Leão luta para fugir de degola, já Timbu e Cobra miram reforços

Único integrante do trio de ferro da capital a ter permanecido com calendário neste segundo semestre, o Sport se despede da temporada atual em clima de decisão. Com chances matemáticas de escapar do rebaixamento à Série B, o Leão não pode pensar em outro resultado a não ser na vitória diante do Santos, neste domingo (2), a partir das 16h (horário de Pernambuco), na Ilha do Retiro. O confronto será válido pela última rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Para fugir da degola, além de ter de vencer o Peixe, o time da Praça da Bandeira, que está na 18ª posição com 39 pontos, ainda precisa torcer pelos tropeços de pelo menos dois dos também ameaçadíssimos de queda: América-MG (17º colocado, com 40), Chapecoense (16º colocado, com 41) e Vasco (15º, com 42 pontos).

Náutico

Diferentemente do arquirrival Sport, que ainda se encontra disputando a temporada 2018, o Náutico já iniciou os preparativos dentro de campo visando às competições do próximo ano. Em paralelo às atividades físicas e com bola que estão sendo realizadas no Centro de Treinamento Wilson Campos, o time de Rosa e Silva também está voltando as suas atenções para a contratação de reforços. De acordo com o gerente de futebol, Ítalo Rodrigues, a intenção do Timbu está sendo investir na vinda por empréstimo de atletas sem espaço em clubes das duas primeiras divisões, além de apostar em jogadores jovens sem mercado nas equipes das Séries A e B do Brasileiro.

Santa Cruz

Assim como o Náutico, o Santa Cruz foi obrigado a encerrar as suas atuações dentro de campo bem mais cedo em relação ao Sport, devido à eliminação na fase mata-mata da Série C 2018. Neste momento, o time das Repúblicas Independentes do Arruda também se encontra inclinado para trazer reforços para 2019. “Temos que ter criatividade e conhecimento de mercado. Usando a bagagem de todas as pessoas envolvidas. Da direção, de Luciano (Sorriso, executivo de futebol) que chegou recentemente e vai agregar muito, e do departamento de análise de desempenho do clube”, declarou o novo técnico coral, Leston Júnior.

Pedro Augusto é jornalista e repórter do Jornal VANGUARDA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.