JPZ traz Léo Santana, Pedrinho Pegação e Raí

No próximo dia 30 de novembro, o público jovem terá encontro marcado com uma das maiores festas do ano e que vai reunir, no mesmo palco, nomes como Léo Santana, Pedrinho Pegação, Raí (ex-Saia Rodada), além de Robinho e o DJ Larrosa. Intitulado de #JPZ, o evento será realizado no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Caruaru. Para isso, uma grande estrutura de som, luz, banheiros, palco e barracas de bebidas será montada, relembrando grandes festas que já aconteceram no local.

Nesse encontro de estilos, um dos principais destaques é Leandro Silva de Santana, mais conhecido como Léo Santana. Cantor e compositor, o artista ingressou na carreira solo após o Carnaval 2014, quando deixou a Banda Parangolé. Léo tornou-se compositor ao escrever a canção ‘Rebolation’, grande sucesso da Parangolé, além de ‘Negro Lindo’ e ‘Quebradinha’. No Salvador Fest 2010, o cantor entrou, junto com a banda, para o Guinness Book, colocando mais de 100 mil pessoas para dançarem o ritmo.

Já Pedrinho Pegação se coloca como sucessor de Wesley Safadão. O cantor, de 25 anos, é natural de Jucurutu, no Rio Grande do Norte, e está na estrada há seis anos. Foi abrindo os shows de Safadão, que também se tornou conhecido no circuito do forró nordestino. Hoje, é sócio do seu mentor e trilha os mesmos caminhos que fizeram Wesley estourar no país inteiro.

Outra atração bastante esperada é o cantor Raí, ex-vocalista da Banda Saia Rodada. No repertório, ele trará um pouco do seu DVD Paradise, gravado em Aracajú, na praia, contando com as participações de Luan Estilizado, Jonas Esticado, Márcia Fellipe e Nathália Calasans.

Os ingressos podem ser adquiridos na Banca de Revistas Terceiro Mundo (Centro) e no quiosque Melhor do Ingresso, no Shopping Difusora. Eles estão sendo vendidos em três modalidades: camarote, que custa R$ 100,00; open bar, R$ 235,00, e o setor famosinho, por R$ 55,00.

“Resolvemos fazer essa festa no Autódromo porque eu entendo ser a melhor área para eventos na cidade. Nós vamos iniciar uma nova história nesse setor. Em grandes praças, os autódromos recebem festas o ano inteiro. Como exemplo, temos o Carnatal (carnaval fora de época de Natal, no Rio Grande do Norte), que ocorre numa pista de corrida. Nossa ideia é também fazer evento privado no São João de Caruaru, utilizando esse espaço fantástico”, disse o empresário João (Pizza) Paulo. “No autódromo, temos espaço para estacionamento e para criar áreas mais confortáveis para o público”, completou.

Para esse show, haverá uma segurança diferenciada, com monitoramento através de vídeo. “Será uma festa com muita, muita energia positiva”, finalizou João.

Serviço
Léo Santana, Pedrinho Pegação, Raí, DJ Larrosa e Robinho
Onde: Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Caruaru
Quando: 30 de novembro
Quanto custa: open bar, R$ 235,00; camarote, R$ 100,00, e o setor famosinho, R$ 55,00
Informações e reservas: Melhor do Ingresso (Shopping Difusora) e Banca de Revistas Terceiro Mundo (Centro)

Apenas 48% dos idosos fazem controle sistemático das finanças. Nos últimos seis meses, 37% deixaram de pagar alguma conta

A situação de aperto financeiro, em diversas ocasiões, acaba levando a inadimplência. Nos últimos seis meses, em cada dez pessoas acima de 60 anos, quatro (37%) deixaram de pagar ou atrasaram o pagamento de alguma conta e 21% ficaram com o CPF negativado no último ano. Os atrasos foram, principalmente, com as contas de luz (15%), água (11%) e telefonia (9%). Os que garantem ter pagado todas as contas em dia no último semestre somam 57% da amostra. Para quem deixou de pagar alguma conta, os motivos mais alegados foram a diminuição da renda (18%), esquecimento (16%), falta de planejamento dos gastos (15%) e problemas de saúde (9%).

O planejamento do orçamento é algo que ainda precisa melhorar entre a população idosa, demonstra a pesquisa. Pouco menos da metade (48%) dos idosos brasileiros realiza controle das finanças, seja por meio de anotações ou qualquer outra forma sistemática. Por outro lado, 52% não fazem o controle do orçamento. Nesse caso, 29% confiam apenas na memória e 12% contam com a ajuda de alguém da família para essa tarefa.

As justificativas para não realizar o controle das despesas envolvem o fato de não achar a atividade importante ou necessária (27%), falta de conhecimento (21%) e indisciplina (19%).

Metodologia

Foram entrevistados 612 consumidores com idade acima de 60 anos de ambos os gêneros e de todas as classes sociais, nas 27 capitais brasileiras. A margem de erro é de 4,0 pontos percentuais para um intervalo de confiança a 95%. Baixe a íntegra da pesquisa em https://www.spcbrasil.org.br/pesquisas

37% dos idosos acreditam que padrão de vida piorou na terceira idade; 51% precisam recorrer a crédito para pagar contas

Se por um lado o estudo mostra que os idosos são de grande importância para o sustento de seus lares, por outro, se observa também que muitos deles apenas conseguem pagar suas contas, sem que haja sobras de dinheiro para realizar um sonho de consumo ou investir. De modo geral, 39% dos idosos brasileiros até conseguem pagar suas contas sem atrasos, mas fecham o mês sem recursos excedentes. Outros 14% nem sempre conseguem pagar as contas e algumas vezes precisam fazer esforço para administrar o dinheiro que recebem e 4% nunca ou quase nunca conseguem honrar os compromissos financeiros. Os idosos em situação financeira confortável, ou seja, pagam as contas e ainda sobra dinheiro, são 42% da amostra.

Para manobrar o orçamento, recorrer ao crédito acaba sendo uma saída prática, apesar de arriscada. Mais da metade (51%) dos idosos costuma fazer empréstimos, utilizar cartão de crédito ou cheque especial para pagar as contas e conseguir cumprir compromissos mensais. Recorrer a uma reserva financeira seria a solução mais indicada, mas apenas 39% dos idosos possuem dinheiro guardado.

“A reserva financeira é a garantia de que a pessoa terá independência para se reinventar na terceira idade, ampliar suas oportunidades de ser feliz, cuidar da saúde e viver bem. Além disso, se houver imprevisto, será muito menos penoso arcar com o aspecto financeiro se a pessoa tiver um montante guardado. Deve-se tomar cuidado com o crédito fácil oferecido, muitas vezes, acompanhado de altas taxas, que favorecem uma compra além da capacidade de pagamento ao longo do tempo”, afirma o educador financeiro do portal ‘Meu Bolso Feliz’, José Vignoli.

Ao refletirem sobre o padrão de vida que possuem hoje, comparado ao que tinham aos 40 anos de idade, a maior parte (37%) dos idosos considera que piorou, ao passo que 33% avaliam levar uma vida melhor hoje do que no passado. Para 28% a situação permanece a mesma. Em uma escala de um a dez, a nota média que os idosos atribuem para a satisfação com a vida financeira atual é de 6,7 pontos.

43% dos idosos são os principais responsáveis pelo sustento da casa

Com a crise econômica que ainda afeta o bolso dos consumidores e o aumento do desemprego entre a população jovem, em muitos lares os idosos acabam sendo a principal fonte de renda. Um levantamento realizado em todas as capitais pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) revela que 43% dos brasileiros acima de 60 anos são os principais responsáveis pelo pagamento de contas e despesas da casa – o percentual é ainda maior (53%) entre os homens. De modo geral, 91% dos idosos no Brasil contribuem com o orçamento da residência, sendo que em 25% dos casos colaboram com a mesma quantia que os demais membros da família. Somente 9% não ajudam com as despesas.

Para a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, não é só a crise econômica que explica esses números, mas também uma mudança demográfica e comportamental dessa população. “Há muitos casos em que a renda do aposentado é a única maneira para sustentar o lar de uma família que perdeu emprego, mas o aumento da expectativa de vida dos brasileiros e suas atitudes nesta fase da vida também são fatores importantes. Hoje, os idosos são mais ativos, têm mais autonomia financeira e trabalham por mais tempo, seja por necessidade ou porque se sentem dispostos”, explica a economista.

Outro dado que reforça a independência financeira de boa parte dos idosos é que 66% não recebem ajuda financeira de parentes, amigos, pensão ou programa social. Há 34% de idosos que contam com algum tipo de ajuda.

Com a importância dos idosos para o orçamento da casa, muitos acabam emprestando seu nome para outros realizarem compras. De acordo com o levantamento, pouco mais de um quarto (26%) dos idosos brasileiros já fez empréstimo pessoal consignado em seu nome para emprestar o dinheiro a terceiros. Na maior parte dos casos (17%), o empréstimo foi um pedido de filhos, conjugues ou outros parentes, enquanto em 9% dos casos o idoso se ofereceu para ajudar a pessoa.

Mais de 7 mil mulheres atendidas na Campanha de Prevenção às Doenças da Mama

Mais um ano de números expressivos na Campanha de Prevenção às Doenças da Mama, promovida pela Manoel Florêncio Diagnósticos em parceria com a Acic – Associação Comercial e Empresarial de Caruaru. A ação reuniu milhares de mulheres recentemente, no 5º piso do Shopping Difusora.

No total, foram contabilizados 7756 atendimentos, passando pelos exames clínicos, de ultrassonografia e encaminhamentos para mamografia. Além disso, as mulheres receberam orientações sobre o cuidado pessoal, em palestras ministradas por profissionais e estudantes da área de saúde.

Isabel Pereira, que está cursando o oitavo período de Medicina, foi uma das pessoas voluntárias que contribuíram com o evento e se sentiu grata pela oportunidade. “Quem participa, sabe da importância dessa campanha. Estou em minha terceira edição e parabenizo ao Dr. Manoel e equipe pela iniciativa. Sabemos da carência de muitas mulheres que participam e como isso faz a diferença na vida delas”, explicou.

Para o médico Manoel Florêncio, idealizador da campanha, o sentimento ao fim da iniciativa é de realização. “Digo sempre em minhas palestras que não quero ver mulheres com casos identificados aqui no próximo ano, quero apenas que estejam sadias e que percebam a importância de conhecer o próprio corpo e tocarem mais a mama. Só assim a doença poderá ser prevenida”, afirmou.

27 anos de ação
Uma história que teve início há 27 anos e segue salvando a vida de muitas mulheres. Quando pouco se falava na prevenção ao câncer de mama em Caruaru, Dr. Manoel Florêncio vislumbrou a possibilidade de oferecer às mulheres da cidade um olhar diferenciado para o cuidado e o autoconhecimento do próprio corpo. Em 1991, foi realizada a primeira edição, que foi crescendo e se consolidando como uma das mais relevantes no Estado em relação à prevenção. Hoje, com apoio de uma ampla rede de parceiros, milhares de mulheres têm a oportunidade de receber um atendimento humanizado e fundamental para a prevenção.

A Prefeitura de Caruaru faz o maior investimento da história, também, na Educação de Jovens e Adultos (EJA). A aluna Maria Suelly da Escola Municipal Gianete Silva é um exemplo para todos #PrefeituradeCaruaru #PrefeituraQueFaz #FazendoOFuturoAgora #JuntosPelaEducação

Sesc Arcoverde promove mais uma edição do Sesc Lazer

Domingo é dia de lazer e diversão em Arcoverde. E neste dia 18, a partir das 9h, o Sesc realiza mais uma edição do Sesc Lazer com atividades recreativas para os trabalhadores do comércio de bens serviços e turismo poderem se divertir com toda a família. O público geral também pode participar do projeto, que oferece banho de piscina e brincadeiras aquáticas, jogos de salão e brinquedos para as crianças.

O ingresso para o Sesc Lazer custa R$ 8 para o público geral. Os trabalhadores do comércio e seus dependentes têm desconto e pagam R$ 4. As atividades seguem até 15h. “O Sesc Lazer é o projeto que tem como principal objetivo proporcionar um dia de descanso para os trabalhadores e a oportunidade de eles poderem passar momentos de alegria e descontração com os amigos e familiares”, explica Águida Cardeal, gerente do Sesc Arcoverde.

Sesc – O Serviço Social do Comércio (Sesc) foi criado em 1946. Em Pernambuco, iniciou suas atividades em 1947. Oferece para os funcionários do comércio de bens, serviços e turismo, bem como para o público geral, a preços módicos ou gratuitamente, atividades nas áreas de educação, saúde, cultura, recreação, esporte, turismo e assistência social. Atualmente, existem 20 unidades do Sesc do Litoral ao Sertão do estado, incluindo dois hotéis, em Garanhuns e Triunfo. Essas unidades dispõem de escolas, equipamentos culturais (como teatros e galerias de arte), restaurantes, academias, quadras poliesportivas, campos de futebol, entre outros espaços e projetos. Para conhecer cada unidade, os projetos ou acessar a programação do mês do Sesc em Pernambuco, basta acessar www.sescpe.org.br.

Serviço: Sesc Lazer

Data: 18 de novembro de 2018

Horário: das 9h às 15h

Local: Sesc Arcoverde – Avenida Capitão Arlindo Pacheco de Albuquerque, 364, Centro

Entrada: R$ 8 (público geral) / R$ 4 (trabalhadores do comércio e dependentes)

Informações (87) 3821.0864

Feira da Mulher Empreendedora ocorre até este domingo

O Caruaru Shopping sedia, de 14 a 18 de novembro, a Feira da Mulher Empreendedora. O evento é uma realização da Secretaria de Políticas para Mulheres (SPM) e acontecerá no mall do hipermercado, das 10h às 22h.

O objetivo da feira é contribuir para a emancipação econômica das mulheres caruaruenses, bem como incentivar o associativismo e o cooperativismo com o intuito de desenvolver estratégias de novas formas de atuação no mercado que possibilitem o desenvolvimento coletivo. “Participam do evento mulheres empreendedoras que terão a oportunidade de gerar renda através da exposição dos seus trabalhos e de promover o intercâmbio sociocultural em toda a região”, afirmou a secretária da SPM, Juliana Gouveia.

“É com grande satisfação que o Caruaru Shopping sedia este evento, tão importante e gratificante para as mulheres empreendedoras de Caruaru”, reconheceu o gerente de Marketing do centro de compras e convivências, Walace Carvalho.

O Caruaru Shopping fica localizado na Avenida Adjar da Silva Casé, 800, Bairro Indianópolis.

Sesc Ler Surubim realiza ações em alusão ao Novembro Azul

Com o objetivo de levar informação sobre saúde, bem-estar e melhor qualidade de vida à população, no próximo domingo (18/11), a partir das 9h, o Sesc Ler Surubim realiza uma série de atividades em alusão à campanha Novembro Azul. A programação é gratuita e ocorrerá na área de lazer da Unidade. Serão oferecidos serviços de orientação sobre a saúde do homem e prevenção do câncer de próstata, aferição de pressão arterial e teste rápido de glicose.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, atrás apenas do câncer de pele. Estima-se que, por ano, sejam diagnosticados no Brasil cerca de 68 mil novos casos da doença. “Um dos nossos compromissos com a população é justamente zelar pela saúde e bem-estar dela, mas também de oferecer mecanismos para que essa qualidade de vida seja alcançada”, afirma a assistente social do Sesc Ler Surubim, Amanda Roberta da Silva.

O Novembro Azul – A campanha internacional surgiu em 2003 na Austrália com o objetivo de chamar a atenção para a prevenção e diagnóstico precoce de doenças que atingem os homens, sobretudo o câncer de próstata. A ação estimula a realização de ações voltadas para a prevenção ao câncer em todo o mundo.

Sesc – O Serviço Social do Comércio (Sesc) foi criado em 1946. Em Pernambuco, iniciou suas atividades em 1947. Oferece para os funcionários do comércio de bens, serviços e turismo, bem como para o público geral, a preços módicos ou gratuitamente, atividades nas áreas de educação, saúde, cultura, recreação, esporte, turismo e assistência social. Atualmente, existem 20 unidades do Sesc do Litoral ao Sertão do estado, incluindo dois hotéis, em Garanhuns e Triunfo. Essas unidades dispõem de escolas, equipamentos culturais (como teatros e galerias de arte), restaurantes, academias, quadras poliesportivas, campos de futebol, entre outros espaços e projetos. Para conhecer cada unidade, os projetos ou acessar a programação do mês do Sesc em Pernambuco, basta acessar www.sescpe.org.br.