Operação desarticula quadrilha de traficantes

Pedro Augusto

A Polícia Federal, com o auxílio da Polícia Militar de Pernambuco, desencadeou a Operação Raposa, na manhã da última terça-feira (21), nos municípios de Caruaru, São Caetano, Bezerros e Limoeiro, todos na região Agreste. Nela, uma extensa quadrilha envolvida no tráfico de drogas acabou sendo desarticulada com as detenções, até o fechamento desta matéria, de 11 de 13 suspeitos de integrá-la. A operação também foi responsável pelo cumprimento de 13 mandados de busca e apreensão. Ao todo, 75 policiais federais, bem como 18 militares participaram da ação de repressão.

A maioria dos envolvidos foi encaminhada até a sede da Delegacia Federal de Caruaru, no Bairro Maurício de Nassau, onde passou pelos procedimentos padrões. Em seguida, eles tiveram o mesmo destino dos demais componentes do bando, que já se encontravam recolhidos em unidades prisionais do Estado. Por exemplo, na Penitenciária Juiz Plácido de Souza, em Caruaru, e na Penitenciária Desembargador Ênio Pessoa, a operação acabou sendo responsável pelo cumprimento de alguns mandados de prisão preventiva.

De acordo com o delegado Márcio Tenório, que esteve à frente das investigações, o grupo desmanchado possuía participação maciça no mercado da droga da região Agreste. “Iniciamos as investigações em julho do ano passado ao identificarmos uma extensa quantidade de entorpecentes presentes em Caruaru. Efetuamos algumas prisões, na época, e na manhã de hoje (última terça-feira), já de posse dos mandados, conseguimos desarticular o restante do bando. Ainda nos encontramos em diligências para realizarmos as detenções dos dois integrantes que ainda estão foragidos. Com sede em São Caetano, essa quadrilha comercializava drogas em vários municípios da região, com destaque para Caruaru”, informou.

Durante a operação foram presos cinco homens e seis mulheres, que já se encontram à disposição da Justiça, em presídios de Pernambuco. Eles responderão pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de armas, cujas somadas, as penas poderão chegar até 20 anos de detenção. “Os líderes dessa quadrilha comandavam as ações criminosas de dentro de presídios e seus comparsas, inclusive, várias mulheres, encontravam-se abastecendo vários pontos de drogas de Caruaru e de municípios da região. Com este trabalho exitoso de repressão, não temos dúvidas de que o mercado da droga sofrerá um baque significativo no Agreste”, finalizou o delegado.

Requalificação de feira é elogiada por comerciantes

Pedro Augusto

A economia dos bairros Boa Vista I e II, em Caruaru, está prestes a receber um daqueles upgrades (avanços) que costumam ser reverenciados pelos empreendedores de qualquer local por bastante tempo. No início desta semana, a prefeitura anunciou um investimento que, quando materializado, proporcionará uma nova realidade, em termos de estrutura física, à feira livre das duas comunidades – considerada não é de hoje como uma das mais pujantes em relação à movimentação financeira do município. O edital de licitação do projeto de requalificação foi publicado na última segunda-feira (20), no Diário Oficial.

O projeto prevê execuções nos pisos, calçadas, construção de cobertura metálica, quiosques, baterias de banheiro, tratamento paisagístico, além de novas instalações elétricas e de iluminação, compreendendo uma área territorial de 18.350 mil metros quadrados, tendo capacidade para comportar mais de 800 bancos. “Essa nova estrutura visa melhorar o espaço de atendimento dos feirantes, proporcionando mais qualidade para comercialização de seus produtos e relação com os seus compradores, além de revitalizar e ampliar um equipamento público de lazer no coração dos bairros Boa Vista I e II”, destacou o secretário municipal de Obras, Rodrigo Miranda.

De acordo com as informações da Prefeitura de Caruaru, o investimento para execução do projeto será na ordem dos R$ 4.751.679,83, com prazo para finalização da obra de até oito meses, tão logo ela seja iniciada. Comerciante no local, José de Souza Silva encontra-se animado com o anúncio da requalificação. “Já fazia tempo que essa feira da Boa Vista necessitava de uma intervenção maior. Em alguns aspectos como iluminação, banheiro e estacionamento, ela já vinha falhando há anos. Mas, agora, com essas reformas que estão previstas, a expectativa é de que a situação melhore não só para os feirantes e consumidores, mas também para nós comerciantes que trabalhamos no entorno da mesma”, observou.

Além da requalificação na área territorial da feira, a iniciativa da PMC ainda constitui na revitalização de equipamentos de esporte e de lazer nos espaços integrados a esta primeira com a implantação de quiosques, mesas de convivência, renovação do trecho do campo de futebol, com a inserção de novos equipamentos de ginástica, sem falar na ampliação da pista de cooper, que envolve todo o perímetro da feira. De acordo ainda com a prefeitura, a abertura do processo licitatório da obra está prevista para acontecer no próximo dia 14.

Com atuação também como empreendedor nos bairros da Boa Vista I e II, o autônomo Paulo Santos chamou a atenção para a valorização do comércio local após as conclusões das melhorias. “Acredito que vai ganhar todo mundo da nossa comunidade, ou seja, do comerciante até o morador, porque o investimento proposto irá modificar, para melhor, as condições de toda esta área. Quanto mais estrutura a feira tiver, mais ela atrairá clientes para os bairros da Boa Vista, o que será excelente para todo o comércio. Quanto aos moradores, e eu ainda me incluo nesta situação, eles passarão a contar com novos equipamentos para a prática do esporte e do lazer, o que também será muito importante, afinal aqui é bastante tradicional no que se refere à realização de jogos de futebol, caminhadas, dentre outras atividades”, afirmou.

A autônoma Maria da Paz, que comercializa já há anos frutas e verduras no local, espera que o projeto de revitalização seja posto em prática o mais rápido possível. “Tenho certeza que o movimento vai melhorar com essas reformas. Quanto mais estrutura para podermos vender, melhor para conseguirmos lucrar. A Prefeitura de Caruaru está de parabéns pela iniciativa”, disse.

“A feira daqui vem crescendo bastante nos últimos anos e só não se encontra ainda maior porque há muita coisa para se melhorar por aqui. Torço para que essa obra comece já neste segundo semestre!”, emendou a feirante Salete Carvalho.
A feira dos bairros da Boa Vista I e II é bastante tradicional na Capital do Agreste. Ela tem sido realizada, já há décadas, sempre aos sábados e domingos.

ARTIGO — De saída

Maurício Assuero

Duas grandes montadoras, GM e Ford, estão reduzindo suas atividades operacionais no Brasil. Vendo uma entrevista do presidente da GM fiquei assustado com suas palavras, sinceras, reais, contundentes: “Sair do Brasil custará US$ 1 bilhão; ficar custará US$ 3 bilhões”. Lamentavelmente, a política econômica, a conjuntura política e a falta de comprometimento do Congresso Nacional com o bem estar da população estão nos levando para as profundezas de um abismo ou, numa linguagem mais realista, para um buraco negro (esse mesmo que a gravidade é tão alta que não permite nem que a luz escape).

Como há o ditado “além de queda, coice”, a Ford resolveu enxugar em 10% seu quadro mundial de trabalhadores, na tentativa de economizar US$ 600 milhões, ou seja, algo em torno de R$ 2,5 bilhões. Em linhas claras, gerais e simples, a Ford eliminará 7 mil postos de trabalho.

Decididamente, para estas empresas o gargalo chama-se mão-de-obra. No Brasil, os encargos sociais atrelados são mais que suficientes para contratar outro funcionário. As empresas pagam dois funcionários, contratando um. Não é simples e não tem como convencer um empresário de que essa conta é justa. Fala-se em desoneração da folha e, particularmente, Bolsonaro prometeu “tirar o estado das costas do produtor”. Que faça isso urgente. Que pelo menos inicie as tratativas para implantar uma medida dessa natureza.

Chamo a atenção para o fato de que em 2017 foi implantada uma reforma trabalhista que prometia gerar emprego. Na ocasião, fiz considerações sobre o baixo impacto que teria, no meu entendimento, porque o empresário, depois de tantos custos incorridos, aproveitaria para acumular lucro. O fato é que isso não mudou muito e, em detrimento, a economia do Brasil piorou ao longo da década. Estamos na direção contrária de outros países. Nos Estados Unidos, apesar de Donald Trump, nascer no dia 04 de julho é o maior prêmio para um americano. Lá, Kennedy foi enfático ao dizer “não pergunte o que o seu país pode fazer por você, pergunte o que você pode fazer pelo seu país”.

O governo atual herdou uma economia esfacelada, com taxa de crescimento medíocre, principalmente devido ao desastre econômico chamado governo Dilma. As boas ideias do ministro da economia não avançam porque o Congresso tem receio de que isso beneficie o atual presidente. O discurso de Paulinho da Força no dia 01/05 diz isso claramente. Então, aparentemente ninguém está disposto a ajudar. Tinha razão Millôr Fernandes quando disse “este país não pode melhorar enquanto o governo gastar todo seu dinheiro na propaganda da rosca e a oposição colocar todo seu esforço na condenação do furo.” É isso que estamos vendo.

Classificatória municipal do JEPs tem balanço positivo

Pedro Augusto

Celeiro, tradicionalmente, de diversos talentos em suas mais variadas modalidades, hoje, o esporte local tem recebido a atenção que merece por parte da Prefeitura de Caruaru. O período de ostracismo em que os Jogos Escolares de Caruaru chegaram a não ser realizados, desestimulando a continuidade nas práticas por parte de diversos atletas jovens, com potencial para dar e vender, parece ter ficado para trás. Prova disso foi a organização elogiável da última classificatória municipal dos Jogos Escolares de Pernambuco, os JEPs.

No intuito de oferecer a melhor infraestrutura possível aos participantes, a PMC, através da Gerência de Esporte Educacional da Secretaria de Educação, realizou as competições em espaços dotados de equipamentos adequados, como o Estádio Antônio Inácio, o Sesi, a Asces, o Colégio GGE, além de unidades municipais.

Em paralelo, realizou alguns investimentos importantes, a exemplo da requalificação da pista de atletismo do Colégio Municipal Álvaro Lins, conforme ressaltou o gerente de Esporte Educacional, Alexandre Barbosa. “Em uma ação da Secretaria Municipal de Serviços Públicos, que foi responsável pela aplicação do serviço de terraplanagem, conseguimos modificar, para melhor, as condições da pista de atletismo do Álvaro Lins, que se encontrava necessitando de reparos. Foi notória a satisfação por parte dos atletas competidores, que chegaram a nos procurar para elogiá-la. Também ressaltamos o contentamento por parte de outros atletas que tiveram a oportunidade de disputar a classificatória em espaços qualificados, como as quadras da Asces e do GGE, bem como no campo do Vera Cruz”, afirmou.

De acordo com os dados da Gerência de Esporte Educacional, ao todo, 2.096 atletas, de 50 instituições educacionais entre municipais, federais e privadas, estiveram participando dessa fase classificatória para os Jogos Escolares de Pernambuco. Eles competiram no período de 29 de abril até 17 de maio em 13 modalidades (coletiva e individual), bem como nas categorias mirim (de 12 a 14 anos), infantil (de 15 a 17 anos) e juvenil (de 17 a 19 anos). Os vencedores da seletiva, agora, estão voltando as suas atenções para a disputa da etapa regional do JEPs, que está marcada para ser realizada, já nas próximas semanas.

Mais do que o incentivo pela busca de conquistas em competições, a PMC, através dos investimentos que têm sido empregados no esporte local, vem se esforçando para estimular jovens talentos a subirem nos lugares mais altos no pódio também na vida. “Na medida em que a prefeitura promove competições do tipo, professores de Educação Física acabam preparando as suas equipes durante todo o período do ano, ou seja, é uma ação permanente, que beneficia, e muito, toda uma gama de jovens, prevenindo-os contra a criminalidade, a violência etc. Nosso principal objetivo tem sido possibilitar novas oportunidades de vida a esses jovens, através da prática do esporte”, complementou Alexandre Barbosa.

Seguindo o figurino, após as realizações das classificatórias municipal e regional e da própria edição 2019 do JEPs, os campeões de cada modalidade disputada representarão o Estado nos Jogos Escolares da Juventude deste ano. A torcida é para que atletas caruaruenses participem de todas essas competições.

3ª etapa do PE de Futebol de Botão ocorrerá no Caruaru Shopping

O Caruaru Shopping sedia, neste fim de semana (25 e 26 de maio), a 3ª etapa do Campeonato Pernambucano de Futebol de Botão, Modalidade Dadinho 9×3. O evento acontecerá próximo à agência de viagens, de acordo com o horário de funcionamento do centro de compras e convivência.

No sábado (25), o evento é aberto ao público e será no horário das 10h às 22h. Já no domingo (26) acontecem as competições oficiais, que terão início a partir das 9h e seguirão até as 20h. “Os organizadores esperam, com a realização do campeonato, atrair ainda mais adeptos para o futebol de mesa”, adiantou Walace Carvalho, gerente de Marketing do Caruaru Shopping.

Estarão participando equipes da AABB Caruaru, Sport Clube Recife, Náutico, Central, Olinda Futmesa e Unimesa. A realização é da Federação Pernambucana de Futebol de Mesa (FPEFM).

O Caruaru Shopping está localizado na Avenida Adjar da Silva Casé, 800, Bairro Indianópolis.

Central encara o Altos no Piauí

Pedro Augusto

Após as duas vitórias seguidas alcançadas no Estádio Luiz Lacerda, agora, o Central busca somar os seus primeiros três pontos fora de casa atuando pelo Campeonato Brasileiro da Série D. Atualmente na vice-liderança do grupo A5, com seis pontos, a Patativa visita o Altos, neste domingo (26), a partir das 16h, no Estádio Lindolfo Monteiro. A equipe piauiense está na terceira posição, com três pontos. No outro duelo da chave, o Maranhão mediu forças com o Atlético Cearense, na noite da última sexta-feira (24), no Castelão.

Para este confronto importante pela 4ª Divisão, o técnico centralino Celso Teixeira não poderá contar com o meio-campista Fábio Neves, que acabou sofrendo um estiramento no ligamento cruzado do joelho direito na partida diante do Altos, no domingo passado (19), no Lacerdão, jogo em que a Patativa venceu por 2 a 0. Neves deverá desfalcar o alvinegro caruaruense por 30 dias. Em compensação, Teixeira dispõe de quase todo elenco para a partida.

Comunidade Fernando Lyra recebe ação missionária

Léa Renata

A Paróquia da Natividade do Senhor, localizada no Bairro Universitário, realizou uma série de ações, no último domingo (19), na comunidade Fernando Lyra, no Bairro São João da Escócia, em Caruaru. As atividades fazem parte das comemorações do Ano Missionário.
Durante toda a manhã e parte da tarde, moradores da comunidade puderam realizar consultas com vários profissionais da saúde, como ginecologista, mastologista, pediatra, clínico geral, dentistas, psicólogos, fisoterapeutas, bem como cabeleireiros e barbeiros estavam à disposição para quem quisesse dar uma melhorada no visual. Na ocasião também houve palestra sobre o câncer de mama e como fazer o autoexame para detectar algum sintoma da doença, além de orientações jurídicas.

“Participantes das pastorais da Natividade e voluntários também estiveram durante a manhã visitando as casas dos moradores para evangelização e convidando-os para participar da ação”, informou Paloma Figueiredo, uma das responsáveis do evento.
“Fazia tempo que estava precisando fazer uma consulta no médico, mas, por conta do trabalho, nunca pude ir. Esta ação aqui no domingo me ajudou muito. Fui bem atendida e espero que venham sempre por aqui”, afirmou Maria José Bezerra da Silva, de 52 anos, que aproveitou também para se vacinar contra a gripe.

Luciana Melo, que faz parte da Pastoral da Liturgia, esteve visitando as casas dos moradores. “Este contato com as pessoas da comunidade é fundamental para que elas se sintam acolhidas. Além de levarmos a evangelização, também falamos da importância delas participarem das ações, seja para uma consulta, uma palestra. Nessas visitas ainda ficamos sabendo do que estão precisando para que, de alguma forma, possamos ajudá-las”, afirmou.

De acordo com Paloma, essa foi a primeira ação de várias que irão ocorrer em Caruaru. “Agora em 2019 estamos comemorando o Ano Missionário e, para isso, estamos reunindo voluntários para que possamos levar um pouco de conforto para as comunidades que são atendidas pela Paróquia da Natividade do Senhor”, disse.

As próximas ações já marcadas serão realizadas no dia 28 de julho, em Cachoeira Seca; 15 de setembro, em Riacho Doce, e no dia 27 de outubro, em Itaúna. Todas essas localidades ficam na zona rural de Caruaru.

São João 2019 ganha corpo; forró já rolou na zona rural

Pedro Augusto

Desde o início da segunda quinzena do mês de maio que a estrutura física do São João 2019 de Caruaru tem sido montada pela Talentos Promec – empresa ganhadora da licitação promovida pela Prefeitura. De acordo com as informações da Fundação de Cultura e Turismo, a montagem dos polos do maior evento junino do país encontra-se no seu curso habitual, sem maiores atropelos, prevista para ser pontualmente finalizada na data estimada. Neste ano, os festejos da Capital do Forró foram iniciados no dia do aniversário do município, ocorrido no último sábado (18), na Vila de Itaúna, na zona rural. Lá, os moradores tiveram oportunidade de conferir as atrações do São João da Roça, com destaque para os shows de Azulão e Azulinho e do grupo Fole de Ouro.

A grade de programação do Maior e Melhor São João do Mundo se estenderá até o próximo dia 14 de julho. Conforme ressaltou o secretário-executivo de eventos da FCTC, Fúlvio Wagner, por mais um ano a estrutura física instalada estará à altura da grandeza dos festejos da Capital do Forró. “O São João de Caruaru é a maior festa popular do Brasil, são mais de 30 dias de programação, e a prefeita Raquel Lyra, através de suas secretarias, não tem medido esforços para dotar o evento da melhor infraestrutura possível. Assim como ocorreu nos dois anos anteriores, em 2019 o evento contará com todos os polos estruturados, oferecendo muita comodidade e segurança”, afirmou.

Na entrevista, Fúlvio também destacou o bom andamento da montagem. “Estamos acompanhando, com as equipes de arquitetos e engenheiros da PMC, o desenrolar das instalações, que têm ocorrido no Pátio de Eventos Luiz “Lua” Gonzaga, na Estação Ferroviária, no Alto do Moura etc. O cronograma está sendo cumprido à risca pela empresa licitada e nos encontramos tranquilos quanto à finalização da montagem. No próximo dia 1º, quando será dada a largada para a maratona de shows e apresentações nestes polos principais, a garantia é de que tudo esteja à disposição dos caruaruenses e turistas. Desde o ano passado que temos nos reunido periodicamente com os órgãos ligados à festa para conseguirmos dotá-la cada vez mais de infraestrutura e o balanço final novamente deverá ser bastante positivo”, acrescentou o secretário.

Durante a realização do São João de Caruaru, órgãos como as polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Destra, Ministério Público, além de toda uma gama de secretarias municipais como as de Saúde, de Serviços Públicos, de Ordem Pública, dentre outras, prestarão os serviços necessários em todos os polos da festa, que também em 2019 estão presentes na zona rural.

“Quando a prefeita Raquel assumiu o governo, o São João passou a ser realizado também na zona rural, haja vista que as antigas gestões voltavam as suas atenções apenas para o Pátio de Eventos, esquecendo-se até da Estação Ferroviária. Hoje, ele, além de se encontrar descentralizado contemplando não só as comunidades, mas a todos os tipos de públicos, se encontra muito mais organizado e cuidado. Neste ano, haverá 12 polos na zona rural, bem como um no Monte do Bom Jesus, o que promete fortalecer ainda mais a festa!”, complementou Fúlvio Wagner.

Decoração

Em paralelo à montagem física dos polos, a prefeitura, através da Fundação de Cultura e Turismo, também se encontra, neste momento, com as atenções voltadas para instalar a decoração do evento. Em 2019, a identidade visual do São João de Caruaru está contando com a participação do xilogravador J. Borges, que produziu quatro obras exclusivas para esta finalidade. Elas retratam a Feira de Caruaru, o Monte do Bom Jesus e uma banda de pífanos, além da fonte utilizada. Foram disponibilizadas ainda mais de 30 peças para reprodução. Pela terceira vez, o responsável pela cenografia é o designer e cenógrafo Whalter Holmes, natural da Capital do Agreste.

Assassino de filha e neto é preso

Um homem suspeito de matar a própria filha e o neto foi preso, na tarde da última terça-feira (21), em Campina Grande, município do Interior da Paraíba. Trata-se de Hermenegildo Gonçalves da Silva, de 55 anos. De acordo com as investigações da Polícia Civil, ele teria assassinado a facadas a filha Francisca Rodrigues da Silva Ribeiro, de 31 anos, e o neto Artur Martins Rodrigues Ribeiro, de 14. O duplo homicídio foi registrado na madrugada da terça, na cidade de Lagoa do Ouro, no Agreste do Estado.

A motivação dos crimes, segundo ainda polícia, seria uma desavença com a filha devido aos abusos sexuais cometidos pelo criminoso em seu próprio neto. Após o duplo homicídio, Hermenegildo seguiu em direção à Paraíba e foi preso quando se encontrava no interior de um ônibus. O assassino ainda tentou escapar, mas foi interceptado.

Hermenegildo foi entregue a policiais civis de Pernambuco, que foram a Campina Grande para buscá-lo. Ele foi levado para Garanhuns, também no Agreste pernambucano, para ser autuado em flagrante delito. As investigações seguem em andamento.

Empreendimentos são visitados na Rota da Cachaça

Uma das bebidas mais apreciadas pelo brasileiro, a cachaça é tema de um roteiro de viagem promovido pelo Sesc Caruaru. A unidade realiza, neste sábado (25), a excursão Rota da Cachaça pelo Estado, que inclui visitas à fábrica da Pitú, em Vitória de Santo Antão, e ao Engenho Sanhaçu, em Chã Grande, ambas as cidades na Zona da Mata. A saída será às 7h, em frente ao Sesc.

A primeira parada será em Vitória de Santo Antão, onde está localizada a fábrica de uma das mais tradicionais aguardentes de cana do Nordeste: a Pitú. No centro de visitação, o grupo vai conferir um painel cronológico sobre o engarrafamento da bebida, um vídeo com a história da empresa e uma lojinha com produtos e souvenirs. Em seguida, a viagem segue até Gravatá, já no Agreste, para uma visita ao Mercado Cultural.

À tarde, o grupo se dirige à zona rural de Chã Grande, onde fica o Engenho Sanhaçu. É neste local onde é produzida a primeira cachaça orgânica certificada em Pernambuco. Administrada pela família Barreto Silva, a produção segue padrões de alta qualidade e mínimo impacto ambiental. Lá, os turistas também poderão adquirir garrafas da bebida. O retorno ao Sesc está previsto para as 16h30.

O pacote de viagem pode ser adquirido no Ponto de Atendimento do Sesc por R$ 85. Os trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo e seus dependentes têm desconto e pagam R$ 70. Os interessados terão direito a ônibus padrão turismo, visita às cachaçarias com degustação, guia e seguro-viagem.

Sesc

O Serviço Social do Comércio (Sesc) foi criado em 1946. Em Pernambuco, iniciou suas atividades em 1947. Oferece para os funcionários do comércio de bens, serviços e turismo, bem como para o público geral, a preços módicos ou gratuitamente, atividades nas áreas de educação, saúde, cultura, recreação, esporte, turismo e assistência social. Atualmente, existem 20 unidades do Sesc do Litoral ao Sertão do estado, incluindo dois hotéis, em Garanhuns e Triunfo. Essas unidades dispõem de escolas, equipamentos culturais (como teatros e galerias de arte), restaurantes, academias, quadras poliesportivas, campos de futebol, entre outros espaços e projetos. Para conhecer cada unidade, os projetos ou acessar a programação do mês do Sesc em Pernambuco, basta acessar www.sescpe.org.br.