmou.

A autônoma Maria da Paz, que comercializa já há anos frutas e verduras no local, espera que o projeto de revitalização seja posto em prática o mais rápido possível. “Tenho certeza que o movimento vai melhorar com essas reformas. Quanto mais estrutura para podermos vender, melhor para conseguirmos lucrar. A Prefeitura de Caruaru está de parabéns pela iniciativa”, disse.

“A feira daqui vem crescendo bastante nos últimos anos e só não se encontra ainda maior porque há muita coisa para se melhorar por aqui. Torço para que essa obra comece já neste segundo semestre!”, emendou a feirante Salete Carvalho.
A feira dos bairros da Boa Vista I e II é bastante tradicional na Capital do Agreste. Ela tem sido realizada, já há décadas, sempre aos sábados e domingos.

Pedro Augusto é jornalista e repórter do Jornal VANGUARDA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.