Dilma recebe apoio dos movimentos sociais e volta defender a democracia

dilminha

Da Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff voltou a defender a democracia e o respeito aos candidatos vitoriosos nas eleições. “A democracia é algo que temos que preservar custe o que custar”, disse ela, ao lembrar o período em que esteve presa durante a ditadura militar.

“Respeitar não é ficar agradando ao adversário. Eu brigo até a hora do voto e depois, eu respeito o resultado da eleição”, afirmou Dilma, durante reunião com movimentos sociais, hoje (13), no Palácio do Planalto.

A presidenta discursou por mais de uma hora, após ouvir falas de representantes de oito entidades. Os movimentos se posicionaram contra qualquer proposta de fim do mandato presidencial antes de 2018. Eles reafirmaram também suas reivindicações contra as consequências do ajuste fiscal nos programas sociais do governo.

Dilma disse que enfrentará o atual momento do país sem que haja retrocessos nas políticas sociais. “Não estou aqui para resolver todos esses problemas este ano. Estou aqui para resolver esses problemas e entregar um país muito melhor no dia 31 de dezembro de 2018.”

A presidenta citou o Mais Médicos e o Minha Casa, Minha Vida, como exemplos de programas que buscam superar as desigualdades sociais brasileiras, e ouviu da plateia gritos de apoio, como: “não vai ter golpe”. Em resposta, Dilma voltou a fazer referência a um trecho da cançãoGino e Geno, do cantor e compositor Lenine, para dizer que “enverga, mas não quebra”.

/**/

Governador cobra da presidente Dilma via de mão dupla

Do Diario de Pernambuco

Um dia depois de oferecer ajuda para conter a votação da chamada pauta-bomba, em tramitação no Congresso Nacional, o governador Paulo Câmara (PSB) cobrou o mesmo apoio do governo Dilma Rousseff. Segundo ele, há sete Upas em construção no Estado, quatro delas praticamente prontas, mas ainda sem condições de funcionar porque o Estado não consegue credenciar no SUS. O Hospital da Mulher, em Caruaru, também passa pelo mesmo problema.

“Eu não tenho condições de abrir porque não vou ampliar os serviços com dificuldade de caixa, porque isso vai gerar uma bola de neve. Também não estamos conseguindo credenciar junto ao SUS. Mesmo que tivéssemos recursos próprios, teria esse dificultador. É preciso esperar a melhoria do cenário fiscal. Eu não tenho condições de abrir (as unidades de saúde) sem ajuda do governo federal”, disse, em entrevista a uma rádio local. Ele lembrou que, no final do ano passado, os repasses do SUS atrasaram pela primeira vez em 20 anos.

Na entrevista, o governador expôs não somente dificuldades enfrentadas nas transferências dos recursos da União para a saúde do Estado, mas pediu atenção do governo federal para os anseios dos estados do Nordeste.

Previsibilidade foi a palavra chave do discurso adotado por Câmara ao opinar sobre a postura que o governo federal deveria adotar. “A gente precisa ter a previsibilidade em relação a investimentos. É importante para os governadores saberem com o que vão contar em 2016, 2017, 2018. Isso vai permitir a gente planejar”, avaliou Câmara, afirmando que compreende o momento difícil que a União está passando.

O governador voltou a falar em “previsibilidade” ao falar sobre os constantes anúncios de contingenciamento. “Não adianta, por exemplo, a transposição terminar se as adutoras não estão prontas. A questão hídrica seria, então, algo que levaria. Ela sempre colocou que não haveria contingenciamento em relação ao Nordeste”, lembrou.

Cintra volta a manifestar apoio a projeto que reconhece profissão de artesão; veja

Parlamentar caruaruense diz estar engajado na aprovação da matéria (Foto: Moreira Mariz/Agência Senado)

O senador Douglas Cintra (PTB) voltou a manifestar seu apoio ao projeto de lei que regulamenta a atividade profissional do artesão, em tramitação no Congresso. Em um vídeo com quase um minuto de duração, o petebista afirma ser “um integrante ativo” da Frente Parlamentar Mista de Defesa e Valorização do Artesanato e que está engajado na aprovação da matéria.

ASSISTA AO VÍDEO CLICANDO AQUI

“Como caruaruense, tenho o DNA e a paixão pelo artesanato, tão bem representado pela minha terra na obra de Mestre Vitalino e nas figuras de barro do Alto do Moura”, diz o senador. “Meu envolvimento com a defesa do artesanato é tão estreito que também sou relator, na Comissão de Educação do Senado, do projeto de lei que cria o Programa de Certificação do Artesanato. A certificação de origem e qualidade contribuirá para valorizar e dar preço melhor aos produtos artesanais. Os artesãos do país inteiro podem contar comigo”, finaliza.

O PL 7755/2010 reconhece a profissão de artesão e determina o estabelecimento de políticas públicas de apoio, crédito e aperfeiçoamento. De acordo com a proposta, de autoria do então senador Roberto Cavalcanti, artesão é toda pessoa que exerce atividade predominantemente manual, que pode contar com o auxílio de ferramentas e outros equipamentos de forma individual, associada ou cooperativada.

O documento prevê políticas públicas no âmbito da União para a valorização da identidade e cultura nacionais e a destinação de linha de crédito especial para o financiamento da comercialização da produção artesanal e para a aquisição de matéria-prima e equipamentos.

João Lyra apoia movimento para vinda do HUB da TAM

João-Lyra-Neto-01

Em São Paulo, onde participa de seminário sobre “Transporte Coletivo”, o ex-governador João Lyra Neto enviou mensagem de apoio a iniciativa do governador Paulo Câmara em lançar movimento para atrair hub da TAM para Pernambuco. “Essa iniciativa do governador Paulo Câmara é da maior importância para consolidação da infraestrutra turística em nosso Estado. Pernambuco tem tudo para ganhar este centro vôos nacionais e internacionais desta importante empresa de aviação,” observou  Lyra.

Ministro diz que governo brasileiro apoia investigação sobre a Fifa

O ministro do Esporte, George Hilton, disse hoje (28) que o governo brasileiro acompanha e apoia a investigação conduzida pelos Estados Unidos e pela Suíça sobre corrupção e fraudes na Federação Internacional de Futebol (Fifa), e que espera que eventuais culpados sejam punidos. Entre os dirigentes da Fifa presos ontem (27) está o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) José Maria Marin.

“O governo vai acompanhar atentamente todas as investigações, apoiamos [as investigações], e que os eventuais culpados sejam punidos na forma da lei”, disse o ministro que participou, nesta quinta-feira (28), de reunião da comissão geral da Câmara dos Deputados.

Hilton disse que o Brasil sai na frente no momento em que o futebol mundial enfrenta um momento delicado: há no Congresso Nacional uma medida provisória enviada pelo governo para estabelecer práticas de boa governança e modernização do futebol no Brasil. “Entendemos que é bom esse momento, não pelo fato em si, mas porque temos proposta na Casa, que é a medida provisória que busca modernizar o futebol no Brasil com contrapartidas claras para [que] os clubes [possam ter] práticas de boa gestão e governança”, disse o ministro.

O ministro fez referência à Medida Provisória 671, encaminhada pela presidenta Dilma Rousseff ao Congresso, em março, que trata do refinanciamento de dívidas de clubes com a União. A medida provisória propõe medidas para modernizar a gestão financeira e a responsabilidade fiscal dos clubes.

O ministro disse não ter informação sobre se há relação entre as investigações e a Copa do Mundo de 2014, ocorrida no Brasil. Acrescentou que, se houver, o país está aberto a investigações. “Não sabemos ainda. Vamos acompanhar cada caso e, se isso eventualmente aconteceu, estamos abertos para que haja investigação e se esclareça que os culpados sejam punidos como manda a lei”, disse.

Exército ajudará Caruaru a enfrentar seca

Para tratar da inclusão de Caruaru na Operação-Pipa, coordenada em Pernambuco pelo Comando Militar do Nordeste, o Prefeito José Queiroz recebeu, na manhã desta terça, os representantes do Exército, sargentos Rafael Stahoski e Henrique Sávio. A reunião teve a participação dos Secretários Rui Lira, de Governo, e Anselmo Pereira, do Desenvolvimento Rural, e resultou num mapeamento da situação provocada pela estiagem, na zona rural do município.

A Prefeitura vem desenvolvendo intenso esforço para abastecer a Zona Rural de Caruaru, investindo cerca de R$ 80.000,00 mensalmente, no fornecimento de mais de 670 caminhões d’água que dão suprimento a um conjunto de 60 cisternas comunitárias e dezenas de reservatórios residenciais, muitos dos quais indicados por lideranças políticas e das localidades mais carentes.

O mapeamento da situação é um primeiro passo para que o Exército possa se integrar à luta pelo abastecimento d’água no Município. Para isso, os militares, vinculados ao Regimento Olinda, percorreram áreas da zona rural guiados por José Quintino e Kleber Aleksander, respectivamente coordenador e técnico da Defesa Civil de Caruaru, que também participaram da reunião com o Prefeito.

“Para Caruaru toda ajuda é bem vinda, num momento crítico para o abastecimento da população do interior. O Exército, com a Operação-Pipa, será um importante reforço para que os problemas causados pela estiagem sejam amenizados em nossa zona rural ”, observou José Queiroz.

Treloso apoia evento com atores da novela Chiquititas

A marca Treloso, da Vitarella, está apoiando um evento que contará com a presença de atores da novela Chiquititas, do SBT. O encontro será realizado no dia três de maio, no buffet infantil Donna Festa, em Recife, e a grande atração será o show da atriz Gabriella Saraivah e do ator Pedro Henrique, que fazem a Tati e o Thiago. Eles estarão apresentando os grandes sucessos musicais da novela que conquistou o Brasil. Haverá degustação de biscoitos e muitas brincadeiras com a Turma do Treloso.

O evento, que será realizado das 17h às 21h, terá ainda a participação do Tio Bruninho e banda, que vem comandando várias festas infantis em Recife. Toda a diversão acontece em um cenário decorado especialmente para a festa. E tem mais. Quem comprar um ingresso concorre um jantar com a dupla no dia dois de maio, em Recife. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: (81) 30366567 e (81) 30375004.

 

Em almoço, Jarbas reafirma apoio a Geraldo Julio

Do Blog da Folha

O tradicional cozido promovido pelo deputado Jarbas Vasconcelos (PMDB), no município do Paulista, na Região Metropolitana do Recife, que ocorreu nesse sábado (18), não serviu apenas para uma simples confraternização entre seus aliados. No encontro, o peemedebista ratificou o seu compromisso com as gestões do governador Paulo Câmara (PSB) e do prefeito Geraldo Julio (PSB).

O apoio de Jarbas aos socialistas, principalmente a Geraldo Julio, serviu para esfriar os boatos de que ele iria concorrer à Prefeitura do Recife nas eleições do próximo ano. “Em princípio isso é mais conversa de jornal. Jarbas foi solidário a Geraldo Julio”, disse uma fonte palaciana.

“O almoço serviu para referendar o apoio de Jarbas e do PMDB ao projeto de Câmara e Geraldo Julio”, completou.

Durante o cozido, o clima era de descontração entre os convidados. Os presentes ressaltavam a importância da união dos partidos que compõem a Frente Popular do Estado. Entre outros assuntos discutidos entre Jarbas e os aliados, estavam a visita do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a Itapissuma, na última sexta-feira (17), e as candidaturas majoritárias em vários municípios de Pernambuco no próximo ano. Apesar do gesto para Geraldo, o líder do PMDB não chegou a conversar a sós com o socialista.

A reaproximação entre PMDB e PSB ocorreu em 2012. A rixa entre os dois partidos é antiga. O rompimento ocorreu nas articulações para a eleição a prefeito do Recife em 1992. O período de desentendimento perdurou por 30 anos, e teve confrontos diretos nas eleições para o governo em 1998 e em 2010, onde Eduardo Campos e Jarbas Vasconcelos eram os principais candidatos. Mas em 2012, as duas lideranças se reaproximaram de vez. E mesmo com a morte de Campos, em 2014, Jarbas mantém o seu compromisso com os socialistas.

Movimento União pelo Nordeste recebe apoio paraibano

Ontem (09), ocorreu a visita do grupo que lidera o Movimento União pelo Nordeste à Paraíba. Os deputados Rodrigo Novaes (PSD), Miguel Coelho (PSB) e Claudiano Martins (PSDB) cumpriram uma programação na capital João Pessoa. A visita é a continuidade de uma série de encontros com as lideranças políticas nordestinas.

No primeiro compromisso, a bancada pernambucana foi recebida pelos parlamentares paraibanos na Assembleia Legislativa (ALPB). Na ocasião, os deputados apresentaram detalhes sobre o União pelo Nordeste e colheram sugestões para o movimento. Ficou definido que uma comissão formada por quatro parlamentares paraibanos passará a integrar o movimento de maneira permanente.

Depois de receber o apoio dos deputados na ALPB, o grupo seguiu para um encontro com o governador paraibano, Ricardo Coutinho (PSB), que também firmou compromisso com o movimento e mostrou entusiasmo e engajamento para com o União pelo Nordeste. “De nossa parte, temos a total concordância de que é preciso que se crie algo muito maior que obras, uma coisa chamada de sentimento de nordestinidade. É possível se construir uma voz uníssona”, afirmou Coutinho.

 

No plenário Deputado federal Wolney Queiroz apoia a PEC 82/2007

O deputado federal Wolney Queiroz (PDT) apoia a Proposta de Emenda à Constituição, PEC 82/2007, que atribui autonomia funcional e prerrogativas aos membros da Defensoria Pública, Advocacia da União, Procuradoria da Fazenda Nacional, Procuradoria-Geral Federal, Procuradoria das autarquias e às Procuradorias dos Estados, do Distrito Federal e dos municípios. O autor da PEC é o deputado federal Flávio Dino (PCdoB/MA) junto com outros deputados.  Na prática, a PEC 82 acresce os arts. 132-A e 135-A e altera o art. 168 da Constituição Federal.