IOS abre cerca de 1.300 vagas para cursos gratuitos de capacitação profissional no Brasil

A partir da próxima segunda-feira (22/01) jovens e pessoas com deficiência que desejam entrar no mercado de trabalho têm até 21/2/2018 para se inscrever nos cursos de capacitação profissional oferecidos pelo Instituto da Oportunidade Social – IOS. São cerca de 1.300 vagas no total, distribuídas entre diversas regiões de São Paulo e nas cidades de Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ) e Joinville (SC). Os cursos são totalmente gratuitos, incluindo uniforme e material didático e têm duração de até seis meses.

Para realizar a inscrição, os interessados deverão acessar: http://ios.org.br/index.php/para-alunos/inscricao/ para ver a relação de documentos necessários e levá-los pessoalmente nas unidades do IOS mais próxima. As aulas começam em fevereiro e os inscritos deverão ficar atentos às redes sociais do Instituto para confirmação da data.

Além dos cursos, o IOS também oferece o programa de empregabilidade aos alunos que, em 2017, contribuiu para a colocação de mais de 1.000 alunos no mercado de trabalho, ampliando a renda dessas famílias em cerca de 47%, de acordo com os estudos realizados pela entidade.

Entre os cursos oferecidos pelo IOS, está o curso presencial em Gestão Administrativa com ERP (TOTVS) – capacitação profissionalizante e direcionada para jovens estudantes entre 15 e 24 anos que estejam cursando ou concluíram o Ensino Médio e pessoas com deficiência física, visual parcial ou auditiva a partir de 16 anos. O curso inclui conceitos administrativos com aulas práticas no software, regras do negócio, comportamento e cidadania, conteúdo do pacote Office, além de Comunicação e Cálculo Matemático. As aulas acontecem de segunda à quinta-feira.

“No Brasil, os jovens são os mais atingidos pela falta de empregos, maior taxa em 27 anos. Acreditamos que a capacitação é o caminho para ajudar os jovens a buscar a melhor oportunidade no mercado de trabalho e reverter esse cenário de desemprego. A missão do IOS é preparar e qualificar esses jovens para transformar essa realidade e o futuro de muitas famílias”, declara a gestora do IOS, Alecsandra Neri.

Unidades do IOS http://ios.org.br/index.php/unidades/

Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco lança concurso público

A Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE/PE) publicou edital com as normas do concurso público que oferece dez vagas e cadastro de reserva para o cargo de Procurador do Estado.

As inscrições para os interessados em participar do certame iniciam em 23 de janeiro e vão até 2 de fevereiro, exclusivamente pelo endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos/pge_pe_18_procurador. A taxa é de R$ 210,00.

OPORTUNIDADE – O cargo de Procurador do Estado exige que os candidatos sejam bacharéis em Direito, com diploma expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), e tenham registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O vencimento ofertado é R$ 13.648,64, acrescido de gratificação de produtividade, e a jornada de trabalho é de 30 horas semanais.

Os candidatos serão avaliados por três etapas. As primeiras serão de prova objetiva e prova discursiva, previstas para 17 e 18 de março, respectivamente. Por fim, os inscritos serão classificados por meio de uma etapa de avaliação de títulos. Todas as fases serão realizadas em Recife (PE).

SERVIÇO

Concurso: Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE/PE)

Cargo: Procurador do Estado

Vagas: 10 (dez)

Vencimento: R$ 13.648,64, acrescido de gratificação de produtividade

Inscrições: de 23 de janeiro a 2 de fevereiro

Taxa: R$ 210,00

Provas objetiva e discursiva: 17 e 18 de março, respectivamente

Descobrir o que é mais importante para o consumidor é a chave para mais vendas!

No próximo dia 25, a partir das 14h, o Armazém da Criatividade oferece o Workshop Neuromarketing, ministrado por Valter Rito, especialista em marketing e inteligência de mercado, e diretor da Íkonos Business School, empresa de consultorias em marketing. No workshop, serão abordados os conceitos essenciais do Neuromarketing trazendo cases de sucesso e exercícios de aplicação.

Os ingressos são vendidos em seliga.ai/neurocaruaru a partir de R$ 59,00 para estudantes e R$ 99,00 para profissionais.

Serviço:
Workshop Neuromarketing
Data: 25/01/2018
Horário: 14h às 18h
Local: Armazém da Criatividade – Polo Caruaru (ao lado das Lojas Americanas)

A importância de fazer a avaliação física antes de iniciar um programa de exercícios

Cada vez mais as pessoas se conscientizam que a atividade física feita com regularidade é fundamental para a saúde e, em razão disso, incluem exercícios na rotina. O que nem todos sabem é a relevância da avaliação médica prévia.

Não são raras as notícias de atletas amadores ou profissionais que sofrem desde lesões osteomusculares até morte súbita por não terem passando por uma orientação adequada. Tais situações trazem à tona a importância do auxílio de um médico especializado. Assim sendo, a Sociedade Paulista de Medicina Desportiva (Spamde) comemora anualmente a campanha “Janeiro Dourado – Porque sua Vida Vale Ouro”. O objetivo é trazer esclarecimentos sobre a medicina esportiva e o papel do médico do esporte na vida do praticante.

Uma das questões é que os resultados de certos exames ajudam na prescrição de exercício em relação à carga de esforço e a frequência semanal de treinamento.

“O exercício bem orientado e com a devida avaliação ajuda a prevenir as principais causas de morte no Brasil, como doenças cardiovasculares, além de melhorar o controle de doenças metabólicas, a exemplo da diabetes, dislipidemia e obesidade; ainda minimiza os sintomas da depressão e ansiedade”, explica a doutora Karina Hatano, médica do exercício e do esporte

Os resultados de certos exames embasam a prescrição de exercício em relação à carga de esforço e a frequência semanal de treinamento. “O profissional faz avaliação, detecta os pontos fortes e fracos do paciente, verifica o condicionamento físico, identifica gasto calórico, elabora o planejamento de atividades, orienta sobre a alimentação adequada e apresenta o treino adequado para garantir a saúde, o bem-estar e a melhora no rendimento”, resume a doutora Karina. “Como se não bastasse, a consulta prévia evita futuras lesões ortopédicas e demais traumatismos que poderiam afastar o esportista de suas atividades. A má orientação, por sua vez, acaba sobrecarregando os membros mais usados”, complementa.

Algumas das avaliações feitas pelo médico do esporte

• Antropometria
Determina a medida corporal linear, circunferências ou perímetros, massa ou peso e porcentagem de gordura ou de músculo. Os dados ajudam a montar o programa de treinamento.

• Teste cardiorrespiratório

Avalia as capacidades cardiorrespiratória e aeróbica, além das faixas de batimentos cardíacos que vão determinar a intensidade ideal e adequada para o treino.

• Avaliação postural e somatotipológica
O primeiro analisa os desvios da coluna vertebral, ombros, joelhos, pés, vícios posturais e desequilíbrios musculares por meio de observação ou fotografia. Já o teste de somatotipológica verifica a constituição física do paciente.

• Avaliação neuromotora
Analisa a força, resistência muscular localizada e flexibilidade.

Bloco cirúrgico da Casa de Saúde Bom Jesus foi interditado para manutenção

A Secretaria de Saúde de Caruaru informa que, ontem (17), houve um problema na coberta que atingiu o teto de gesso do bloco cirúrgico do Hospital Municipal Casa de Saúde Bom Jesus. Um engenheiro fez uma vistoria no local e o bloco foi interditado para manutenção.

Os atendimentos às grávidas do município continuam na Casa de Saúde e os partos normais também. As mulheres que necessitarem de partos obstétricos serão encaminhadas, após avaliação do obstetra de plantão, para a Maternidade Jesus Nazareno.

Cantoria Agreste reúne artistas em homenagem a Dominguinhos

254014,475,80,0,0,475,365,0,0,0,0

Folhape

Um fio musical liga a vida e as carreiras do quarteto Gennaro, Marcelo Melo, Sérgio Andrade e João Neto. Vindos de bandas distintas, como o Quinteto Violado, Trio Nordestino e Banda de Pau e Corda, os músicos se encontraram na vontade de homenagear o instrumentista, cantor e mestre sanfoneiro Dominguinhos.

O grupo sobe, nesta quinta-feira (18), às 20h, ao palco do Teatro Luiz Mendonça, no 24º Janeiro de Grandes Espetáculos, apresentando, pela segunda vez no Recife, o show “Cantoria Agreste”. Mas nem tudo será igual: a principal novidade da segunda edição do projeto é que o grupo se lança, também, nas canções autorais.

“O Cantoria é, a princípio, uma celebração de uma grande amizade em comum que todos tiveram com Dominguinhos, todos tem uma história com ele na carreira. A musicalidade de Dominguinhos tem um elo com o projeto, com a ideia do Cantoria, que é mostrar o Agreste como uma zona de transição, entre o Sertão e o Litoral”, opina Sérgio Andrade, que fundou a Banda de Pau e Corda. “A musicalidade dele traduz de forma bacana esse enredo, ele sempre foi um músico muito plural que transitou por vários ritmos e estilos da música, do jazz ao baião, da bossa nova ao xaxado”, exalta o cantor.

Com passagens por cidades como São Paulo, Garanhuns, Fortaleza, João Pessoa e Campina Grande, a primeira turnê do projeto explorou a afinidade entre os integrantes, que aproveitaram o tempo juntos para compor novas músicas dentro do universo sonoro construído pelo Cantoria do Agreste. “Os próximos eventos já vão se direcionar para esse norte de estar sempre interagindo com os compositores do Estado. A cena nova que vem surgindo é muito boa, tem feito um trabalho muito bonito”, analisa o músico.

Esse pensamento é refletido na elaboração do show de hoje, que contará com participação de PC Silva, destaque da nova geração de compositores pernambucanos, e César Michilles, que inova no frevo com um trabalho de flauta.

“Essa oportunidade chegou em uma hora boa, porque esse show vai marcar uma transição do Cantoria que nós fizemos até o momento e o que temos planejado para um futuro muito próximo. A gente já cumpriu a missão com essa grande homenagem ao mestre Dominguinhos, já mostramos bem o que é a musicalidade do Cantoria”, completa Sérgio.

Na apresentação, o grupo pretende cantar não só as músicas de Dominguinhos mais conhecidas pelo grande público, como também as icônicas “Arrebol”, “Quem me levará sou eu”, “Lamento Sertanejo”, “Seja como Flor” e “Sanfona Sentida”.

Procura por vacina contra febre amarela aumentou 50% no Recife, diz secretário

253941,475,80,0,0,475,365,0,0,0,0

Folhape

A procura por vacina contra febre amarela no Recife aumentou 50% este mês de janeiro, de acordo com a Secretaria de Saúde do Recife. Motivo é a atual situação no Brasil. Desde julho de 2017, já foram registradas 20 mortes por febre amarela no País. De acordo com o secretário Jailson Correia, os postos de saúde do Recife estão abastecidos com aproximadamente 2 mil vacinas contra a febre, número considerado suficiente para a demanda. A vacinação, no entanto, é permitida apenas para quem apresentar comprovante de viagem para alguma das áreas de risco.

A dose deve ser tomada 10 dias antes da viagem e não é indicada para recém nascidos com menos de 9 meses, mães amamentando e idosos. Nesses casos só é permitida a vacinação após uma recomendação médica. A lista dos postos de saúde que dispõem da vacina pode ser encontrada no site da Prefeitura da Cidade do Recife (PCR).

Motivado por notícias sobre a doença, o motorista Eduardo Moura, de 39 anos, procurou o posto de saúde Waldemar de Oliveira, na Rua do Pombal, área central do Recife. Ele foi o último a se vacinar antes da viagem com toda a família para o Rio de Janeiro. “Vou viajar com meus pais e tios. Todos já tomaram. É melhor se prevenir antes de viajar”, disse.

Segundo Jailson Correia, apesar do alerta sobre o risco de contaminação em algumas regiões do Brasil, não há motivo para alarde. “É importante dizer que em Pernambuco e no Recife não há evidência da transmissão do vírus. Os casos notificados são de pessoas que tiveram em áreas de risco de transmissão e voltaram”, explicou.

Podem receber a vacina pessoas que não para: regiões amazônicas, o centro-oeste e alguns estados da região sudeste como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo. “O que a gente está vendo no Brasil é a transmissão silvestre da febre amarela, que ocorre em regiões de mata onde há macacos infectados que podem, através dos mosquitos sabethes e dernagogus, mosquitos de mata, fazer a transmissão da febre amarela para humanos”, completou.

Antecipado, resultado do Enem poderá ser consultado pelo candidato nesta quinta

Folhapress

Os candidatos que fizeram a prova do Enem em 2017 poderão consultar os resultados individuais a partir das 11h (horário de Brasília) desta quinta-feira (18), na Página do Participante. A divulgação foi antecipada em um dia em relação ao calendário inicial.

Para fazer a consulta, o estudante deverá informar o CPF e a senha cadastrada na inscrição. Aqueles que prestaram o exame como treineiro, no entanto, terão o resultado liberado após 60 dias do prazo regular, assim como os espelhos de correção das redações.

Com a nota do Enem, os candidatos poderão se inscrever no Sisu entre 29 de janeiro e 1º de fevereiro. O sistema seleciona, a partir da nota do Enem, candidatos para instituições de ensino superior. No ano passado, foram ofertadas 238.397 em 131 instituições no primeiro semestre.

O resultado do Enem também pode ser usado para conseguir bolsas de estudo em instituições privadas, pelo ProUni (Programa Universidade para Todos, e para obter financiamento pelo Fies (Fundo de Financiamento Estudantil). No Enem de 2016, só um em cada dez colégios com as maiores médias por escolas eram públicos -quase todos federais, técnicos ou de aplicação.

Quase 70% do jovens brasileiros desejam empreender

A maior parte dos jovens deseja empreender, é o que revela um levantamento realizado pela Fundação Estudar com brasileiros entre 18 a 34 anos, que apontou que 69,8% dos entrevistados querem abrir um negócio próprio, mas apenas 8,8% deles são empreendedores de fato. A crise foi apontada como um dos fatores para 13,9% deles desistirem do sonho de empreender, ainda que momentaneamente, para procurar um emprego estável.

João Paulo Gonçalves, 33 anos, diretor da Lista Mais – plataforma que conecta negócios locais a potenciais clientes -, faz parte dessa pequena parcela de jovens, que conseguiu realizar o sonho de ter o próprio negócio. O empresário tem uma história inusitada, pois se tornou o proprietário da empresa onde conseguiu o seu primeiro emprego, como estagiário. A oportunidade vivenciada pelo empreendedor da Lista Mais é diferente do que acontece com a maior parte dos jovens brasileiros, pois segundo a pesquisa da Fundação Estudar 53,5% dos entrevistados afirmaram que não trabalharam em lugares com oportunidades intraempreendedoras.

O conhecimento nas áreas de tecnologia e gestão de negócios foi essencial para que João Paulo, que graduou-se em Sistemas de Informação e cursou MBA em Gestão Empresarial, pudesse chegar ao cargo de CEO e comprar uma parte da empresa. “Ao longo dos anos eu fui conhecendo cada departamento da organização, pois fui responsável por reestruturá-los, além de implementar diversos sistemas na Lista Mais”, conta. João Paulo passou pelos cargos de estagiário, analista de sistemas, gerente financeiro e, por fim, sócio e CEO do negócio, e foi responsável por levar a empresa para o mundo digital.

A oportunidade de empreender apareceu quando uma sócia da empresa decidiu vender sua parte no negócio, que naquela época estava em uma situação um pouco complicada. “Eu conhecia muito bem a empresa, sabia o que precisaríamos mudar para que ela alcançasse todo o seu potencial”, comenta o empresário. O então colaborador fez uma proposta audaciosa, de pagar R$ 100 mil inicialmente, e mais R$ 300 mil parcelados ao longo de anos.

A estratégia deu certo, com as mudanças que João Paulo realizou, a empresa começou a ganhar fôlego e a apresentar uma rentabilidade alta, com taxa de crescimento anual de aproximadamente 20%. Com o advento da internet, em 2010 a empresa passou a operar também no mundo digital, oferecendo uma plataforma completa para a comunicação de empresas e clientes.

Atualmente a empresa conta com mais de 3 mil clientes e três unidades próprias em Presidente Prudente, Araçatuba e em Birigui (SP), faturou R$ 6,6 milhões em 2016 e movimentou R$ 7 milhões, no ano passado.

Abono Salarial 2016 ainda tem R$ 9,84 bilhões para 13 milhões de trabalhadores

Os recursos do Abono Salarial do PIS/Pasep ano-base 2016 que ainda não foram sacados chegam a mais de R$ 9,84 bilhões, beneficiando 13,4 milhões de trabalhadores em todo o país. Nesta quinta-feira (18), o Ministério do Trabalho libera o sétimo lote do benefício a trabalhadores da iniciativa privada nascidos nos meses de janeiro e fevereiro e servidores com inscrição de final 5 (veja aqui: http://trabalho.gov.br/noticias/5394-setimo-lote-do-abono-salarial-2016-comeca-a-ser-pago-nesta-quinta-18).

“O Abono Salarial é um direito do trabalhador e pode ser um reforço no orçamento de muitas famílias, além de ajudar a movimentar a economia do Brasil”, afirma o ministro do Trabalho substituto, Helton Yomura.

Do total de recursos que ainda podem ser retirados, quase metade (46,8%) é para a Região Sudeste, segundo levantamento preliminar do Ministério do Trabalho. São R$ 4,61 bilhões para 6,34 milhões de trabalhadores. A maior parte está no estado de São Paulo, que ainda tem R$ 2,33 bilhões para 3,23 milhões de beneficiários.

Minas Gerais é o estado com o segundo maior valor – R$ 1,14 bilhão para 1,55 milhão de pessoas. Depois vem o Rio de Janeiro, com 1,24 milhão de trabalhadores que têm um total de R$ 908,08 milhões a receber.

Até o final de 2017, os saques na Região Sudeste beneficiaram 5,16 milhões de pessoas – ou 44,87% dos participantes identificados – com um total de R$ 3,75 bilhões, considerando os valores pagos de julho a dezembro do ano passado.

Nordeste – A Região Nordeste tem a segunda maior fatia, com R$ 2,25 bilhões para 2,97 milhões de trabalhadores. Os saques no Nordeste já atingiram R$ 1,93 bilhão para 2,55 milhões de pessoas, o equivalente a 46,20% dos beneficiários no período.

A maior parte dos recursos no Nordeste vai para a Bahia, onde 791,64 mil pessoas poderão sacar R$ 598,75 milhões. Os baianos têm o quinto maior volume do país. Ficam atrás dos paranaenses, que ainda poderão retirar R$ 607,59 milhões para 842,89 mil trabalhadores.

Ao todo, a Região Sul tem R$ 1,6 bilhão que poderá ser retirado por 2,22 milhões de pessoas. Até o final de 2017, os saques na Região Sul alcançaram 1,85 milhão de pessoas e chegaram a R$ 1,33 bilhão.

Já para as Regiões Centro-Oeste e Norte os valores ainda não sacados são inferiores a R$ 1 bilhão. No Centro-Oeste, 1,12 milhão de trabalhadores poderá retirar mais R$ 808,02 milhões do Abono Salarial 2016, enquanto no Norte ainda restam R$ 574,62 milhões para 774,47 mil trabalhadores. Os saques até dezembro de 2017 foram de R$ 627,77 milhões no Centro-Oeste e R$ 471,96 milhões no Norte.

Direito ao saque – O Abono Salarial Ano-Base 2016 é pago a quem estava inscrito há pelo menos cinco anos no PIS/Pasep e trabalhou formalmente por pelo menos um mês naquele ano com remuneração média de até dois salários mínimos. Além disso, é preciso que os dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O valor do benefício vai de R$ 80 a R$ 954, de acordo com o tempo trabalhado no ano-base. Recebe o valor cheio quem trabalhou formalmente durante todo o ano de 2016 com rendimento médio de até dois salários mínimos. Quem trabalhou um mês, por exemplo, com esses mesmos pré-requisitos, recebe 1/12 do valor, e assim sucessivamente.

Depois do sétimo lote, o Ministério do Trabalho ainda vai liberar mais duas parcelas do Abono Salarial 2016 – em 22 de fevereiro e em 15 de março. Os recursos de qualquer um dos lotes podem ser sacados até 29 de junho deste ano. “É importante que o trabalhador fique atento, para não perder o prazo, porque depois esses recursos voltam para a conta do Fundo e Amparo ao Trabalhador (FAT)”, alerta Helton Yomura.