Prefeitura realizará fórum para apresentar proposta do Plano de Habitação

Na próxima terça-feira, 20, será realizado um Fórum de Discussão e Pactuação da Proposta Metodológica do PLHIS (Plano Local de Habitação e Interesse Social), a partir das 14h, no auditório da ACIC.

O encontro será o resultado do levantamento de informações e das reuniões que a secretaria de Planejamento e Gestão vem realizando, com apoio da empresa Alternativa, que foi contratada para apoiar o município no desenvolvimento deste projeto. O objetivo será definir o formato de aplicação das oficinas, que iniciam no dia 31 de janeiro e se estendem até fevereiro, nas cinco regiões de Caruaru (a divisão é a mesma já utilizada
para a realização do Orçamento Participativo).

O evento será aberto para quem quiser participar. Á equipe técnica do município
que está à frente do PLHIS, os membros do Conselho Municipal de Habitação e
as lideranças de movimentos sociais ligados à habitação, que já vêm
participando de reuniões e capacitações sobre o Plano também participarão
do Fórum.

O PLHIS tem o intuito de planejar as ações do setor habitacional, de forma
a garantir o acesso à moradia digna. Suas diretrizes são definidas pelo
Ministério das Cidades, que divulgou recentemente a liberação de recursos
voltados à habitação apenas para os municípios que contemplem em seus
planos de habitação a participação da sociedade civil. Assim, a Prefeitura
de Caruaru vem buscando envolver a sociedade e entidades representativas
para cooperarem em todas as fases de elaboração do Plano.

PM promove mudanças em seus comandos

Pedro Augusto

Com atuação em 15 municípios da região Agreste, o 4º Batalhão da Polícia Militar passou a ser comandado nesta semana por um novo gestor. Trata-se do tenente-coronel Clenildo de Azevedo Nunes, que foi empossado no cargo em solenidade realizada na tarde da última quarta-feira (14), no Centro de Formação dos Servidores e Empregados Públicos de Pernambuco, no bairro Boa Vista, no Recife. Antes de assumir a unidade com sede em Caruaru, o tenente-coronel estava chefiando o 7º Batalhão Voluntários da Pátria, em Ouricuri, no Sertão do Estado.

Com vasta experiência na Polícia Militar, oriunda de seus mais de 20 anos de carreira, Clenildo Nunes terá a responsabilidade de tentar inibir o crescimento dos índices de violência em sua nova área de operação. Além dele, também assumiram cargos na Diretoria Integrada do Interior 1 os tenentes-coronéis Lindjohnson Félix da Silva e Marcos Campos de Albuquerque bem como os majores Hercílio da Fonseca Mamede, Silvestre Silva Dantas e Edvaldo Heleno do Oliveira. Os dois primeiros passaram a comandar respectivamente o 2º BPM e o 9º BPM.

Já os demais agora estão responsáveis pelo 21º BPM, o 5º BPM e o 8º BPM. Na semana passada, a Secretaria de Defesa Social havia empossado os novos gestores da Dinter 1 e 2. Elas já estão sendo chefiadas pelo coronel José Roberto Tenório e pelo coronel Abel Ferreira Junior. Denys Soares de Lima, que conduziu as ações do 4º BPM no último semestre, passou a gerir a Diretoria Integrada Metropolitana. O coronel retornou para a capital pernambucana após meses de atuação no interior.

Todas as mudanças realizadas têm como principal objetivo atingir as metas do programa Pacto pela Vida. Em seu discurso de posse, no início deste mês, no Quartel do Comando Geral da PM, no Recife, o novo comandante da Polícia Militar, coronel Antônio Francisco Neto, destacou o novo momento da corporação. “A partir de agora, o juramento que realizamos no início da carreira, em defesa da vida alheia da liberdade, igualdade e propriedade norteará ainda mais as nossas ações. Trabalharemos para reduzir a violência em Pernambuco”.

Antônio Francisco está sendo auxiliado pelo novo subcomandante, o coronel Ilídio Ferreira Vilaça Neto. Já os cargos das chefias do Estado Maior agora estão sendo ocupados pela tenente-coronel Érica Cristina Melo de Castro (1ª seção) e pelo tenente-coronel Eduardo Henrique Costa (3ª seção). De acordo com os dados da PM, ao todo, 28 cargos tiveram alterações promovidas nas unidades da Diretoria Integrada Metropolitana, da Diretoria Integrada Especializada, da Diretoria Integrada do Interior I e II e de duas chefias do Estado Maior. As passagens dos novos gestores são por tempo indeterminado.

/**/

Artigo: Líder – Coach ou mentor?

Por Dolores Affonso

Na atualidade, empresas competem globalmente por mercados, parceiros de negócios e até por colaboradores. Não basta mais ter um produto de qualidade ou uma campanha de marketing bem feita, é preciso pessoas certas nos lugares certos. O capital humano passou a ser o maior ativo de qualquer organização, e muitas pessoas me perguntam qual o principal diferencial que estas pessoas precisam ter.

Bom, pessoas precisam gostar de pessoas, lidar com pessoas e estarem prontas para esta nova realidade. Mas como as empresas podem obter as pessoas certas, ter colaboradores proativos, criativos e que gerem resultados?

Claro que gostar do que faz, ser remunerado de maneira justa e trabalhar num ambiente amigável faz diferença, e muita! Mas, além disso, é preciso aquele algo a mais, admiração pela organização, interesse pelas pessoas e consciência de suas responsabilidades. A equação parece complexa, mas é simples: pessoas capacitadas e satisfeitas = melhores resultados.

Estudos revelam que 80% das pessoas se demitem de seus líderes e não das empresas. Percebe-se, então, a importância do líder na gestão de pessoas, redução do turn-over, influência e satisfação dos colaboradores e, consequentemente, nos resultados organizacionais.

Empresas de sucesso precisam de lideranças efetivas! Para isso, é fundamental uma liderança diferenciada. E aí reside o maior problema das organizações: Lideranças efetivas! A maioria dos líderes ainda não se tornou um líder de fato. Normalmente, são líderes de direito, ou seja, são chefes, foram promovidos, estão numa posição de liderança, mas não sabem liderar.

E muitas organizações me perguntam como podem tornar seus líderes, líderes efetivos. Bom, isso não é fácil, claro, pois pessoas são únicas e não há uma receita de bolo para isso.

Com esta onda de termos e modismos, empreendedores, líderes e liderados se perguntam se o líder deve ser coach ou mentor. Eu acredito que os dois! Sim! Pense: Coach, segundo o IBC (Instituto Brasileiro de Coaching) é aquele que desenvolve capacidades e habilidades num processo de mudança através do desenvolvimento de competências pessoais, emocionais, comportamentais etc.

Neste processo, o coach, ou melhor, o líder coach, ajuda seus liderados a compreenderem-se melhor, a definirem seus objetivos, repensarem ou redescobrirem seus sonhos, a encontrarem seu espaço, a entenderem e aproveitarem seu potencial, habilidades, competências e a superarem suas limitações.

Já o mentor, orienta, acompanha, ensina desde competências e habilidades para as funções, melhores práticas e outros detalhes da função, das atividades e da organização, até a situações sobre sua carreira, posicionamento, formação. Muitas vezes, apoia em momentos difíceis e serve como exemplo e inspiração.

A grande diferença entre mentoring e coaching é que no coaching, o coach ajuda seu coachee a se descobrir, indicando reflexões, exercícios e pesquisas internas e externas para auxiliar no seu processo de autoconhecimento e mudança. Já o mentor, ajuda seu mentorado indicando possíveis caminhos, ensinando “o caminho das pedras”.

Pense comigo: um líder deve ser capaz de realizar estes dois papéis em momentos específicos com seus liderados, não acha?

Organizações, transformem seus líderes e vejam seus resultados se transformarem! Pensem na fórmula: Liderança Efetiva = Gente Satisfeita = Clientes Satisfeitos = Resultados Extraordinários!

Líder, torne-se coach e mentor e transforme as pessoas ao seu redor, ao mesmo tempo em que transforma a si mesmo, sua carreira e a sua vida para melhor!

Dolores Affonso é coach, palestrante, consultora, designer instrucional, professora e idealizadora do Congresso de Acessibilidade (www.congressodeacessibilidade.com ).

Compesa melhora abastecimento em Brejo da Madre de Deus

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) já começou a planejar o esquema de abastecimento para a Semana Santa numa das cidades mais visitadas nesse período: Brejo da Madre de Deus. Uma varredura na rede de distribuição da localidade de Fazenda Nova está sendo feita a fim de retirar vazamentos e ligações clandestinas de água. Investimentos para aumentar a oferta também estão sendo realizados. O objetivo da Compesa é garantir que o abastecimento seja feito de modo satisfatório tanto para visitantes quanto para moradores.

As reuniões entre a Compesa e os agentes públicos e privados do município já estão em andamento. No último encontro, realizado nesta quarta-feira (14), a equipe da região apresentou um panorama sobre o abastecimento.

Em Brejo da Madre de Deus, a companhia vem conseguindo atender melhor a população, apesar da estiagem. No fim de 2014, foi realizada uma intervenção no sistema com a implantação de uma bomba elevatória flutuante na Barragem Santana I que, junto com o manancial Santana II, compõe o sistema produtor de água do município. A estratégia utilizada aumentou a oferta de água para a cidade, acrescentando mais 10 litros por segundo na vazão já existente de 13 litros por segundo.

No caso da vila de Fazenda Nova, a meta é aumentar a vazão também onde está localizado o teatro de Nova Jerusalém.

Caixa sobe juros de financiamentos da casa própria com recursos da poupança

Os mutuários que pretendem financiar a compra da casa própria com recursos da poupança podem preparar o bolso. A Caixa Econômica Federal reajustará os juros das operações contratadas por meio do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE). A justificativa foi o aumento na taxa Selic (juros básicos da economia), que subiu nos últimos meses e está em 11,75% ao ano.

As novas taxas valem para financiamentos concedidos a partir de domingo (19). De acordo com a Caixa, os mutuários que já assinaram contrato não terão mudança. Os imóveis financiados com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) ou pelo Programa Minha Casa, Minha Vida também não sofrerão alterações.

No Sistema Financeiro da Habitação (SFH), apenas a taxa para quem não é correntista da Caixa não mudou, sendo mantida em 9,15% ao ano. Para os correntistas do banco, os juros subirão de 8,75% para 9% ao ano. Os mutuários com conta na Caixa e que recebem salários pelo banco passarão a pagar 8,7% ao ano de juros, em vez de 8,25% ao ano.

Para os servidores públicos, a taxa aumentará de 8,6% para 8,7% ao ano para os correntistas. Para os servidores com conta na Caixa e que recebem salário pelo banco, os juros passarão de 8% para 8,5% ao ano.

O SFH financia até 90% de imóveis de até R$ 650 mil. Em São Paulo, no Rio de Janeiro, no Distrito Federal e em Minas Gerais, o valor máximo de avaliação do imóvel corresponde a R$ 750 mil. As linhas do SFH tem custo efetivo máximo limitado a 12% ao ano. O custo efetivo máximo engloba juros e impostos sobre a linha de crédito, mas exclui gastos com seguros e taxas de administração.

No Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI), que segue regras de mercado e não tem limite de valor para os imóveis, a taxa para quem não tem vínculo com a Caixa subirá de 9,2% ao ano para 11% ao ano. Para os correntistas do banco, os juros passarão de 9,1% ao ano para 10,7% ao ano. Quem tem conta no banco e recebe salário pela Caixa passará a pagar 10,5% ao ano de juros, em vez de 9% ao ano.

No caso dos servidores públicos, os juros também subirão de 9% ao ano para 10,5% ao ano. Para servidores com conta na Caixa e que recebem salário pelo banco, os juros saltarão de 8,8% ao ano para 10,2% ao ano.

Mercado Cultural de Gravatá com programação neste fim de semana

O fim de semana está chegando e o Mercado Cultural de Gravatá é o lugar certo para diversão, entretenimento, gastronomia de qualidade e muito mais. Todos os fins de semana os comerciantes do local com o apoio da Prefeitura através da Secretaria de Turismo, oferecem programação especial para o público.

No sábado (17) a partir das 13h tem Gil dos Teclados e no domingo a
partir das 14 horas tem a apresentação de Fagner Chagas.

A entrada é gratuita.

Brasileiro condenado por tráfico de droga será executado neste domingo

A Indonésia vai executar neste domingo (18) o brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira, condenado por tráfico de drogas, informou hoje (16), em comunicado, a organização não governamental (ONG) Human Rights Watch. Ele está preso desde 2003.

“O governo indonésio está preparando um pelotão de fuzilamento” para executar Moreira e cinco outros prisoneiros condenados à morte por tráfico de droga,  disse a organização. De acordo com a ONG, a defesa de Moreira disse que o governo indonésio negou as solicitações do governo brasileiro para extraditar o preso, para que possa cumprir a sua pena de prisão no Brasil.

O Conselho dos Direitos Humanos das Nações Unidas e peritos da ONU já expressaram preocupação pela aplicação da pena de morte em um caso de tráfico de droga, segundo a Human Rights Watch.

O presidente indonésio Joko Widodo apoia a pena de morte para os traficantes de droga e negou clemência para os prisioneiros, considerando que os traficantes destroem “o futuro da nação”.

Em 2013, o governo indonésio acabou com uma moratória não oficial da pena de morte que durou quatro anos. No mesmo ano, as autoridades indonésias executaram um cidadão do Malaui acusado de entrar com um quilo de heroína na Indonésia.

A organização de defesa dos direitos humanos qualifica de odiosa a aplicação da pena de morte pelo governo indonésio e apela ao presidente para aboli-la no país.

Aparelhos da Praça do Convento serão recuperados

A URB iniciou a manhã de ontem (16) retirando brinquedos e aparelhos de ginástica da Praça do Convento, do Parque das Rendeiras e do Baraúnas para recuperá-los ou substituí-los. O prazo para recolocação desse material é de cerca de 90 dias.

Segundo o Superintendente de Meio Ambiente, Guilherme Guerra, esses aparelhos foram danificados pelo mau uso. “Fizemos a manutenção na Praça do Convento, por exemplo, em dezembro do ano passado. Agora já é necessária outra revitalização, porque existe o ataque de vândalos nessa área. Pedimos que a população ajude a preservar esses espaços e em casos de movimentação estranha acionem a polícia”, alertou.

Shopping Costa Dourada faz sorteio da promoção de Natal

O Shopping Costa Dourada sorteia, neste sábado (17), os ganhadores da campanha especial de Natal que vai premiar 20 consumidores com vales presentes no valor de R$ 5 mil cada. O sorteio será realizado às 18h e marca o encerramento da campanha “Natal 5 anos Shopping Costa Dourada”, que contou também com a decoração temática de anjos, presépio e a presença do Papai Noel.

A promoção natalina começou em novembro e para participar do sorteio os consumidores trocaram notas fiscais no valor de R$ 200,00 por cupons, o que pode ser feito até às 22h desta quinta-feira (15). Os 20 ganhadores vão poder usar seus vales presentes em qualquer uma das lojas participantes da promoção do Shopping Costa Dourada.

As opções vão desde lojas de roupas, calçados, móveis e restaurantes a agências de viagens e empresas imobiliárias. Por isso, o tema da campanha é: “Natal do Shopping Costa Dourada, tudo que você sempre sonhou”. “Premiar um número maior de pessoas é um dos nossos diferenciais. É uma forma de realizar sonhos com tudo o que a gente tem aqui no Shopping Costa Dourada”, diz o gerente de marketing, Gilson Paiva.

Porto de Galinhas recebe o II Ipojuca Fashion Day

A prefeitura de Ipojuca apoia o II Ipojuca Fashion Day e promove em parceria, neste sábado(18), a partir das 19h, em Porto de Galinhas, o segundo desfile com looks produzidos em Nossa Senhora do Ó. O Evento será na Praça das Piscinas Naturais e contará com apresentação de 20 modelos. O primeiro desfile aconteceu em 2013 durante o Forme Empresarial promovido pela gestão municipal, através da Secretaria de Juventude e Esportes (Sejuve).

A coordenadora do evento, Adna Plaisir, formada em Design de Moda está entusiasmada em poder mostrar, novamente, o seu trabalho ao público. “Estarei apresentando no Ipojuca Fashion Day uma modelagem feminina trabalhada em peças culturais do litoral sul pernambucano. Iniciei a costura muito cedo, com os ensinamentos da minha mãe, que é costureira, Maisa Silva e hoje conto também com o apoio das minhas irmãs, Adhadassa Stern e Elba Fleshpots. Estou entusiasmada com a receptividade do público”, destacou a estilista.

A estamparia das roupas reúne cultura afro, vestidos rodados e de sinhazinhas, além de tecidos de verão para moda praia. No local do desfile, a partir das 9h, será montado um stand com peças à venda. Moradores, visitantes e turistas poderão adquirir os produtos, que estarão à venda.