Carnaval teve redução na violência, afirma SDS

Coletiva 1

Pedro Augusto

Após colecionar sucessivos índices alarmantes nos últimos anos, o Governo do Estado, enfim, conseguiu apresentar números satisfatórios em relação ao combate à criminalidade durante o período de Carnaval. De acordo com os dados divulgados pela Secretaria Estadual de Defesa Social, na tarde da Quarta-feira de Cinzas (16), no Recife, em 2018 o evento ocorreu de forma mais tranquila em relação às edições anteriores. As estatísticas da SDS apontaram, por exemplo, que no somatório dos quatro dias de festa, houve queda de mais de 50% em relação à prática de Crimes Violentos contra o Patrimônio e de 25% no que diz respeito à prática de Crimes Violentos Letais e Intencionais.

Segundo os quantitativos apresentados pela pasta estadual, no intervalo da 0h do Sábado de Zé Pereira (10) até as 23h59 da terça-feira (13), foram computados no Estado 59 homicídios contra 79 do Carnaval do ano passado. O maior decréscimo ocorreu no Interior, onde a SDS contabilizou uma redução de 36,6% no número de assassinatos, seguido da Região Metropolitana (-17,4%) e da capital (-6,7%). O único homicídio cometido em foco de folia acabou sendo registrado no domingo (11), no Bairro de Comporta, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. Lá, uma jovem de 23 anos foi esfaqueada por uma mulher enquanto era segurada por outra, durante o desfile do Bloco Estrela da Tarde.

No Carnaval do ano passado, a Secretaria de Defesa Social computou três crimes de morte em focos de folias oficiais, espalhados por todo o Estado. Também no comparativo com o evento de 2017, neste ano a SDS contabilizou 50,4% de Crimes contra o Patrimônio a menos com o registro de 783 ocorrências. De acordo ainda com os dados da pasta estadual, esta queda se deu em todas as regiões, com destaque para a RMR, com 54%. O dia de menor incidência de roubos foi a terça-feira (13), com 65% de redução em relação ao ano anterior. Especificamente no caso dos roubos a ônibus, a diminuição foi ainda maior: nove casos notificados, contra 27 de 2017 (-67%).

Durante a divulgação dos dados, o secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua, comentou a respeito do plano de operação que foi posto em prática nos quatro dias de festa deste ano. “As operativas da SDS trabalharam integradas e eu, pessoalmente, estive em diversos focos de folia, como os do Recife, de Olinda, Paulista, Bezerros, Pesqueira e Nazaré da Mata. Sem dúvida, posso afirmar que a maior conquista do Carnaval deste ano não foi somente a redução em todas as modalidades criminosas, mas a sensação de segurança que ganhamos em todo o Estado. É importante reforçar que tivemos esse desempenho mesmo com recorde de público no Recife, que passou de 1,3 milhão de pessoas em 2017 para 1,6 milhão em 2018”.

Bombeiros

O Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco (CBMPE) realizou mais procedimentos no Carnaval de 2018, superando em 17,5% os de 2017. Foram 684 ações preventivas e atendimentos, a exemplo de salvamento, atendimento pré-hospitalar e emergências clínicas.

Missa e lançamento marcam início da Quaresma

Pedro Augusto

Assim como dita a tradição, tão logo o Carnaval se despediu do calendário 2018, o período da Quaresma foi iniciado. Na Quarta-feira de Cinzas (14), a Igreja de Nossa Senhora do Rosário, no Centro, comportou um extenso número de fiéis, que esteve acompanhando atentamente à Missa de Cinzas, presidida pelo bispo dom Bernardino Marchió. Em paralelo a ela, a data ainda serviu para que a Diocese de Caruaru lançasse, oficialmente no território local, a Campanha da Fraternidade deste ano. Em 2018, a CF, como também é conhecida, possui como tema “Fraternidade e Superação da Violência” e o lema “Em Cristo, somos todos irmãos”.

Durante a celebração, dom Bernardino Marchió reforçou a importância dos dois atos. “A vida é maravilhosa, mas ela é passageira. Hoje estamos aqui, mas quem sabe se estaremos no próximo ano? As Cinzas da Quarta-feira representam justamente esta simbologia da vida, que deve ser dotada de bastante alegria, otimismo e caridade. Encontramos-nos aqui hoje (última quarta-feira) neste ato de fé para ressaltarmos a toda comunidade católica de Caruaru e da região que a vida passa e sempre devemos fazer o bem. Ainda mais nos tempos de hoje, onde a violência, infelizmente, vem imperando.”

Em relação ao segundo ato posto em prática na data, ou seja, o lançamento da Campanha da Fraternidade 2018, o bispo de Caruaru realçou que o combate à violência inicia no seio familiar. “Através desta campanha, convidaremos todas as famílias a cultivar o amor ao próximo, a tolerância, a fraternidade e a paz, haja vista que é a partir de dentro de casa que a violência é deixada para trás. As escolas, os órgãos públicos e as demais instituições também precisam se engajar cada vez mais para modificar essa realidade cruel e difícil, que estamos tendo de encarar devido à criminalidade. Durante esse período de campanha, estaremos atuando em conjunto com a Polícia Militar para aplicarmos as medidas necessárias”, afirmou.

Outro representante da Igreja Católica em Caruaru, o padre da Paróquia de Nossa Senhora das Dores, Zenilson Tibúrcio, também comentou sobre o tema da CF deste ano. “A proposta da campanha é justamente tentar superar a violência, com a certeza de que todos nós somos irmãos. Primeiramente, precisamos cultivar a nossa paz interior para que possamos expandi-la no cotidiano. Em seguida, devemos praticar gestos de cordialidade, seja por palavras ou por ações, até porque, atualmente, temos observado uma intolerância e uma impaciência muito grande no que diz respeito às relações humanas”, disse.

Quaresma

O Tempo da Quaresma é o período do ano litúrgico que antecede a Páscoa cristã, sendo celebrado por algumas igrejas cristãs, dentre as quais a Católica, a Ortodoxa, a Anglicana e a Luterana. Os serviços religiosos desse tempo intentam a preparação da comunidade de fiéis para a celebração da festa pascal, que comemora a ressurreição e a vitória de Cristo depois dos seus sofrimentos e morte, conforme narrados nos Evangelhos. Esta preparação é feita por meio de jejum, abstinência de carne, mortificações, caridade e orações.

CNBB

Durante o lançamento nacional da Campanha da Fraternidade 2018, ocorrido também na quarta, em Brasília, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) apontou formas e tipos de violência no Brasil, dando destaque às praticadas contra os negros, os jovens e as mulheres. “Os grupos sociais vulneráveis são as maiores vítimas da violência”, disse o presidente da entidade, cardeal Sérgio da Rocha.

“A Igreja sempre tem alertado sobre a perda de direitos sociais. Não podemos admitir que os mais pobres arquem com sacrifícios maiores. Precisamos de políticas públicas para nos ajudar a superar e a assegurar os direitos fundamentais que as pessoas têm”, defendeu o cardeal.

No evento, o presidente da CNBB listou, também como prática violenta, a corrupção. “A corrupção é uma forma de violência, e ela mata”, disse o cardeal. Segundo ele, “ao desviar recursos que deveriam ser usados em favor da população, os políticos acabam promovendo outra forma de violência contra o ser humano, a miséria”.

“Queremos superar também formas de violência como as representadas pela miséria e pela falta de vida digna”, argumentou o religioso, que criticou também os políticos que vêm adotando em seu discurso o uso da violência como forma de combate à violência. Segundo o cardeal, a Igreja Católica vem atuando no sentido de esclarecer seus seguidores sobre o risco desse tipo de política. “É um equívoco achar que superaremos a violência, recorrendo a mais violência. Nesse sentido, a igreja está orientando os eleitores, ajudando-os a formar sua consciência e a identificar quais candidatos estão comprometidos com a paz”, disse.

Ainda pontuando as formas de violência, ele citou o uso das redes sociais, onde, segundo ele, identifica-se “um triste crescimento da agressividade”. O cardeal disse, ainda, que os meios de comunicação “são vitais para a superação da violência”. Ele, no entanto, criticou as programações violentas em busca de audiência. “Quanto mais filmes violentos assistirmos, mas violentos nós seremos”.

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, em declaração durante o lançamento da campanha, disse que a iniciativa dá a “tônica à imperativa mudança que se impõe, de que o irmão é um aliado”. “Precisamos caminhar de mãos dadas, e não de punhos cerrados. Essa é a melhor forma de lidarmos com essa campanha. Minha mãe dizia, quando eu era criança, que se tivesse algum problema era para eu procurar um adulto por perto. Hoje vejo mães e professores desconfiarem e temerem adultos que chegam próximo às escolas. Quem se aproxima pode ser inimigo. Estamos fazendo do outro não um irmão, mas um inimigo a se combater”, argumentou a magistrada.

O coordenador da Frente Parlamentar pela Prevenção à Violência e Redução dos Homicídios, deputado Alexandre Molón (Rede-RJ), disse que a campanha da CNBB aborda uma das grandes preocupações do país, em função do enorme número de homicídios aqui praticados. “Foram mais de 60 mil homicídios em 2017, e foram 61 mil em 2016. Se considerarmos que a bomba de Nagasaki (explodida no Japão pelos norte-americanos ao fim da 2ª Guerra Mundial) matou instantaneamente 80 mil (pessoas), podemos dizer que a cada ano morre, no Brasil, o equivalente a uma bomba de Nagasaki”, disse o deputado.

SDS amplia em 119% o efetivo de delegados nas unidades especializadas em homicídios

A Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS) está reforçando o combate aos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), com a ampliação de 119% do efetivo de delegados nas Delegacias de Polícia de Homicídios. A chegada de 25 desses profissionais, completando um grupo de 46 delegados especializados, possibilitará a agilização dos inquéritos e o aumento das prisões de homicidas. Em janeiro de 2018, conforme o balanço mensal da SDS, a quantidade de CVLIs foi 6% menor que no mesmo mês de 2017: 448 casos, 29 a menos em relação ao ano anterior.

É o segundo mês consecutivo com melhores resultados em relação ao mesmo período do ano anterior – em dezembro de 2017, houve 394 CVLIs, 16,5% a menos que em dezembro de 2016. Em janeiro de 2018, um dos indicadores que mais contribuiu para a redução em comparação com janeiro de 2017 foi o de latrocínios, que caíram 35,9%, passando de 17 para 11 ocorrências no mês. Um destaque na queda dos índices é a cidade de Caruaru, que diminuiu em 56% a quantidade de CVLIs (19 em janeiro de 2018, contra 43 em janeiro de 2017).

Para o secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua, o reforço de delegados, agentes e escrivães irá contribuir para incrementar ainda mais a taxa de resolução de inquéritos de homicídios, que já é quatro vezes superior à média nacional. “Estamos confiantes no trabalho desses 25 delegados que chegam às Divisões Norte e Sul de Homicídios, na Região Metropolitana do Recife, ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na Capital, Caruaru, Santa Cruz do Capibaribe, Araripina e Arcoverde. É importante lembrar que, em 2017, 2.249 homicidas foram presos pelas polícias de Pernambuco e, somente em janeiro de 2018, já são 130 capturados”, ressalta.

De acordo com as estatísticas da SDS, mais de 50% dos homicídios tiveram como motivação preliminar o envolvimento das vítimas com o tráfico de drogas e outras atividades criminosas. O segundo maior grupo é o de conflitos na comunidade, responsável por 12,5% dos assassinatos.

MULHER – Ainda conforme o balanço, verificou-se uma redução de 66,6% nos casos de feminicídio registrados. Em janeiro de 2018, houve três feminicídios, contra nove no mesmo período do ano anterior. Já os registros de estupro tiveram uma redução de 13,13% em janeiro de 2018, em relação a janeiro de 2017. De 198 ocorrências, diminuiu para 172 em todo o Estado.

Em 2017, o Governo de Pernambuco instituiu o registro de feminicídios em boletins de ocorrência, o que significa penas mais severas para os agressores. No mesmo ano, implantou mais uma Delegacia da Mulher, em Afogados da Ingazeira (Sertão), passando a oferecer os serviços em 11 unidades especializadas do tipo. Tais medidas ajudam a aumentar a notificação, ampliando e descentralizando o atendimento às mulheres.

PRODUTIVIDADE – Em janeiro de 2018, as polícias de Pernambuco prenderam e apreenderam 3.040 pessoas em todo o Estado. Os flagrantes aumentaram 19% em relação ao mesmo período do ano anterior, enquanto as apreensões por ato infracional subiram 51%. No mês, houve a apreensão de 387 armas e a atuação policial em 402 ocorrências de tráfico de drogas (81% a mais que o mesmo período de 2017).

25 novos delegados nas unidades especializadas em homicídios:

- 20 para Região Metropolitana do Recife (Divisões Norte e Sul e DHPP)
- 3 para o Agreste (2 em Caruaru e 1 em Santa Cruz do Capibaribe)
- 2 para o Sertão (Araripina e Arcoverde)

Mais de 200 reeducandos do regime aberto participam de programa de qualificação

files_16674_201802151715596f66

Um total de 225 reeducandos do regime aberto e livramento condicional realizaram, este mês, cursos de qualificação de Pedreiro Geral, Gesseiro, Encanador e Eletricista, nas cidades do Recife, de Olinda, Abreu Lima e Caruaru.

A iniciativa é do Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos e Patronato Penitenciário, com o objetivo de prepará-los para o mercado de trabalho, contribuindo para a diminuição da reincidência criminal. A parceria é da Associação Brasileira de Desenvolvimento Econômico e Social dos Municípios (ABDESM) e de convênios oriundos de emendas parlamentares, sem ônus para o estado.

O grupo recebeu aulas teóricas sobre a construção civil, a função do pedreiro e suas ferramentas de trabalho, segurança no trabalho, marcação de obras, como preparar um bom concreto, uma boa argamassa, alicerce e alvenaria. Além disso, eles aprenderam sobre as ferramentas do gesseiro, o gesso para a construção e no revestimento de paredes e tetos, entre outros conhecimentos.

Após a teoria, os reeducandos puderam colocar os conhecimentos em prática na reforma de uma residência no bairro de Candeias, na Associação das Lavadeiras dos Bultrins, em Olinda, e na Lavanderia Pública Municipal, em Caruaru.

No dia 19 deste mês, mais 08 turmas de reeducandos iniciam cursos de qualificação na Região Metropolitana do Recife.

SOLD realiza leilões de imóveis e de terrenos em 20 estados brasileiros

Com lances iniciais que partem de R$ 7.200 para terrenos em Nova Viçosa (BA) e chegam a R$ 3,4 milhões para um apartamento de 289 m² na Barra da Tijuca (RJ), a SOLD, uma das líderes no segmento de leilões eletrônicos, realiza a venda de 188 imóveis em todo o Brasil. As oportunidades estão nos estados de Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e Tocantins. Os pregões têm datas diferentes e serão realizados até o dia 20 de fevereiro. Todos os imóveis podem ser consultados por aqui.

Com mais opções de imóveis e terrenos, São Paulo está com 75 oportunidades. Em segundo lugar, Minas Gerais registra 34 leilões ativos e a Bahia, 16.

Na cidade de São Paulo, há apartamento por lance inicial de R$ 202 mil e uma casa com valor que parte de R$ 172 mil. Já em Minas, há casa por R$ 29.200 no lance inicial em Francisco de Sá, e apartamento a partir de R$ 72 mil em Várzea de Palma. Na Bahia, há casa por R$ 30.400 em Porto Seguro e apartamento em Salvador partindo de R$ 318,7 mil.

Todos os imóveis desocupados podem ser visitados mediante agendamento no site da SOLD. As condições de pagamento chegam a parcelamentos em até 420 meses. Para isto, é interessante estar atento para as condições estabelecidas no edital de cada leilão. Os imóveis pertencem a bancos, administradoras, imobiliárias e consórcios como: Santander, Tribanco, Itaú, Morocó, Rodobens e outros.

De acordo com o leiloeiro da SOLD, Henri Zylberstajn, esta é uma oportunidade para quem deseja adquirir um espaço para construir a casa própria ou até mesmo investir em um imóvel comercial para viabilizar o negócio pessoal. “Além disso, uma das facilidades que o leilão eletrônico oferece é a garantia de compra de um bem com preço diferenciado associado a segurança e à comodidade”, explica.

Como participar

Qualquer pessoa pode participar dos leilões: basta se cadastrar no site www.sold.com.br, criar um login e senha e se habilitar para ofertar lances no leilão de interesse. A partir daí, é só acompanhar os lances no dia marcado para o encerramento. O método usado na internet é o mesmo de qualquer leilão, isto é: quem der o maior lance leva o produto.

Sobre a SOLD Leilões

Fundada em 2008, a SOLD Leilões é uma das empresas mais importantes no segmento de leilões no Brasil. Especializada em venda de imóveis, veículos de estoque excedente e em desativações corporativas, industriais e hoteleiras, a empresa possui mais de 3 milhões de usuários cadastrados em seu banco de dados, sendo 75% pessoas físicas e 25% pessoas jurídicas. Presente em 14 Estados do Brasil, a SOLD leiloou no ano passado mais de R$ 700 milhões em ativos e a previsão para este ano é alcançar R$ 1 Bilhão. Seu portfólio de produtos inclui imóveis, veículos, máquinas, equipamentos industriais e agrícolas e bens de consumo em geral.

Novos valores das passagens entram em vigor

ÔNIBUS (14)

A nova tarifa para as passagens dos serviços de transporte público municipal de Caruaru passou a vigorar na última quarta-feira (14). Para os usuários que possuem o cartão eletrônico Leva, o valor ficou em R$ 2,84, um acréscimo de R$ 0,24 após dois anos do último reajuste. O decreto de n° 015 foi assinado, no último dia 9, pela prefeita Raquel Lyra. Estudantes e servidores, com acesso ao cartão, já estão pagando R$ 1,42 por viagem.

Segundo o decreto, existe a necessidade de estimular o uso de cartão eletrônico Leva reduzindo a circulação de dinheiro em espécie nos ônibus. Além da tarifa mais barata, de R$ 2,84, o Leva é mais seguro para as pessoas e um passo para modernização do transporte público da cidade. Diante disso, a Prefeitura de Caruaru está trabalhando junto com as empresas para ampliar, inicialmente, em mais 25, o número de pontos de recarga, além de criar um cronograma de vendas em unidades móveis.

Ainda de acordo com as justificativas do decreto, a solicitação de reajuste das tarifas enviada pela Associação das Empresas de Transporte de Passageiros de Caruaru (Aetpc) indicou um valor de R$ 3,60 para o equilíbrio do sistema, entretanto o estudo tarifário apresentado pela Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra), em agosto do ano passado, e recomendado pelo Conselho Municipal de Trânsito e Transporte de Caruaru (Comut), apresentou o valor de R$ 3,15 com o tarifa de equilíbrio.

“Esse valor é bem menor que o apresentado pela Aetpc, mas que, ainda assim, só está sendo adotado opcionalmente apenas para os usuários que não utilizar o cartão eletrônico. Esta manobra só foi possível graças à inédita renúncia fiscal, realizada pela prefeitura, de percentual do ISS devido pelas empresas”, explicou o presidente da Destra, Hermes Melo.

Para os moradores da zona rural, a tarifa ficou mantida nos valores atuais. Aos domingos e nos quatro feriados nacionais será mantida a tarifa promocional, de acordo com o decreto.

Opiniões

No intuito de ouvir as opiniões dos usuários de ônibus sobre o reajuste da tarifa, VANGUARDA esteve circulando na tarde da quarta-feira (14) por alguns pontos do centro da cidade. Num deles, a reportagem entrevistou o usuário Elisângelo Silva, que não gostou do aumento. “Recebo salário mínimo e, é claro, que esse aumento irá pesar no meu bolso, até porque costumo pegar pelo menos dois ônibus ao dia. O jeito agora é tentar pegar carona na volta do trabalho.”

Atenta ao reajuste, Cleide Lima decidiu não perder tempo e tratou de retirar o seu cartão Leva já na manhã da quarta-feira (14). “Agi rápido porque não tenho a mínima condição de assimilar o valor de R$ 3,15. Pelo menos agora com o cartão Leva desembolsarei R$ 2,84 por cada passagem, ou seja, um preço mais barato em relação ao primeiro valor”, disse. Cleide costuma pegar de dois até quatro ônibus por dia.

Ônibus do Leva itinerante está neste sábado estacionado no Marco Zero de Caruaru

Até este sábado (18) o ônibus do Leva itinerante está estacionado no Marco Zero de Caruaru, onde realiza o cadastro para adesão do Cartão Leva Comum e recargas dos cartões comum, estudante e servidor. Os interessados devem comparecer das 8h às 14h e, para fazer o cadastro do Leva comum, é preciso levar RG, CPF e comprovante de residência.

O cadastro é gratuito, mas, para validar o cartão, é preciso fazer uma recarga mínima no valor de cinco tarifas. A AETPC informa ainda que o Leva comum pode ser utilizado por mais de uma pessoa e garante aos usuários um valor diferenciado, menor que o valor da tarifa embarcada, paga em espécie.

Clássico das Emoções também na sétima rodada

Pedro Augusto

O primeiro Clássico das Emoções de 2018 será disputado neste sábado (17), a partir das 18h30, no Estádio do Arruda. Se em outras ocasiões, o encontro entre Santa Cruz e Náutico já valeria, por si só, a compra do ingresso, atualmente, com os dois rivais subindo de produção, um dos dérbis mais antigos do país acabou ganhando proporções ainda maiores. E nem poderia ser diferente, haja vista que um triunfo no clássico da vez garantirá as primeiras posições na tabela, tanto para a Cobra Coral como para o Timbu.

Em situação bem mais cômoda em relação ao arquirrival, o Náutico está na liderança isolada da competição, com 11 pontos, e, caso derrote o Santa, dará sequência à série invicta de jogos. A primeira e, até agora, única derrota do time de Rosa e Silva no Estadual, ocorreu no dia 21 de janeiro, quando foi goleado pelo Central por 3 a 0, no Estádio Luiz Lacerda. De lá para cá, o Timbu colecionou duas vitórias e dois empates, com destaque para o triunfo sobre o Sport por 3 a 0, na Arena de Pernambuco.

Vindo de um excelente resultado na Copa do Brasil, quando acabou eliminando o Fluminense de Feira de Santana ao batê-lo por 1 a 0, no Estádio Joia da Princesa, garantindo, assim, a vaga para a terceira fase, o Náutico pretende dar sequência à maré de bons resultados, mexendo o mínimo possível na equipe titular. Até o fechamento desta edição, o técnico Roberto Fernandes não havia dado muitas pistas em relação ao time que deverá entrar de frente, mas, caso ele repita a escalação da última quarta-feira, o Timbu será composto por: Bruno; Thiago Ennes, Breno, Camutanga e Kevyn; Negretti, Josa e Medina, Rafael Assis, Wallace Pernambucano e Fernandinho.

Santa Cruz

Pelas bandas do Arruda, ultimamente o clima também tem sido ameno, haja vista que o Santa conseguiu, enfim, emplacar duas vitórias consecutivas na temporada. A última delas ocorreu justamente no Estadual 2018. Com o gol de cabeça do zagueiro Augusto Silva ainda na primeira etapa, o Mais Querido acabou batendo o Afogados por 1 a 0, na última quarta-feira (14), no Estádio Vianão, pulando da vice-lanterna para a quinta colocação, agora, com seis pontos.

Apesar do pouco tempo de trabalho até enfrentar o Náutico, o técnico Júnior Rocha minimizou o problema. “Está assim para todo mundo, com calendário cheio, e isso é mérito de quem vem obtendo vagas nas competições. Os que jogaram diante do Afogados não treinaram na quinta (15). Na data, fizemos um trabalho de recuperação e, na sexta (16), realizamos um tático explicativo, sem intensidade. Caso contrário, sábado eles não aguentariam”, disse o técnico Júnior Rocha.

“Carol Summer” chega a Porto de Galinhas

A Óticas Carol, rede com mais de 1.100 lojas no país, chega a Porto de Galinhas nos dias 17 e 18 de fevereiro com a “Carol Summer”, uma Kombi estilizada que traz aos consumidores experimentação dos modelos mais vendidos e procurados da estação. O espaço oferecerá aos visitantes um display interativo para compartilhamento de gifs e wi-fi liberado.

A Kombi estará localizada na Praça das Esculturas e apresentará aos clientes os lançamentos e best-seller de renomadas marcas como Ray-Ban, Oakley, Polo, Ralph e Vogue Eyewear.

Bons motivos para alcançar a vitória

Central X Belo Jardim (17)

Pedro Augusto

Desde que chegou ao Lacerdão para treinar o Central, Mauro Fernandes nunca escondeu o seu principal objetivo na primeira fase do Campeonato Pernambucano: obter uma das vagas para as quartas-de-final entre os quatro mais bem classificados. O objetivo até agora vem sendo alcançado e poderá se aproximar ainda mais de ser concretizado, caso a Patativa derrote o Belo Jardim, neste domingo (18), a partir das 16h, no Luiz Lacerda. Em seis rodadas disputadas, o alvinegro caruaruense segue firme na terceira posição, com dez pontos, enquanto o Calango encontra-se apenas na vice-lanterna com quatro.

Além de garantir a invencibilidade – até agora foram duas vitórias e quatro empates conquistados –, um triunfo diante do Belo Jardim poderá deixar o Central na liderança isolada da competição. Isso porque, caso o atual líder Náutico, com 11 pontos, não vença o Santa Cruz, neste sábado (17), a partir das 18h30, no Arruda, e a Patativa faça o seu papel dentro de casa, ela assumirá de vez a dianteira da tábua de classificação. Já o Vitória, que se encontra hoje na segunda colocação com os mesmos dez pontos, mas superando o time caruaruense pelos critérios de desempate, está de folga nesta sétima rodada e fatalmente perderá posições.

De fora da partida contra o América, quando o placar final marcou 1 a 0 para o Central, o volante Eduardo Erê está de volta à equipe titular. Ele retorna após cumprir suspensão automática. Em contrapartida, o volante Graxa e o meia Júnior Lemos, que também não enfrentaram o Periquito por estarem entregues ao departamento médico, voltaram a treinar fisicamente no decorrer da semana, porém eram dúvidas até o fechamento desta matéria. Caso sejam vetados, poderão ser substituídos mais uma vez por Issa e Paulinho Curuá.

Mais reforços

Esta semana, a diretoria alvinegra anunciou as contratações de mais dois reforços para o decorrer da temporada. Foram eles: o volante Ranieri e o lateral-direito Paulo Fernando. Ambos chegaram sob o aval do técnico Mauro Fernandes. Atualmente com 24 anos, Ranieri já defendeu as cores do Náutico, Santa Cruz e Internacional. Já Paulo Fernando, que também está com 24, vestiu as camisas do Mirassol, CRB, Portuguesa, dentre outras.

Outros jogos

Na sequência da sétima rodada, no sábado (17), o Afogados recebe o Pesqueira, a partir das 20h, no Estádio Vianão, enquanto no domingo o Salgueiro recebe o Flamengo de Arcoverde, a partir das 16h, no Cornélio de Barros. Já o Sport duela com o América, no mesmo horário, na Ilha do Retiro.