Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017

Apenas em 2017, o Brasil registrou 63.880 mortes violentas, o maior número de homicídios da história recente do país. Os dados indicam que foram assassinadas 175 pessoas por dia, registrando elevação de 2,9% em comparação a 2016. A taxa é de 30,8 mortes para cada 100 mil habitantes.

Os dados fazem parte do 12º Anuário de Segurança Pública divulgado nesta quinta-feira (9), em São Paulo, durante o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

O Rio Grande do Norte (68) registrou a maior taxa de mortes violentas por 100 mil habitantes, seguido por Acre (63,9) e Ceará (59,1).

As menores taxas estão em São Paulo (10,7), seguida de Santa Catarina (16,5) e Distrito Federal (18,2).

De acordo com o levantamento, o número de homicídios dolosos cresceu 2,1%, ao atingir os 55.900. As lesões corporais seguidas de morte totalizaram 955, com crescimento de 12,3%. Já os latrocínios caíram 8,2% e foram 2.460.

Violência policial
O número de policiais mortos reduziu 4,9%, chegando a 367. Na contramão, o número de pessoas mortas em intervenções policiais registrou aumento de 20%, com 5.144 casos em 2017.

Violência contra a mulher
Os indicadores mostram ainda que os estupros aumentaram 8,4%, chegando a 60.018. Os casos de feminicídio totalizaram 1.133.

Em 2017 foram registrados 221.238 casos de violência doméstica, uma média de 606 por dia. Também houve crescimento no número de mulheres vítimas de homicídio (6,1%), chegando a 4.539.

Armas de fogo
No ano passado, foram apreendidas 119.484 armas de fogo. Dessas, 94,9% não eram cadastradas no sistema da Polícia Federal (Sinarm). Entre as armas legais apreendidas, 13.782 tinham sido perdidas, extraviadas ou roubadas – o que equivale a 11,5% das armas apreendidas no período.

Desaparecimentos
Os dados do estudo contabilizam 82.684 registros de pessoas desaparecidas apenas em 2017.

População carcerária
De acordo com o anuário, a população carcerária brasileira era de 729.463 pessoas em 2016 – 689.947 no sistema penitenciário e 39.516 sob custódia das polícias. O estudo mostra ainda o déficit no sistema prisional que contava com 367.217 vagas, o que resulta em duas pessoas presas para cada vaga.

Agência Brasil

Candidatos à Presidência terão primeiro debate na TV nesta quinta-feira

Os principais candidatos à Presidência da República se encontram pela primeira vez na noite de hoje para debater propostas e ideias para o país. Confirmaram presença no debate da Rede Bandeirantes os candidatos Álvaro Dias (Podemos), Cabo Daciolo (Patriota), Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (Rede), Jair Bolsonaro (PSL), Guilherme Boulos (Psol), Henrique Meirelles (MDB) e Ciro Gomes (PDT). O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) – nome confirmado pelo PT como candidato mesmo estando preso – ainda briga na Justiça para participar do encontro.

Nessa quarta-feira, os advogados da campanha petistas entraram com um recurso contra a decisão da juíza Bianca Arenhart, do Tribunal Regional Federal da 4º Região (TRF-4), que negou o pedido para que o ex-presidente Lula participe do debate. No mandado de segurança, a equipe do ex-ministro da Justiça Eugênio Aragão disse que a execução provisória da pena “não pode ter o condão de cassar ou suspender os direitos políticos, ou mesmo sua liberdade de expressão e de comunicação”, do petista, que foi aclamado candidato do partido na convenção nacional, em 4 de agosto.

O petista foi condenado em segunda instância a 12 anos e um mês de prisão no caso do triplex do Guarujá e está preso desde abril, em Curitiba. Na segunda-feira, ao negar o pedido da defesa de Lula, a juíza Bianca alegou questões processuais e disse entender que o PT não tem legitimidade para fazer o pedido em nome do ex-presidente.

O novo recurso foi encaminhado ao presidente do TRF-4, Carlos Eduardo Thompson Flores. No pedido, os advogados insistem em que Lula participe do debate, nem que seja através de vídeos gravados de dentro da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.

Enquanto Lula tenta entrar no primeiro debate por medida judicial, o candidato a vice-presidente na chapa petista, Fernando Haddad, afirmou ontem que pretende fazer um debate paralelo ao que será transmitido na noite de hoje. Ao lado da deputada estadual Manuela D’Ávila (PCdoB), Haddad quer comentar e responder aos temas do debate por meio das redes sociais e com uso de um telão.

Ausências O candidato do Partido Novo, João Amoedo, também disse ontem que sua equipe avalia entrar na Justiça para que ele possa participar dos debates eleitorais na televisão. “Estamos avaliando. A gente gostaria de já participar deste debate nesta quinta (hoje). Entendemos que temos uma proposta diferente e o primeiro colocado nas pesquisas hoje são os 60% da população que não sabe em quem votar”, disse o candidato.

A lei determina que apenas os candidatos de partidos ou coligações que tenham no mínimo cinco representantes no Congresso podem participar de debates na TV. Criado em 2016, o Novo não tem nenhum parlamentar no Congresso. Além de Amoedo, não participam do debate da Band os candidatos José Maria Eymael (DC), Vera Lúcia (PSTU) e João Goulart Filho (PPL).

Regras

Para o debate desta noite, ficou definido, após sorteio, que no primeiro bloco o candidato do Psol, Guilherme Boulos, vai abrir o debate escolhendo para quem fará a primeira pergunta, e o candidato do MDB, Henrique Meirelles, fará a última pergunta. No segundo e quarto blocos do debate, os candidatos responderão às perguntas de jornalistas. No terceiro bloco eles voltam a trocar perguntas e no último bloco fazem as considerações finais.

Estado de Minas

Cremepe deve anunciar nova gestão até o fim desta quinta

A nova gestão do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) deve ser anunciada nesta quinta-feira (9), após dois dias de votação em todo o estado. Duas chapas disputam o pleito para o quinquênio 2018-2023. Até o fim da tarde dessa quarta-feira, mais de 10 mil dos 18 mil profissionais aptos no colégio eleitoral já tinham computado seus votos. A apuração deve ser encerrada no fim da tarde desta quinta (9), quando deverão ser anunciados os 40 novos escolhidos para membros da diretoria do Cremepe.

O pleito aconteceu na terça e quarta, com urnas distribuídas por todo o estado, em diversos hospitais e entidades ligadas à profissão. As eleições foram realizadas por voto direto e secreto. Segundo a Resolução do Conselho Federal de Medicina (CFM), o voto é obrigatório para todos os médicos, que devem estar adimplentes no respectivo conselho regional. Os votos por correspondência chegaram a 1,4 mil cartas recebidas.

De acordo com o neurologista Gilson Edmar, presidente da Comissão Eleitoral, quem não participou do pleito tem 60 dias para justificar a ausência. O ato pode ser feito de forma presencial, na sede do Cremepe, localizada na Rua Conselheiro Portela, 203, no Espinheiro, ou através do site www.cremepe.org.br. Quem não justificar pagará multa.

“Nas primeiras horas de votação, na terça-feira de manhã, e ontem à tarde, o movimento foi muito grande. Acreditamos que no máximo no fim da tarde estaremos com os resultados em mãos. Apesar de o voto ser no papel, a apuração é feita de forma eletrônica através de leitura ótica”, afirmou Gilson Edmar. Além dele, participam como secretários da Comissão Eleitoral os médicos Carlos Alberto Sá Marques e Fernando Verçosa.

“Um dos problemas que vejo é a quantidade de cursos de medicina. São 13 em todo o estado. Proporcionalmente, essas faculdades colocam mais médicos no mercado do que ele tem capacidade para absorver. Porém há cidades do interior nas quais faltam profissionais”, opina o médico do trabalho Gustavo Rosas, no seor há 17 anos. Para ele, a atuação do conselho é hoje “inerte”. O profissional também espera mais transparência das contas da entidade.

O pediatra Sérgio Denizard já ocupou uma cadeira do conselho entre os anos de 1998 e 2003 e acredita que nem sempre é possível fazer uma gestão que agrade a todos. Ele votou na terça de manhã, na urna instalada no Hospital Agamenon Magalhães.

“Não acho que o Cremepe seja inerte. É uma autarquia federal sustentada pelos médicos, cujas contas são fiscalizadas pelo Tribunal de Contas. Como já fiz parte da entidade, sei como é difícil às vezes. E eu espero que essa nova gestão seja capaz de cumprir as propostas pautadas nas campanhas”, disse Denizard. A chapa 1 é da situação e concorreu com o lema “Ética em Respeito ao Médico”. A chapa 2 é oposição e participou da disputa com o lema “Mudar e Agir”. Após a eleição do novo conselho, a chapa vitoriosa se reunirá para escolher os novos presidente e vice-presidente da entidade.

/**/

Júlio Lóssio apresenta chapa completa e cinco eixos para campanha

O candidato a governador de Pernambuco pela Rede, Júlio Lóssio, apresentou uma chapa majoritária “puro sangue” para disputar o Palácio do Campo das Princesas, na quarta-feira (8). A advogada Adriana Rocha é a segunda candidatura ao Senado, que terá o Pastor Jairinho como opção, além do seu postulante a vice-governador Luciano Bezerra. Júlio Lóssio fundamentou sua campanha em cinco eixos: cidadania, infraestrutura e mobilidade, meio ambiente e inovação, desenvolvimento econômico e governança.

“Fui muito demandado, queriam que eu fosse para o Senado. Mas temos a decisão de não nos ter alianças com partidos envolvidos na (Operação) Lava Jato. Sabíamos da dificuldade de estrutura”, disse Lóssio. O candidato prometeu enxugar a máquina do Estado. Caso seja eleito, ele indicou que terá 10 secretarias. “Menos cargos, menos assessores, menos gente no Palácio”, avisou.

Folhape

Gilberto Gil depõe a Moro e diz desconhecer atos ilícitos de Lula

O cantor Gilberto Gil, ministro da Cultura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) de 2003 a 2008, nega ter tido conhecimento de qualquer ato ilícito envolvendo o petista quando ocupava o cargo. Ele prestou depoimento ao juiz Sergio Moro, na manhã desta quinta-feira (9), como testemunha de defesa de Lula na ação que envolve o sítio de Atibaia (SP).

Questionado pelo advogado do ex-presidente, Cristiano Zanin, se tinha contato permanente com Lula quando ministro, Gil respondeu que sim. Perguntado se chegou ao seu conhecimento que o petista teria solicitado ou recebido vantagens indevidas, o artista disse que não.

Gil também afirmou desconhecer benefícios concedidos às empresas Odebrecht e OAS em troca de reformas no sítio de Atibaia, objeto da ação penal. Em seguida, Moro perguntou se o músico tinha conhecimento de envolvimento dos ex-ministros José Dirceu e Antônio Palocci e do marqueteiro João Santana em esquemas de corrupção e lavagem de dinheiro. Todos foram condenados em primeira instância na Lava Jato. Gil respondeu que não.

“Tem conhecimento de que Palocci e João Santana são confessos em relação à prática de crimes de corrupção e lavagem de dinheiro?”, questionou o juiz. “Tenho ouvido notícias a respeito”, disse o artista. “Mas na época não tinha conhecimento?”, prosseguiu Moro. “Não”, Gil respondeu.

Ação penal

Esta ação penal investiga se Lula se beneficiou de R$ 1,02 milhão em benfeitorias no sítio de Atibaia (SP), que teriam sido pagas pelas construtoras Odebrecht e OAS. O Ministério Público Federal acusa o petista de ser o verdadeiro dono do imóvel, registrado no nome dos empresários Fernando Bittar e Jonas Suassuna.

O ex-presidente nega todas as acusações. A partir do dia 27 de agosto, os réus serão interrogados. O interrogatório de Lula está marcado para o dia 11 de setembro, presencialmente.

Folhapress

TSE mantém horários locais para votação nas eleições deste ano

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta quinta (9), por unanimidade, manter os horários de votação inalterados para as eleições deste ano, obedecendo aos fusos horários locais, sempre das 8h às 17h em todas as unidades da Federação.

Uma sugestão de alteração havia sido apresentada pelo ministro Gilmar Mendes, que propôs o término da votação unificado pelo horário de Brasília, de modo a uniformizar a apuração.

Para que os resultados fossem apurados no mesmo momento, porém, seria necessária uma antecipação do início da votação em estados como o Acre, cujo fuso horário é ao menos duas horas atrasado em relação ao horário de Brasília.

“Parece que qualquer das soluções possíveis revela aspectos positivos e negativos”, disse a ministra Rosa Weber, que será presidente do TSE durante as eleições. Ela elogiou a iniciativa de Gilmar Mendes, mas votou por manter os horários atuais. Segundo a ministra, “inúmeras dificuldades implicariam o início das eleições, devido ao fuso horário, ainda pela madrugada”.

O atual presidente do TSE, ministro Luiz Fux, disse ter recebido diversas reivindicações de presidentes de tribunais regionais eleitorais (TREs) para que fossem mantidos os horários. Ele lembrou haver “estados bem carentes que teriam que começar a distribuir o material às 3 horas da manhã”.

Agência Brasil

Paulo destaca queda consistente dos índices de violência no Estado

O governador Paulo Câmara comandou, na manhã desta quinta-feira (09.08), mais uma reunião semanal do Pacto Pela Vida (PPV), realizada na sede da Secretaria Estadual de Planejamento e Gestão (Seplag), no bairro de Santo Amaro, no Recife. Na oportunidade, o chefe do Executivo acompanhou os resultados alcançados no primeiro semestre de 2018, que apresentaram uma redução de 21,9% nos casos de Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP), e 21% nos registros de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI). Na ocasião, também foram analisados os números parciais do mês de julho, que serão apresentados à população no próximo dia 15 deste mês, pela Secretaria de Defesa Social, mas que também já apontam para uma nova redução, em relação ao mesmo período de 2017.

“Tivemos um mês de julho satisfatório, diante da dificuldade que é, hoje, fazer segurança pública no Brasil. Alcançamos uma redução importante de 21% nos números de CVLI e CVP, no primeiro semestre de 2018. Chegamos ao 9º mês seguido de diminuição dos registros de CVP e ao 8º mês de queda nos índices do CVLI. Isso reflete o nosso compromisso e o conjunto de esforços que vem sendo priorizado de forma conjunta, através do Pacto Pela Vida. A população já reconhece que estamos no caminho certo, que estamos dando respostas cada vez mais rápidas. E não vamos parar. Vamos continuar trabalhando para manter a consistência dessa redução da violência em Pernambuco”, destacou o governador.

No primeiro semestre de 2018, os casos de homicídios em Pernambuco tiveram uma redução de 21% em relação ao mesmo período de 2017. No total, foram 2.279 ocorrências do tipo registradas entre janeiro e junho de 2018, contra 2.875 notificados no mesmo período do ano passado. Já em relação aos Crimes Violentos contra o Patrimônio, nos seis primeiros meses de 2018, os casos registrados tiveram uma redução de 21,9% em relação ao mesmo período de 2017. No total, foram 49.824 ocorrências do tipo entre janeiro e junho de 2018, contra 63.827 notificados no mesmo período do ano passado.

Porto Digital em Caruaru prorroga prazo da chamada para empreendedores

O Armazém da Criatividade, unidade avançada do Porto Digital no interior do Estado, prorrogou o prazo de inscrições para a 3ª turma de incubação. As inscrições poderão ser realizadas até às 23h59 deste domingo (12).

O Processo de incubação tem duração de 12 meses e visa auxiliar empreendedores das áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e Economia Criativa (EC), que englobam: desenvolvimento de software; produção multimídia; games; animação; audiovisual; design de produto, gráfico; moda; toy art; fotografia; editorial de moda e música.

Para participar do processo de seleção, os empreendedores devem ler atentamente a chamada disponível em http://bit.ly/ChamadaIncubacaoAC, e então efetuar a inscrição de sua ideia ou negócio pelo formulário https://goo.gl/EVuG3W. Após a primeira seleção, as empresas serão convocadas no dia 16/08 para um pitch, evento em que os empreendedores apresentarão suas ideias para uma banca avaliadora. As 10 empresas selecionadas após o pitch serão divulgadas nas redes sociais do Armazém da Criatividade no dia 20/08.

Confira o calendário:

• Fim do prazo de Inscrição: 12/08

• Divulgação das propostas pré-selecionadas: 13/08

• Pitch: 16/08

• Divulgação das propostas selecionadas: 17/08

• Início da incubação: 27/08

Serviço

Prorrogação da Chamada de Incubação – Armazém da Criatividade

Inscrições até 12/08

Link da Chamada: http://bit.ly/ChamadaIncubacaoAC

Festival de Cinema de Arquivo abre inscrições

Estão abertas, até 31 de agosto de 2018, as inscrições para a Mostra Competitiva do Arquivo em Cartaz – Festival Internacional de Cinema de Arquivo. O festival é um evento anual realizado pelo Arquivo Nacional em sua sede, no Rio de Janeiro, e tem como objetivo promover a difusão do patrimônio audiovisual, contribuindo para a preservação e recuperação da memória audiovisual brasileira.

Para a Mostra Competitiva são aceitos filmes finalizados entre os anos de 2016 e 2018 que contenham no mínimo 30% de material de arquivo (imagens em movimento, áudio, fotografias, mapas, manuscritos etc.). A mostra tem como objetivo promover e fomentar novas produções que utilizem coleções de diferentes instituições de arquivo brasileiras e estrangeiras, assim como coleções privadas.

Recebemos filmes de curta, média e longa-metragem, de todos os gêneros e com temática livre. Os filmes estrangeiros deverão ter legendas em português, inglês e/ou espanhol.

Toda a programação do Arquivo em Cartaz é gratuita, contando com oficina, exibição de filmes, debates e homenagens a importantes nomes do cinema. A Mostra Competitiva acontece entre 03 a 07 de dezembro de 2018, durante o festival.

As inscrições devem ser realizadas por meio do preenchimento de formulário disponível em HTTP://goo.gl/bwYR5R. Para mais informações, acesse https://www.facebook.com/arquivoemcartaz. Em caso de dúvida, entre em contato pelos números (21) 2179-1254 ou (21) 2179-1266, ou envie e-mail para arquivoemcartaz@gmail.com

Sesc Ler Buíque promove encontro de alunos com escritores

O universo da literatura é mágico e cheio de aventuras e descobertas. E nesta segunda (13/8), o Sesc Ler Buíque realizará o projeto “Um escritor em minha sala”. Os estudantes da Escola Estadual Vigário João Inácio, localizada na Rua Aurora Laerte Cavalcanti, no Centro, foram os escolhidos para receber a visita dos escritores da cidade e as atividades desenvolvidas pelo projeto.

Leonardo Silva, Sinvaldo Oliveira e Irivanise Albuquerque são os escritores que participarão da programação, que é gratuita. O projeto, que vem sendo desenvolvido desde 2017 pela Unidade, ocorrerá em três turnos: manhã, a partir das 8h30; tarde, às 14h; e noite, a partir das 20h.

Os alunos receberão a visita de escritores na sala de aula inesperadamente, sem nada marcado previamente com eles. “O encontro será marcado por muita cultura e poesia, permitindo assim a difusão da literatura local e a valorização da produção autoral, mas, sobretudo, a formação de públicos que se interessem pela leitura, poesia, livro e todo o universo da literatura”, explica a professora de Artes do Sesc Ler Buíque, Carla Tôrres.

Sesc – O Serviço Social do Comércio (Sesc) foi criado em 1946. Em Pernambuco, iniciou suas atividades em 1947. Oferece para os funcionários do comércio de bens, serviços e turismo, bem como para o público geral, a preços módicos ou gratuitamente, atividades nas áreas de educação, saúde, cultura, recreação, esporte, turismo e assistência social. Atualmente, existem 19 unidades do Sesc do Litoral ao Sertão do estado, incluindo dois hotéis, em Garanhuns e Triunfo. Essas unidades dispõem de escolas, equipamentos culturais (como teatros e galerias de arte), restaurantes, academias, quadras poliesportivas, campos de futebol, entre outros espaços e projetos. Para conhecer cada unidade, os projetos ou acessar a programação do mês do Sesc em Pernambuco, basta acessar www.sescpe.org.br.