Campanha Nacional de Multivacinação iniciará na próxima segunda

O principal objetivo da Campanha Nacional de Multivacinação é a atualização do cartão vacinal que estiver atrasado. É importante ficar atento. A campanha ocorrerá em todo território nacional e em Caruaru, e a população terá a partir desta segunda, 19, até o próximo dia 30, além do dia 24, que será o dia de Mobilização Nacional, para  crianças com idade menor que cinco anos e de nove  até 15 anos incompletos à unidade de saúde mais próxima de sua residência.

Mais de 18 tipos de vacina estarão disponíveis, e é importante salientar que há disponibilidade desses imunobiológicos em todas as 67 Unidades Básicas de Saúde (UBS) o ano inteiro. A campanha é justamente para esse público que ainda falta se imunizar, ou que ainda não se adequou às mudanças do calendário. A coordenadora do Programa Nacional de Imunização da Secretaria de Saúde de Caruaru, Juliane Santana, explica o que é necessário para fazer a atualização. “É indispensável que a pessoa esteja com a caderneta de vacinação quando for à unidade. Com ela poderemos avaliar quais vacinas a pessoa ainda precisará tomar”.

Estarão disponíveis todas as vacinas oferecidas pelo SUS para o público alvo citado anteriormente, incluindo a HPV para as meninas. Confira a lista completa: BCG, Hepatite B, Hepatite A; Vacina contra Poliomielite Inativada (VIP); Vacina Oral contra Poliomielite bivalente (VOPb), Meningocócica C Conjugada, Vacina Oral contra o Rotavírus Humano ( VORH) ; Vacina contra o Papilomavírus Humano (HPV); Pneumocócica 10 Valente; Febre amarela; Varicela; Pentavalente; Tetraviral; Dupla adulto difteria e tétano (dT) ; Tríplice Bacteriana (DTP); Tríplice viral, Tríplice Bacteriana acelular (dTpa). Além de vacinas para pessoas portadoras de necessidades especiais: Haemophilus Influenza tipo b (Hib), Pneumocócica 23 valente, Influenza, Hepatite A purificada e imunoglobulinas.

A população poderá se dirigir a uma das 67 unidades de saúde que funcionam em Caruaru durante o período da campanha. Os Centros de Saúde funcionam das 8h às 17h. Já as UBS’s das áreas urbanas ficam abertas das 08h às 16h30 e as das áreas rurais, das 08h às 15h30. O dia “D” de mobilização será vivenciado no dia 24. Nesta data, a população também contará com um posto volante,  instalado no Bonanza Supermercado, localizado no bairro Maurício de Nassau. É de grande importância que o público Alvo se direcione às Unidades para uma avaliação adequada da situação vacinal, devido às mudanças recorrentes e modificações do calendário.

Campanha incentiva prática de esportes para combater o hábito de fumar

Neste momento de grande visibilidade do esporte no Brasil, com as Olimpíadas e as Paralimpíadas, o Ministério da Saúde e o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) lançaram, nesta segunda-feira (29), no Rio de Janeiro, a campanha “#MostreAtitude: sem o cigarro, sua vida ganha mais saúde”. O lançamento, que marca o Dia Nacional de Combate ao Fumo (29 de agosto), teve formato de talk show com a participação de atletas e especialistas da área de saúde. O evento aconteceu no espaço Casa Brasil, região portuária recém-renovada na capital carioca. Na ocasião, houve apresentação da Banda Marcial do Corpo de Fuzileiros Navais.

No evento, o INCA divulgou, também, o estudo inédito que aponta diminuição da mortalidade por câncer de pulmão entre os homens. A análise foi feita pela epidemiologista do INCA, Mirian Carvalho de Souza, com base em dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade do Ministério da Saúde (SIM) e das populações estimadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com o levantamento, após décadas de elevação, a taxa padronizada (que elimina os efeitos do envelhecimento populacional) de mortalidade por câncer de pulmão entre homens caiu de 18,5 por 100 mil em 2005 para 16,3 por 100 mil em 2014. Em relação à prevalência, o Brasil é reconhecido mundialmente pela significativa redução de fumantes no total da população de 18 anos ou mais, de 34,6%, em 1989, para 14,7%, em 2013.

“Os resultados obtidos pela pesquisa mostram que as ações para o combate ao uso do tabaco estão tendo resultado com os homens. Mas isso também levanta um alerta de que as mulheres estão consumindo e ainda não entraram nesta curva de decaimento. O câncer de pulmão é extremamente letal e é importante observar que apenas cerca de 33% das pessoas com câncer estarão vivas após o primeiro ano de diagnóstico, mesmo com o tratamento adequado. Este número cai para 8% em cinco anos. O investimento para este tipo de situação é a prevenção. E a prevenção vem da redução do uso do tabaco”, explica o diretor-geral do INCA, Luis Fernando Bouzas.

Sabe-se que cerca de 90% dos homens com câncer de pulmão fumaram em algum momento da vida e que o tempo que um fumante demora para desenvolver um câncer de pulmão é de, pelo menos, 20 anos. A redução na prevalência de fumantes na população masculina brasileira, desde o final da década de 80, reflete a atual queda da mortalidade por câncer de pulmão entre os homens. A tendência é que a redução continue nos próximos anos.

Entre as mulheres, a mortalidade por câncer de pulmão ainda não diminuiu. A taxa padronizada era de 7,7 em 2005 e aumentou para 8,8 em 2014. Nota-se que as taxas são inferiores às dos homens, mas a curva de mortalidade entre as mulheres ainda é ascendente, enquanto a curva dos homens é descendente.

“No Brasil, as mulheres começaram a fumar depois dos homens, com a popularização de marcas de cigarros para o público feminino nas décadas de 70 e 80. A taxa de mortalidade entre as mulheres continua subindo, mas nossa previsão é que, futuramente, começará a cair, se mantivermos a tendência de queda no uso do tabaco no país” analisa a médica, epidemiologista e gerente da Divisão de Pesquisa Populacional do INCA, Liz Almeida.

De acordo com a gerente, esta tendência já foi verificada nos países desenvolvidos, onde as taxas de mortalidade entre os homens começaram a declinar em meados da década de 80 e entre as mulheres só em 2010. “De qualquer forma, a redução da mortalidade entre os homens no Brasil é uma excelente notícia e demonstra de que estamos no caminho certo”, complementa Liz Almeida.

Para os especialistas do INCA, o maior desafio do programa de tabagismo brasileiro é prevenir a iniciação de jovens ao tabaco. Este grupo etário é o alvo principal da indústria do tabaco, que oferece produtos customizados (cigarros mentolados e com outros sabores, narguilé, entre outros) e posiciona os maços em embalagens chamativas ao lado de balas e chocolates nos pontos de venda. O objetivo dos fabricantes, expresso em memorandos internos tornados públicos, é fidelizar os consumidores jovens, porque eles vão fumar durante décadas.

NOVA CAMPANHA – Desta forma, a campanha “#MostreAtitude: sem o cigarro, sua vida ganha mais saúde” tem como objetivo apontar para o jovem brasileiro um estilo de vida saudável focado na prática esportiva, que é incompatível com o consumo de cigarros. A prática esportiva é uma forma de sociabilidade importante e pode substituir o cigarro como ferramenta de identificação e aceitação do jovem pelo grupo de amigos.

A atividade física regular também é associada com benefícios psicológicos, ao aumentar a capacidade de crianças, adolescentes e jovens de controlar sintomas de ansiedade e depressão. Do mesmo modo, contribui com o desenvolvimento ao criar oportunidades para que eles se expressem e sejam mais autoconfiantes.

A campanha do Dia Nacional de Combate ao Fumo conta com cartaz e folheto, distribuídos nacionalmente pelas secretarias de saúde dos estados e disponíveis para download no hotsite www.inca.gov.br/wcm/dncf/2016, onde estão informações detalhadas sobre o tema. A campanha foi amplamente divulgada pelas mídias sociais do Ministério da Saúde.

ASSISTÊNCIA – Com o intuito de reduzir o número de pessoas com câncer, entre outras doenças crônicas não transmissíveis, o Ministério da Saúde vem investindo fortemente no controle do tabagismo, tendo atualizado em 2013 as diretrizes de cuidado à pessoa tabagista e ampliado o acesso ao tratamento. Além disso, foram criados Centros de Referência em Abordagem e Tratamento dos Fumantes nas unidades de saúde de maior densidade tecnológica e nos hospitais capacitados segundo o modelo do Programa Nacional de Controle do Tabagismo (PNCT).

São ofertados gratuitamente medicamentos como adesivos, pastilhas, gomas de mascar (terapia de reposição de nicotina) e bupropiona. O Ministério da Saúde destinou R$ 42,9 milhões para compra dos produtos em 2015. Foram distribuídos 7,9 milhões de adesivos de nicotina 7mg, 8,9 milhões de adesivos de nicotina 14mg, 11,04 milhões de adesivos de nicotina 21mg, 1,6 milhão de gomas de nicotina 2mg e 33,05 milhões de unidades de cloridrato bupropiona 150mg.

A priorização do atendimento de quem deseja parar de fumar nas Unidades Básicas de Saúde pode ser mensurada pela Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), realizada pelo Ministério da Saúde em parceria com o IBGE. De acordo com a PNS, em 2013, 73,1% das pessoas que tentaram parar de fumar conseguiram tratamento, um aumento importante em relação a 2008, que era de 58,8%.

É hoje: dada a largada pela Prefeitura do Recife

Do Diario de Pernambuco 

Nas agendas que abrem, hoje, o primeiro dia de campanha, os sete candidatos à Prefeitura do Recife irão investir em ações conhecidas do eleitorado. Entre as atividades programadas estão caminhadas, panfletagens, reuniões nas comunidades, encontros com a militância e debates nas redes sociais. Alguns candidatos, inclusive, optaram por chegar às ruas logo nas primeiras horas da manhã.

Com uma panfletagem no bairro do Pina, Zona Sul do Recife, o candidato do PSDB, Daniel Coelho, começa sua maratona a partir das 6h. Ele retorna às ruas à noite para uma caminhada em Dois Unidos, agora na Zona Norte da cidade. A partir das 7h da manhã, aliados do candidato do PSol, Edilson Silva, iniciaram a concentração para uma panfletagem no Derby. Também participa a candidata a vice Luciana Cavalcanti.

O prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), que vai tentar a reeleição, escolheu um evento para mobilizar voluntários para atuarem durante a campanha. No encontro, denominado Voluntário G40, os participantes serão informados de como poderão contribuir para os eventos do socialista. Já o ex-prefeito João Paulo (PT) vai fazer uma caminhada, às 9h, começando no Pátio do Livramento e seguindo pelas ruas Direita, Tobias Barreto e encerrando no Camelódromo. Às 19h, ele participa da Ciranda Cultural.

A candidata do DEM, Priscila Krause, montou uma agenda de trabalho que inclui, além de debates e uma conversa com moradores de Nova Descoberta, o expediente de deputada na Assembleia Legislativa. Às 18h30, a democrata discute ao vivo no Facebook questões relativas à Rua do Bom Jesus, no Bairro do Recife.

Na primeira disputa como candidato majoritário, Carlos Augusto (PV) vai iniciar as atividades com a militância e os postulantes à Câmara do Recife. Ele participa de uma caminhada que sairá da Praça do Derby, prevista para sair às 9h, passando pelos bairros da Boa Vista, Santo Antônio e São José.

A candidata do PSTU, Simone Fontana, estará, a partir das 17h, na mobilização em defesa dos direitos trabalhistas. A atividade, que é organizada pelas centrais sindicais, será realizada na Praça da Independência.

DETRAN-PE adere campanha educativa da CPRH

O Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE também aderiu a campanha da Agência Estadual de Meio Ambiente – CPRH, intitulada “Animal Não é Brinquedo – Seja você também um defensor do meio ambiente”.

Desde esta quinta, 28, a Sede do órgão terá uma gaiola de pássaro na área do Programa CNH Popular, onde ficará disposta para receber doações de brinquedos destinados a crianças, com o proposito de que ela aprenda que com a natureza não se brinca.

Aplicativo revolucionará campanha para vereadores

A pouco mais de um mês do início da campanha eleitoral de 2016, definida para começar no dia 16 de agosto, os candidatos a vereador já podem contar com a ajuda da tecnologia para tentar uma das 50 mil vagas para o cargo no Legislativo municipal existentes no país.

Desde o começo de julho, está disponível nas lojas online para smartphones com Android e iOS a plataforma CANDIZAP, um aplicativo inteligente, fácil e eficiente que oferece ao usuário a possibilidade de compartilhar sua atividade política com o eleitorado.

Com o aplicativo, o candidato poderá publicar fotos, vídeos, notícias e a agenda da sua pré-campanha e campanha. Tudo isso é facilmente compartilhado nas redes sociais, como Facebook, Twitter, Instagram e WhatsApp.

Através do CANDIZAP o candidato também pode dar opinião sobre assuntos importantes para o município, divulgar suas propostas e saber a opinião dos eleitores. Tudo isso, ancorado no site www.candizap.vote. Este site é um dos principais veículos para dar visibilidade às campanhas. Todos os candidatos poderão contar com um acompanhamento e avaliação dos eleitores que, comparando e analisando cada um dos concorrentes, vão decidir em quem votar.

O idealizador do aplicativo, o jornalista e publicitário José Américo Moreira da Silva, esteve no Recife no início da semana. Pós-graduado em Gestão da Comunicação Integrada, Zé Américo, como é conhecido, já participou de 22 campanhas políticas no Brasil e no exterior.

Agora, ele aposta no universo digital. Quer dar a um número maior de pessoas acesso a uma maneira moderna e transparente de fazer política.

“Com o CANDIZAP tanto a pré-campanha quanto a campanha para vereador terão um destaque jamais visto, dando mais condições de igualdade na disputa entre candidatos das mais diversas classes sociais, grupos de interesse, defensores de causas de raça e gênero e partidos grandes ou pequenos”, afirma o especialista em marketing político.

Para ter acesso à plataforma, o usuário deve comprar a licença de uso, baixar o aplicativo no celular, preencher as informações de seu perfil CANDIZAP e com login, senha e o link, que receberá por e-mail, poderá começar a pré-campanha e depois do dia 16 de agosto, a campanha propriamente dita. Para saber mais sobre o CANDIZAP entre no site: www.candizap.vote.

Enquetes são proibidas durante período eleitoral

O avanço do alcance das mídias sociais e a interatividade provocada pelos meios eletrônicos prometem deixar as campanhas políticas cada vez mais acirradas na Internet. Mas os veículos de comunicação devem ficar atentos às normas impostas pela Justiça Eleitoral durante o período que antecede as eleições de outubro de 2016. A realização de enquetes com cunho eleitorais é proibida pela legislação vigente e o descumprimento desta norma pode acarretar multas que podem chegar até R$106 mil.

A enquete é caracterizada pela simples coleta de opiniões de eleitores sem nenhum controle de amostra e sem a utilização de método científico para sua realização, diferente da pesquisa eleitoral, que obedece a uma série de requisitos. A enquete depende apenas da interação do participante, seja ele um internauta ou ouvinte de uma rádio, por exemplo.

Especialista em Direito Eleitoral, a advogada Diana Câmara esclarece que a realização de enquetes está proibida neste pleito. “Em 2014, chegou a ser permitido, mas para as próximas eleições não é mais autorizado. Desde o último dia 20 está proibida a realização das enquetes. Caso haja descumprimento da legislação, a punição é o pagamento de uma multa que varia de R$ 53 a R$ 106 mil, de acordo com o parágrafo 3º do artigo 33 da Lei nº 9.504/97, conhecida como Lei das Eleições”, esclarece Diana.

PESQUISA

Diana Câmara ainda reforça a importância em seguir as normas para a divulgação de pesquisas eleitorais. Neste caso, é necessário informar o período de realização da coleta de dados; a margem de erro; o número de entrevistas; o nome da entidade ou empresa que a realizou e de quem a contratou e o número de registro na Justiça Eleitoral. O não cumprimento dessas regras também pode gerar punições ao veículo que divulgar pesquisas não registradas.

Campanha de Negociação de Débitos da Compesa termina no próximo dia 31

A partir desta segunda-feira, dia 23, a Compesa inicia a última etapa da Super Campanha de Negociação de Débitos para os clientes que estão inadimplentes com a Companhia. A partir desta data, e até o dia 31 de maio, não haverá mais atendimento nas unidades móveis. O atendimento será realizado na Coordenação Comercial, que fica no Morro do Bom Jesus, ao lado da 1ª Delegacia de Polícia.

A Compesa informa que o atendimento neste local será, exclusivamente, para os clientes que querem ficar em dia com a Companhia. Os outros serviços serão atendidos na loja que fica no Estação Shopping e nas agências do Expresso Cidadão localizadas no Caruaru Shopping e na Fábrica da Moda. Vale ressaltar que esses pontos também realizam negociação de débitos.

Para que o cliente possa colaborar com a agilidade do atendimento, é importante que leve RG, CPF,

Matrícula contida na conta de água e ser o titular da conta (para parcelamento de débito) ou não titular (para pagamento à vista com desconto da campanha). A campanha não será prorrogada e termina no dia 31 de maio. Ficar em dia com a Compesa faz com que o cliente possa solicitar os serviços da Companhia, como carros-pipa, sem problemas.

Fafica lança campanha de incentivo à leitura

O mês de abril tem duas datas comemorativas alusivas aos livros: o dia 18 que é o Dia Nacional do Livro Infantil, e o dia 23, Dia Mundial do Livro. Pensando em incentivar o hábito da leitura e propagar obras literárias por todas as partes, a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Caruaru, Fafica, inicia nesta segunda-feira, 25, a campanha “Livro Livre”.

A ideia já se espalhou por várias partes do mundo através do Bookcrossing, criado em 2001 pelo programador Ron Hornbaker nos Estados Unidos. O objetivo do Bookcrossing é “transformar o mundo inteiro numa biblioteca”. Assim, criou-se a prática de deixar um livro num local público para ser encontrado e lido por outro leitor que, por sua vez, deverá fazer o mesmo.

Na Fafica, várias obras serão deixadas em pontos estratégicos da Instituição para que alunos, professores e funcionários possam levar para casa, ler e, depois, por livre e espontânea vontade, deixar os exemplares em outros lugares da Faculdade ou mesmo de outros pontos de Caruaru. “Nosso objetivo é fazer com que os livros não fiquem guardados em casa, que sejam compartilhados com as pessoas em qualquer canto da cidade”, explica o Pe. João Paulo Gomes, diretor-geral da Fafica.

Os livros serão marcados para que sejam identificados como sendo parte desta campanha, ou seja, quando um leitor estiver com a obra, verá que ele é um dos participantes desta iniciativa. As pessoas também podem participar com doações de livros à Faculdade para que, a partir dela, as obras possam “ganhar vida” e sejam lidos e levados para outros leitores.

Faculdade realiza 2ª campanha “Asces Sustentável”‏

De 25 a 27 de abril a Faculdade Asces realizará a 2ª Campanha “Asces Sustentável”. O projeto tem o propósito de arrecadar materiais  recicláveis, eletroeletrônicos , eletrodomésticos, móveis, roupas, calçados e brinquedos entre outros. Estandes para doações estarão montados nas portarias da Faculdade Asces durante os três dias, nos Campi I e II localizados  na Avenida Portugal.

Com isso, além da diminuição da poluição ambiental o Asces Sustentável também contribui para o desenvolvimento social, pois, todo o material recebido das doações são direcionados  à Associação Trapeiros de Emaús, onde os objetos que precisam de reparos são consertados pelos acolhidos da entidade.

A associação  que foi fundada por Dom Hélder Câmara tem como propósito dar apoio aos jovens desempregados e sem perspectiva  de trabalho, hoje a entidade acolhe 26 jovens que fazem serviços diversos como manutenção de microcomputador, marcenaria e outros.Todo o material recebido das doações, depois de consertados são vendidos  por preços muito baixos em comunidades carentes.

Compesa realiza campanha de descontos em 11 cidades do agreste

A Compesa, através da Gerência Regional Unidade de Negócios Alto Capibaribe, iniciou uma campanha de descontos para os clientes inadimplentes em 11 municípios do agreste.  As localidades selecionadas para a campanha são: Santa Cruz do Capibaribe, Brejo da Madre de Deus,  Fazenda Nova,  Toritama,  Vertentes,  Frei Miguelinho,  Santa Maria do Cambucá,  Surubim,  Passira,  Salgadinho e  Casinhas.

A GRN Alto Capibaribe contabiliza um débito de clientes em torno de R$ 19 milhões. Para esta negociação de débitos, estão sendo oferecidos descontos que variam de 60% a 90%. A campanha segue até o dia 13 de maio.

Os clientes que quiserem negociar seus débitos devem procurar as lojas e postos de atendimento da Compesa em cada um desses municípios, as Coordenações Regionais com sedes em Surubim, Toritama e Santa Cruz do Capibaribe e a Gerência Regional, que também fica em Santa Cruz do Capibaribe. Para o atendimento, é importante levar carteira de identidade, CPF e uma fatura da conta de água.

A Compesa esclarece que a intenção não é apenas de arrecadar dinheiro, mas de fazer com que o cliente fique adimplente com a Companhia porque ele só poderá solicitar os serviços como os carros-pipa, por exemplo, se estiver em dia com o pagamento das faturas.

/**/