Blog inicia série de pesquisas

O blog do Wagner Gil estará realizando, entre os dias nove e dez de julho uma série de três pesquisas de intenção de votos para prefeito de Caruaru. O levantamento será realizado pelo Simplex, que há alguns anos vem realizando uma série de estudos para consumo interno de alguns grupos políticos e empresas. Esse levantamento contará ainda com a parceria de André Martrins (IAM- Instituto André Martins), que há três anos realizanda pesquisas em Caruaru.

Nas últimas eleições proporcionais, o IAM conseguiu prevê votações surpreendentes de novatos como Fernando Rodolfo (PR) e Erick Lessa (PP), que se elegeram deputado federal e estadual, respectivamente. Para essa pesquisa a coordenação será de Bruna Claudino. Shalene Neuma Henrique da Silva, será a estatística responsável e Alberto Sales Claudino, o coordenador de pesquisas.

O levantamento será realizado em várias etapas e incluindo vários nomes. No primeiro cenário serão colocados na disputa: a atual prefeita Raquel Lyra (PSDB), que vai tentar a reeleição, os deputados estaduais Tony Gel (MDB), José Queiroz (PDT) e Erick Lessa (PR), além do federal Fernando Rodolfo. Nesse quadro também estão Raffiê Dellon (PSD) e Sílvio Nascimento (PSL). “No segundo cenário, nós tiraremos Tony Gel e colocaremos o seu filho, o empresário Toninho Rodrigues”, destacou o jornalista Wagner Gil.

A pesquisa SIMPLEX- IAM-Blog do Wagner Gil trará ainda um cenário pouco provável, mas, devido às movimentações dos últimos meses, vai incluir os ex-prefeitos e atuais deputados estaduais na mesma chapa: José Queiroz e Tony Gel. Os dois sempre foram adversários ferrenhos, mas nunca disputaram uma eleição municipal um contra o outro. “Os dois estão na base do Governo Paulo Câmara e na política tudo é possível, inclusive nada”, destacou. Essa ideia de colocar os dois na mesma chapa é interessante do ponto de vista da análise. Como o eleitorado dos dois vai se comportar, só saberemos depois de coletar os dados”, completou disse Martins.

O levantamento ainda vai fazer alguns cenários de segundo turno. São eles: Raquel Lyra x Tony Gel; Raquel Lyra x Erick Lessa; Raquel Lyra x José Queiroz e Raquel Lyra x Tony Gel e José Queiroz na mesma chapa. “Também vamos fazer um levantamento de segundo turno de Tony Gel x Lessa e Tony Gel x José Queiroz”, destacou André Martins. O quesito rejeição também estará presente.

Outro fator importante no estudo será a avaliação dos governos da prefeita Raquel Lyra, do governador Paulo Câmara e do presidente Jair Bolsonaro. “Também vamos incluir duas perguntas nessa pesquisa: uma será no campo político, para saber se o caruaruense confia ou não na prefeita Raquel Lyra, e a outra será a respeito da Feira da Sulanca e da sua permanência ou não no Parque 18 de Maio”, adiantou Bruna Claudino.

A pesquisa, que terá margem de erro de 4 pontos percentuais para mais ou para menos, vai ouvir 410 pessoas na cidade e zona rural. A margem de confiança passa dos 95%. Na zona rural, as localidades ouvidas serão Terra Vermelha, Peladas, Murici, Sítio Campos, Rafael, Cachoeira Seca, Lages, Juá, Pau Santo, Gonçalves Ferreira, Riacho Doce, Malhada de Pedras, Itaúna e Campo Novo.

O resultado será divulgado na sexta-feira (12, no programa Jornal VANGUARDA, que vai ao ar pela Caruaru FM (de segunda a sexta, das 7h às 8h, e reprise às 12h) e também no VANGUARDA impresso. Dois analistas políticos vão analisar os números e dizer quais as suas impressões em relação aos resultados.

A segunda rodada de pesquisa será realizada em setembro e a última deste ano em novembro. “Em janeiro faremos à primeira pesquisa registrada”, adiantou Wagner Gil. Nosso ideia é ir às ruas já no dia dois de janeiro.

Eleitores de cinco municípios elegem novos prefeitos neste domingo

Eleitores de cinco municípios brasileiros voltarão às urnas hoje (7) para escolher prefeitos em novas eleições. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a votação foi organizada pelos tribunais regionais eleitorais após a cassação dos mandatos dos candidatos eleitos em outubro de 2016 para o cargo.

Em Minas Gerais, serão realizadas novas eleições em três municípios: Aguanil, Elói Mendes e Nova Porteirinha. Também voltam às urnas os eleitores de Candeias do Jamari, em Rondônia, e de Palmares do Sul, no Rio Grande do Sul.

A votação terá início às 8h e será encerrada às 17h. Os resultados estarão disponíveis diretamente no sistema de divulgação da Justiça Eleitoral.

De acordo com o calendário do TSE, outras eleições municipais estão previstas para acontecer ainda neste ano em Paraty, no Rio de Janeiro, e em Itabirito, Minas Gerais.

EUA e Holanda fazem final inédita da Copa do Mundo

Neste domingo (7), Estados Unidos e Holanda escrevem uma nova página da história do futebol feminino. As duas equipes se encontram ao meio-dia (horário de Brasília) no estádio de Lyon para decidir, em uma final inédita, o título da Copa do Mundo.

 

EUA como favoritos

 

A seleção norte-americana chega ao confronto com claro favoritismo. Tendo participado de todas as edições do Mundial, já disputou quatro finais, conquistando três títulos (em 1991, 1999 e 2015).

Nesta edição da Copa do Mundo, as americanas cumprem uma campanha perfeita até aqui. Foram seis vitórias em seis jogos. O destaque foi a partida de estreia, na qual golearam a Tailândia por 13 a 0.

Jogadora Morgan, atacante da Seleção dos Estados Unidos na Copa do Mundo de Futebol Feminino - França 2019. REUTERS/Christian Hartmann
A atacante Alex Morgan foi destaque da partida contra a Tailândia – Christian Hartmann/Reuters/Direitos Reservados

No jogo contra a seleção tailandesa, quem mais brilhou foi a atacante Alex Morgan, com cinco gols marcados. Ela chega à final da Copa do Mundo liderando a relação de artilheiras com seis gols marcados. Outro destaque dos Estados Unidos é a técnica Jill Ellis. Sob seu comando, a seleção norte-americana já levou um Mundial para casa, em 2015. No mesmo ano, ela foi escolhida pela Federação Internacional de Futebol (Fifa) como a melhor técnica do ano.

 

Holanda em busca de título inédito

Se para as norte-americanas a presença em uma final de Mundial não é uma novidade, não se pode dizer o mesmo das holandesas. Esta será a primeira decisão da Holanda nam Copa do Mundo do Futebol Feminino. Antes, o país só havia participado de outra edição da competição, a de 2015, na qual parou nas oitavas de final. Assim, vencendo ou não, a equipe já gravou seu nome na história do futebol do país europeu.

 

E o bom momento da equipe europeia está muito relacionado ao trabalho da técnica Sarina Wiegman. Ela assumiu no início de 2017 e levou seu time ao título da Eurocopa do mesmo ano, oportunidade na qual recebeu o prêmio da Fifa de melhor treinadora do mundo.

Dentro de campo, as esperanças dos torcedores holandeses estão depositadas especialmente nos pés de duas jogadoras: a jovem atacante Vivianne Miedema, de apenas 22 anos e que já soma três gols na competição, e a ponta esquerda Lieke Martens, que tem dois gols nesta Copa e que já recebeu o prêmio de melhor jogadora do mundo da Fifa em 2017.

Copa do Mundo Feminina: Holanda X Canadá
Holandesas, como as americanas, tiveram vitória em todas as partidas desta edição do Mundial – Reuters/Gonzalo Fuentes/Direitos Reservados

 

Assim como os EUA, a Holanda tem uma campanha perfeita na atual edição da Copa do Mundo, com vitórias em todas as partidas (considerando o triunfo na prorrogação diante da Suécia nas semifinais).

 

Para saber quem vai ficar com o título do Mundial feminino, é preciso esperar a final deste domingo, mas o que é certo é que teremos um ótimo jogo entre uma jovem equipe em ascensão e uma campeã histórica que tenta se manter no topo.

Mega-Sena acumula e vai pagar R$ 6 milhões

O concurso 2166 da Mega-Sena não teve acertadores nos seis números sorteados neste sábado:  03, 19, 34, 44, 56 e 58.

Assim, o prêmio ficou acumulado para o concurso 2167, a ser realizado na próxima terça-feira, dia 9, quando a estimativa é de um prêmio de R$ 6 milhões.

Neste sábado (6), a Quina (5 números acertados) teve 44 apostas ganhadoras, com R$ 39.121,73 para cada uma delas.

Já a Quadra, com 4 números acertados, registrou 3.749 apostas ganhadoras, cabendo a cada uma delas R$ 655,92.

As informações são do site da Caixa Econômica Federal.

Brasil rejeita favoritismo na decisão da Copa América, hoje, no Rio

O Brasil sempre foi campeão quando sediou a Copa América. E, nesta edição de 2019, goleou a seleção peruana por 5 a 0 na primeira fase da competição. Entretanto, jogadores colocam para escanteio qualquer favoritismo para a decisão de hoje (7) às 17h, no Maracanã, no Rio de Janeiro.

“Estamos na final, mas ainda não somos campeões. Conseguimos o nosso objetivo, mas a gente tem um grande jogo pela frente. Um jogo importante. Um jogo difícil”, disse Marquinhos.

O defensor do Paris Saint Germain já atuou com a camisa da seleção brasileira no Maracanã. Foi durante os Jogos Olímpicos de 2016. Ao lado dele, Gabriel Jesus também entrou em campo.

A seleção principal traz boas lembranças da sua última exibição no estádio. Venceu a Espanha, há seis anos, pela Copa das Confederações. Daniel Alves, Thiago Silva e Filipe Luís são os remanescentes daquele time.

Filipe, aliás, é a única dúvida do técnico Tite. Com dores musculares, não jogou a semifinal contra a Argentina, no meio da semana.

A seleção peruana aposta no crescimento do time durante a competição. Após a fase inicial, quando se classificou em terceiro lugar e perdeu de 5 a 0 para os brasileiros, os peruanos eliminaram os uruguaios nos pênaltis e derrotaram os chilenos, com uma atuação convincente de 3 a 0, nas semifinais.

Um dos melhores em campo na vitória contra os chilenos, Paolo Guerrero é um dos principais trunfos da seleção peruana. Ele já atuou diversas vezes no Maracanã, defendendo o Flamengo e, depois, o Corinthians. Hoje, joga no Internacional, de Porto Alegre.

Maia confia em aprovação da reforma com “boa margem de votos”

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) se reuniu na manhã deste sábado (06) com líderes partidários e os articuladores do governo e disse estar confiante na aprovação da reforma da Previdência “com uma boa margem de votos”. Maia trabalha para que o quórum de deputados seja alto e, terminado o debate, seja possível entrar no processo de votação do texto entre terça-feira (9) e quarta-feira (10).

“O importante é ganhar. Vamos ganhar com uma boa margem para uma matéria que há um ano atrás era muito difícil chegar nesse momento com perspectiva de vitória”, disse ao deixar sua residência oficial, onde ocorreu a reunião. Para o deputado, há um ambiente favorável no parlamento para que se consiga votar a matéria antes do recesso parlamentar, que começa em 18 de julho.

Estiveram presentes no encontro os líderes do PP, Arthur Lira (AL), e do Democratas, Elmar Nascimento (BA). O ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, novo articulador político do Planalto, e o secretário Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, também compareceram à reunião.

O relatório do deputado Samuel Moreira (PSDB-RJ) foi aprovado na madrugada de ontem (5) na comissão especial destinada a apreciar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) encaminhada pelo governo. Maia marcou sessões no plenário a partir de segunda-feira (8) à tarde para garantir que a matéria comece a ser apreciada no dia seguinte, já que é preciso um interstício de duas sessões do plenário após a votação na comissão especial para que o texto entre em discussão no plenário.

Tramitação

Para acelerar o processo de tramitação da reforma, é possível que os deputados aprovem um requerimento para quebrar esse interstício. “Dependendo de quando começa o processo de discussão talvez não seja necessário [a quebra]. Se for necessário, os partidos da maioria e o partido do governo têm votos para quebrar [o interstício] e vamos trabalhar para ter votos para a aprovação da emenda”, disse.

Na última semana, o presidente da Câmara avaliou que já tem os votos necessários para aprovar o texto. A expectativa do parlamentar é de que a medida seja aprovada por pouco mais de 325 deputados. Uma PEC precisa de dois turnos de votação no plenário e, no mínimo, 308 votos em cada turno para ser aprovada.

Entre o primeiro e o segundo turno de votação também é necessário um interstício, de cinco sessões. Segundo Maia, caso haja uma “vitória contundente” no primeiro turno há “mais respaldo político para uma quebra [do insterstício] do primeiro para o segundo [turno]”.

Ele avalia, entretanto, que por ser uma “emenda constitucional polêmica”, talvez seja importante um tempo para a redação final após a primeira votação. “Precisamos ter todos esses cuidados para dar mais segurança jurídica para que essa matéria tramite respeitando as regas do jogo para que não tenha risco de ter matéria bloqueada pelo Supremo [Tribunal Federal]”, disse.

Se validado pelos deputados, o texto segue para análise do Senado, onde também deve ser apreciado em dois turnos e depende da aprovação de, pelo menos, 49 senadores.

Paulo Câmara escolhe conselheiro federal da OAB para o TCE

O conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Carlos Neves, foi escolhido, neste sábado (06/07), pelo governador Paulo Câmara para o Conselho do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE). O nome do advogado será submetido à Assembleia Legislativa, nos termos da Constituição Estadual.

Com 44 anos de idade e mais de 20 anos de atuação na advocacia, Carlos Neves é mestre pela Faculdade de Direito de Lisboa, preside a Comissão Especial de Direito Eleitoral da OAB Nacional e é membro da Comissão Especial de Análise da Reforma da Previdência do CFOAB.

Carlos Neves foi membro do Conselho Consultivo da Escola Nacional da Advocacia (2006/2008), foi professor universitário de 2003 a 2013 e diretor-geral da Escola Superior da Advocacia da OAB-PE, no triênio 2016/2018. Hoje, ministra aula de pós-graduação e palestras em todo o país.